AFE – Capítulo 167 – Reunião

PDF:Capítulo 167 – Reunião

Capítulo Anterior || Índice|| Próximo Capítulo

Graças ao embrião da espada, Ai Hui se acostumara há muito a ter controle sobre os movimentos circundantes. Seus seis sentidos eram mais nítidos e melhores que os muitos Mestres Elementalistas. Mesmo a alta altitude, o silencioso morcego de sangue não podia escapar dele.

Mas a voz atrás dele era como um fantasma que apareceu do nada.

Ele não detectou nada até ouvir.

Ele ficou chocado, mas sua experiência de combate da vida real o beneficiou em tal momento. Antes que seu cérebro tivesse tempo para processar a situação, ele já havia lançado sua Crista do Dragão Inferno para trás dele por instinto.

Mas estava vazio. A Crista do Dragão Inferno não pegou nada.

“Então é você, o garoto dos mil Yuan.” A voz doce e pegajosa de uma senhorita soou diante dele.

Ai Hui ergueu a cabeça. Ele não sabia quando, mas uma mulher vestida de vermelho sorriu para ele enquanto estava no ramo que havia aprisionado o Elementalista. Ela sentou-se facilmente, seu vestido vermelho como uma cachoeira.

“É você!”

Ai Hui ficou totalmente chocado. Era a mesma dama de vermelho que conhecera na frente da loja de macarrão.

“Ver um velho amigo me faz tão feliz.” Ela olhou para Ai Hui para cima e para baixo com entusiasmo. “Aqueles que vieram antes eram velhos ou feios; você parece o melhor. Veja, você não me pagou, mas eu disse que você é bonito.”

O estado mental de Ai Hui estava altamente tenso. A dama de vermelho tinha poderes insondáveis. Além disso, parecia…

Seu olhar caiu no ramo abaixo dela. As raízes das árvores que tinham sido tão selvagens antes eram agora silenciosas e plácidas. Mas lembrando como eles haviam sugado aquele Elementalista antes, a visão diante dele ainda o amedrontava.

Sua garganta secou e seu coração bateu cada vez mais rápido, mas ele se forçou a permanecer calmo. “Quem é você?”

“Eu sou uma beleza!”, A senhorita respondeu com antecedência antes de piscar. “Você não disse isso? Bonito como uma fada”.

Ela então balançou a cabeça, fingindo tristeza. “Os homens não têm coração, esquecendo o que disseram apenas alguns dias antes? De fato, se você quiser confiar nas palavras de um homem, você pode acreditar que existe um fantasma neste mundo. Gastar mil Yuan é inútil!”

Terminando a frase, ela não conseguiu conter um sorriso.

Ai Hui não relaxou no mínimo. As raízes das árvores permaneceram imóveis e a floresta circundante ficou quieta, mas a senhorita bonita e encantadora diante de seus olhos era imensamente poderosa. Seu riso tilintou como sinos de prata, reverberando ao redor da floresta.

“Você plantou o veneno de sangue?” Ai Hui engoliu sua saliva e manteve sua calma.

“Eu não sou tão capaz.” A senhorita olhou para Ai Hui para cima e para baixo novamente antes de continuar, “Blackie morreu por suas mãos, certo? Eu senti o cheiro dele no seu corpo mais cedo.”

“Blackie?” Ai Hui abriu os olhos e não ousou afrouxar.

“O bebê de sangue que eu estava mantendo. É um morcego muito poderoso.” A senhorita era duvidosa. “Que estranho. Você não é tão forte, então, como você matou Blackie?”

O couro cabeludo de Ai Hui começou a se sentir entorpecido. Ele finalmente entendeu por que ele a conheceu na frente da loja de macarrão. Ela estava tentando rastrear esse morcego de sangue!

“Seja como for!” A jovem se esticou. “Você matou Blackie, então você deve ser mais poderoso. Eu apenas gosto de coisas poderosas! Além disso, quão interessante – bonita como uma fada! Eu me sinto tão tímida! Não se preocupe, me siga no futuro, e eu vou deixar você ter uma boa vida”.

Interessante… Foi sua primeira vez que foi chamado de interessante.

Ai Hui não estava feliz. Em vez disso, ele estava tentando encontrar uma oportunidade para escapar, mas a situação não estava a seu favor.

Seu poder era imprevisível. Ele não conseguiu detectar a presença dela mesmo quando estava perto. O mesmo aconteceu quando ela voou para os ramos. Além disso, as raízes e vinhas circundantes não a afetaram, mas foram fatais para ele.

Então, as dentes de ervas daninha, grossos como paredes, eram obstruções naturais que bloqueavam seu caminho.

Em seu caminho, ele evitava com cuidado as bordas serrilhadas das ervas daninha ao atravessar. O momento em que ele cortou significou um beco sem saída para ele. Não havia absolutamente nenhum antídoto para o veneno do sangue neste momento.

A esperança de uma fuga direta e bem sucedida era muito pequena.

Quanto a qualquer arrependimento que ele teve por sua decisão de arriscar sua vida assim, não tinha sentido pensar nisso agora.

Ele ficou grato apenas que a senhorita não o atacou diretamente. Talvez ela tivesse experiência insuficiente, talvez fosse deliberada, ou talvez fosse um jogo para ela. Não importa o motivo, estancar o tempo era uma boa opção em sua situação atual.

Não houve falta de Elementalistas fortes desta vez. Se eles passassem, ele poderia aproveitar a chance de escapar.

Tudo certo!

A mente de Ai Hui estava girando rapidamente, mas seu rosto não mostrava nenhum sinal disso. Formulando rapidamente um plano, ele iniciou: “Por que vocês estão fazendo isso?”.

“Por quê?” A senhorita de vermelho perguntou ingenuamente: “Então, por que você está treinando?”.

“Para controlar meu próprio destino”, respondeu Ai Hui.

“Controla seu próprio destino?” A senhorita de vermelho deu um olhar vazio, mas logo começou a rir feliz. “Eu gosto de como isso soa! Na verdade, você é digno de ser meu subordinado. Que interessante.”

“E vocês, por quê?”, Perguntou Ai Hui em tom baixo.

“Somente Deus pode controlar seu próprio destino.” A dama de vermelho olhou de novo Ai Hui, seu olhar cintilando. “Como os seres comuns podem se livrar das correntes estabelecidas pelo destino? Claro, eles podem escolher um bloqueio melhor. Por exemplo, tornar-me meu subordinado assegurará um futuro brilhante. Pense nisso? Eu gosto quando as pessoas agem de acordo com seus desejos!”

“E então eu serei seco como ele?” Ai Hui respondeu friamente enquanto apontava para o cadáver dessecado no chão.

“Você o matou.” O rosto sorridente da senhorita era como uma flor. Vendo o olhar de incredulidade de Ai Hui, ela continuou sem pressa: “Embora ele estivesse preso, na verdade era sua boa sorte. Não olhe para baixo sobre esse sangue. Eles são a essência espiritual de inúmeros insetos e bestas de sangue, e talvez mil ou dez mil deles entraram em seu corpo. Você não acha que é uma boa sorte? Se ele tivesse sobrevivido, sua força aumentaria exponencialmente, muito mais rápido que seu treinamento. Você foi movido? Você quer controlar seu próprio destino? Como você pode fazer isso sem energia? Eu posso te dar poder – muito mais do que você tem agora! Que tal? Você foi movido”

Ouvindo isso, era como se as ondas furiosas tivessem batido no peito. Ele não era mais capaz de manter a calma. “Vocês engoliram todos os insetos de sangue, tratando-os como nutrientes e reunindo-os em um corpo humano…”.

“Um corpo humano? Não, não, não!” A senhorita de vermelho balançou a cabeça como um tambor de chocalho. “Ninguém pode suportar o poder de tantos insetos de sangue. Mesmo Deus não pode fazê-lo. Os seres humanos não devem ser tão gananciosos!”

“Talvez você tenha o dom!” Ela dimensionou Ai Hui antes de continuar, “Eu vou deixar você tentar mais tarde, não se preocupe. Sou muito generosa. Se você quiser, eu vou dar a você.”.

A senhorita mostrou uma expressão encantadora e piscou para Ai Hui.

Ai Hui finalmente entendeu por que a floresta estava tão morta e silenciosa. Ele sentiu um arrepio em seu corpo, uma mão incorpórea firmemente estrangulando sua garganta.

Os eventos que estão se desenvolvendo subverteram completamente todo o seu conhecimento.

Clap!

Um som como o de uma melancia que se separava de repente soou do fundo da floresta.

“Ei, essas pessoas têm uma essência tão fraca.” A senhorita estava claramente descontente. “Eles não podem suportar tão pouco Força espiritual de Sangue? Sem utilidade. Deus nem quisera tal lixo. A maior contribuição que o lixo pode fazer é tornar-se nutrição para um gênio. Sigh[1], há nutrientes suficientes, mas não talentos suficientes. Ei, você é um gênio? “

Ai Hui inalou bruscamente em uma tentativa de conter o palpitar de seu coração.

Esse som deve ter sido de um Elementalista que não conseguiu suportar a infusão de Força Espiritual de Sangue…

Espere!

Força Espiritual de Sangue!

Ai Hui rapidamente compreendeu o cerne do assunto. Força Espiritual de Sangue – Força Espiritual! Tendo desaparecido há mais de mil anos, a força espiritual, uma vez resplandecente e magnífica, realmente reapareceu…

Isso não é real…

“Força Espiritual, você disse?”, Perguntou Ai Hui com voz rouca. Seu estado de espírito estava totalmente desconsiderado nesse ponto. Ele até se esqueceu de fugir.

Por causa da força espiritual.

Ele sabia o que o reaparecimento dela significava.

Suas técnicas e segredos de espadas podem ser úteis. Os inúmeros manuais de espadas que ele havia lido que estavam cobertos de sujeira e considerados como lixos poderiam ser úteis novamente. Seu brilho coberto de poeira, espalhado em anos de lendas e folclores, ressurgiria nesta terra.

Os cultivadores extintos recuperariam seu mundo. Seja Avalon dos Cinco Elementos ou a Região Selvagem, não valem a pena mencionar na frente deles. Ninguém poderia parar os cultivadores.

Impossível…

“Sim.” A senhorita sorriu. “Ansioso para isso? O cultivo está se tornando um termo há muito esquecido. Olhe, finalmente conseguimos recuperar nosso legado. Que tal? Você está animado? Provavelmente ficando impaciente…”.

De repente, com grande força, Ai Hui carregou para a Cidade do Pinho Central como uma flecha lançada.

“Os homens estão cheios de palavras vazias!”

Uma voz indistinta viajava por detrás de Ai Hui. Sua respiração era perfumada e presa perto de seu corpo.

Um raio frio passou pelos olhos de Ai Hui. Sem um som, a Crista do Dragão Inferno bateu para trás de sua axila esquerda.

Errou novamente!

Droga!

As coisas não estavam bem. Sem esperar por Ai Hui se virar, a voz soou mais uma vez da parte de trás do pescoço.

“Sabe por que estou falando com você por tanto tempo? Tanto lixo é bastante incômodo, então estou esperando que essas árvores se recuperem, e eu posso preparar uma grande refeição para você. Não sou especialmente gentil com você?”

Sem aviso, Ai Hui parou e, com o poder de ambas as pernas, avançou com todas as forças.

[Arqueamento Dorsal do Peixe]!

Mas foi mais uma vez infrutífero. O coração de Ai Hui caiu.

A voz veio de trás do pescoço de novo. A senhorita colocou-se sobre ele, seus sopros de arrasto pousando logo acima de suas orelhas.

“Embora eu goste quando as pessoas agem de acordo com seus desejos, se eles não podem fazer isso, acho que é de bom gosto usar minha força sobre eles também. Garoto dos Mil Yuan, eu vou deixá-lo confortável[2]”.

O corpo de Ai Hui ficou tenso como se de repente, seu corpo ficasse preso aos objetos parecidos com raízes. A imensa força fez seu corpo perder todo o controle, e com quão fortemente estava preso, sentiu-se como se estivesse perdendo a consciência.

.

Ele iria morrer?

Ou se tornar um monstro?

Os membros de Ai Hui estavam gelados.


Nota:

[1] Onomatopeia para suspiro.

[2] Pode ter ficado meio estranha essa frase, mas não achei uma tradução melhor, basicamente, ela diz que caso uma pessoa não consiga agir de acordo com seus desejos, ela pode ajuda-los á completa-lo.


Capítulo Anterior || Índice|| Próximo Capítulo
Rolar para o topo