AFE – Capítulo 381

Avalon dos Cinco Elementos

Não carregou? Ative seu JavaScript
Atualizar

Capítulo Anterior   ||   Índice  ||   Próximo Capítulo


Capítulo 381: Recuperando Perdas

Uma longa e árdua jornada cheia de provações e tribulações.

Depois de voar consecutivamente durante três dias e três noites, Ai Hui finalmente parou em seu caminho e desembarcou em um vale escondido. Ele continuou mudando sua localização durante a viagem para garantir que ninguém o seguisse.

Depois de experimentar dias de fortes chuvas na estrada, Ai Hui parecia bastante abatido, mas seus olhos eram incrivelmente brilhantes. Eles brilhavam como duas chamas sem fim, que não podiam ser destruídas pela chuva.

Ao afastar a tristeza, Ai Hui sentiu como se nascesse de novo.

A energia elementar dentro de seu corpo estava esgotada e ele precisava desesperadamente de um descanso.

Com a Silverfold Plum na mão, ele suspirou pesadamente e começou uma Rotação do Ciclo Circulatório.

Um assobio acentuado poderia ser ouvido quando Ai Hui absorveu vertente após vertente de energia elementar do metal. Uma fonte de água limpa começou a sair da terra seca ao redor dele, disparando no ar e girando em torno de seu corpo. A água condensou-se em bolas de pílulas de espadas de energia elementar que se tornaram parte da Rotação do Ciclo Circulatório.

Uma neblina branca percorreu lentamente o corpo de Ai Hui, envolvendo-o num manto de névoa. A chuva começou a cair do céu, cada gota se vaporizando quando entraram em contato com a névoa.

Se houvesse um elementalista do metal voando na vizinhança, notaria que os ventos metálicos de uma iminente tempestade estavam sendo canalizados para este pequeno vale.

Um círculo de luz que tinha duas cores distintas podia ser visto no chão sob os pés de Ai Hui. Um anel exterior de cor marrom rodeou um círculo branco.

O anel externo do círculo era energia elementar da terra extremamente densa. A cor marrom desapareceu em direção ao círculo interno, que era puramente de cor prateada. O círculo puramente prata no meio era energia elementar do metal.

No Segundo Reino Elemental, Ai Hui conseguiu transformar a energia elementar da Terra em energia elementar do Metal. Isso significava que ele poderia controlar ambos os tipos de energia elementar.

Ao recuperar sua energia elementar, o estresse em seu corpo diminuiu rapidamente e a mente de Ai Hui tornou-se mais lúcida. Ele melhorou claramente após sua na Cidade de Prata. Tendo passado por todos os tipos de obstáculos físicos e emocionais, Ai Hui era agora muito mais resiliente.

Ter uma mente clara e entender a si mesmo era essencial para atingir um nível mais alto de consciência.

Ele também experimentou uma leve melhoria em seu controle na energia elementar.

Ai Hui foi iluminado. Ele percebeu que alcançar a externalização elementar significava que era necessária uma compreensão profunda do próprio espírito, além de um profundo entendimento da energia elementar.

Ele lembrou-se de algo que ele havia lido em um livro.

“Um corpo forte precisa de uma alma igualmente poderosa”.

A Rotação do Ciclo Circulatório foi executada em perfeita ordem.

As redondas e giratórias pílulas da espada de energia elementar eram sua arma secreta. O poder explosivo concedido pelas pílulas da espada de energia elementar foi a razão pela qual suas habilidades de espada eram tão poderosas.

Com sua atenção focada no Ciclo Circulatório, ele logo descobriu um problema.

A energia elementar dentro de seu corpo era excepcionalmente densa. Depois de chegar ao Segundo Reino Elemental, seu controle da energia elementar ambiental foi grandemente aprimorado. Desde então, ele conseguiu aumentar a concentração de energia elementar ao redor dele. No entanto, sua taxa de absorção não aumentou muito.

Isso não foi surpreendente. Na verdade, este era um problema que todos os elementalistas acabariam enfrentando.

A externalização elementar alcançada significou que o corpo já havia atingido o limite superior da quantidade de energia elementar que poderia armazenar. A taxa de absorção também estaria no máximo. O corpo de um elementalista era como uma válvula, e no momento em que ele conseguiu a externalização elementar, essa válvula teria sido aberta para sua capacidade máxima. A maioria das pessoas achou que essa quantidade era adequada e assim se concentraram no controle da energia elementar que era externa ao corpo.

Ai Hui tinha uma perspectiva diferente.

Durante suas batalhas, ele notou que o controle da energia elementar externa era diretamente afetado pela energia elementar interna. Se a energia elementar dentro de seu corpo estivesse esgotada, seu controle sobre energia elementar externa provavelmente também seria perdido.

Em uma batalha de alta intensidade, a capacidade de restaurar rapidamente a energia elementar melhorou significativamente a eficácia do combate. Havia apenas duas maneiras conhecidas de melhorar a velocidade de recuperação. O primeiro foi expandir a ‘válvula’, e o outro foi aumentar o poder de extração. O poder de extração veio da Rotação do Ciclo Circulatório. Quanto mais rápida a rotação do ciclo, mais rápida é a taxa de absorção de energias elementares. No entanto, esta velocidade não poderia simplesmente ser aumentada à vontade, uma vez que as energias elementares externas continham uma grande quantidade de impurezas. Um refinamento contínuo e esforçado através do uso do Ciclo Circulatório foi necessário para purificar adequadamente as energias elementares externas.

Se o ciclo fosse muito rápido, as impurezas poderiam permanecer na energia elementar durante a absorção. A energia elementar que não era pura o suficiente poderia ser extremamente prejudicial aos elementalistas.

Como o aumento da velocidade de Rotação do Ciclo Circulatório não era possível, a ‘válvula’ poderia ser aumentada?

Uma ideia ousada de repente surgiu de sua mente. Isso foi possível? Ai Hui foi cativado por sua própria ideia e ele logo começou a explorar suas complexidades.

A Rotação do Ciclo Circulatório envolveu em grande parte as cinco residências e oito palácios dentro do corpo. Como tal, a energia elementar dos arredores deve atravessar o corpo antes de poder ser totalmente incorporada na Rotação do Ciclo Circulatório.

Espere!

Ai Hui lembrou que sua Rotação do Ciclo Circulatório era diferente dos outros. Além das cinco residências e dos oito palácios, sua Rotação do Ciclo Circulatório teve um aspecto adicional – sua espada.

Esta era uma prática com a qual ele continuara mesmo depois que o embrião da espada havia se quebrado. Quando ele ainda tinha o embrião da espada, segurar uma espada ajudava a melhorar seu controle da energia elementar.

Absorvendo energia elementar através da espada em vez de seus pulmões e pele? Não aumentaria muito a eficiência da Rotação do Ciclo Circulatório?

Sentindo-se motivado, Ai Hui começou a testar sua hipótese.

Ele tentou absorver a energia elementar diretamente de sua espada antes, mas não foi particularmente eficaz. Desta vez, Ai Hui impediu todas as outras partes de seu corpo de absorver a energia elementar antes de tentar absorver diretamente a energia elementar através da Silverfold Plum.

O que aconteceu depois lhe deu uma surpresa.

A energia elementar do metal em seu entorno se acumulou ao redor dele. A enorme quantidade deu-lhe um choque.

A Silverfold Plum foi forjada a partir do metal e, como tal, teve uma afinidade extremamente alta para a energia elementar do Metal. A energia elementar do Metal fluía facilmente na espada, e nem mesmo a menor resistência podia ser sentida.

Os seres humanos eram criaturas de carne e osso. Mesmo que seus corpos fossem totalmente temperados, eles ainda eram feitos de carne. Como tal, apesar de ser mais forte e ter uma maior afinidade pela energia elementar do metal do que o habitual, o corpo temperado de Ai Hui ainda nunca conseguirá combinar a afinidade entre o metal puro e a energia elementar do Metal.

No entanto, Ai Hui logo encontrou novos problemas. A quantidade de energia elementar ambiente era muito grande, e a Silverfold Plum rapidamente se tornou saturada de energia elementar. A quantidade excessiva de energia elementar causou uma obstrução no Ciclo Circulatório e a rotação terminou.

O Silverfold Plum pareceu também encontrar alguns problemas. Exumava uma luz intensa e deslumbrante, como se toda a lâmina estivesse coberta por uma camada de mercúrio. Um som de zumbido contínuo poderia ser ouvido.

Estava sobrecarregada.

O metal era o material que continha a maior quantidade de energia elementar do Metal. O metal que se formou em áreas ricas com energia elementar do Metal seria constantemente banhado nessa energia. Este processo aumentou consideravelmente a qualidade do metal, e poderia mesmo transformá-lo.

No entanto, todos os tipos de metal ainda tinham um limite sobre a quantidade de energia elementar do Metal que poderiam suportar. Um influxo súbito de energia elementar do Metal excessivo poderia fazer com que o metal explodisse.

A Silverfold Plum era um produto de alta qualidade da Assembleia dos Patriarcas que era tão poderoso quanto às armas de Grau―Céu. Isso significava que poderia durar até Ai Hui se tornar um Mestre.

Quanto mais forte o elementalista, mais pura e explosiva a energia elementar será. As armas feitas de materiais comuns não conseguiram suportar energia elementar tão pura e poderosa.

Ai Hui não esperava que sua ideia funcionasse bem, até o ponto em que mesmo a Silverfold Plum ficaria sobrecarregada.

Ele apressadamente expulsou o excesso de energia elementar da Silverfold Plum.

Ai Hui então começou sua segunda tentativa. Desta vez, ele tentou diminuir a velocidade da Rotação do Ciclo Circulatório.

Uma fina vertente de energia elementar fluiu da lâmina Silverfold Plum para o palácio da mão direita de Ai Hui e tornou-se perfeitamente integrado no Ciclo Circulatório. À medida que fluía através do ciclo, a fina vertente de energia elementar se condensaria em pílulas da espada.

Depois de completar uma rotação, as pílulas da espada de energia elementar agora estavam fluindo de volta para a Silverfold Plum.

A primeira pílula de espada de energia elementar a entrar colidiu com a energia elementar externa que estava sendo absorvida pela Silverfold Plum. As vertentes da energia elementar começaram a envolver a pílula da espada de energia elementar que estava rotacionando rapidamente, aumentando seu tamanho. O mesmo aconteceu com as subsequentes pílulas da espada de energia elementar.

Essas novas pílulas da espada de energia elementar continuariam fluindo dentro do Ciclo Circulatório.

Como ele continuou com o processo, Ai Hui logo descobriu que ele não conseguiu acelerar a absorção da energia elementar da espada. O Ciclo Circulatório ficaria atolado uma vez que a quantidade de energia elementar que estava sendo absorvida aumentasse.

Aumentar a taxa de recuperação da energia elementar não seria assim tão fácil, afinal.

No entanto, Ai Hui não ficou desapontado com isso. Ele estava completamente focado nas pílulas da espada de energia elementar dentro de seu corpo. Algumas delas eram muito grandes, quase o dobro do tamanho daquelas que ele era capaz de formar antes.

Até então, ele nunca tinha pensado em formar pílulas da espada de energia elementar maiores.

Ai Hui perguntou-se o que as novas mudanças nessas pílulas da espada de energia elementar maiores trariam.

Depois de terminar uma última rotação, Ai Hui abriu os olhos. Com certeza, seu julgamento estava correto. Ele levou um pouco mais para recuperar sua energia elementar dessa maneira.

Ele decidiu experimentar as pílulas da espada de energia elementar maiores.

Com um movimento de seu pulso, o Silverfold Plum emitiu um raio de espada brilhante no espaço vazio na frente dele.

[Investida Celestial]!

Um pequeno buraco apareceu silenciosamente em uma rocha que estava a cerca de dois metros de distância.

Ai Hui podia sentir a diferença desse movimento sozinho. As pílulas da espada de energia elementar maiores eram muito mais explosivas – parecia que ele estava atirando um canhão.

Ele voou para a rocha e inspecionou-a. Seu movimento tinha feito um buraco limpo através da rocha de 3 metros de largura. Ai Hui estava satisfeito com o poder que acabara de desencadear.

Levando para o céu, ele executou a [Investida Celestial] novamente.

Um raio de espada delgado disparou pelo ar como uma flecha.

O raio voou por uns bons duzentos metros antes de desaparecer gradualmente.

Seus olhos se iluminaram com prazer. Até esse instante, [Lua Crescente] tinha sido seu único ataque de longo alcance. Habilidades como [Seis Luas] tinham um alcance máximo de apenas trinta metros.

A [Investida Celestial] que ele acabara de executar foi muito parecido com o tiro de uma flecha. No entanto, o raio da espada produzido era ainda mais nítido e mais silencioso do que uma flecha.

Por outro lado, o alcance foi patético quando comparado ao arco e flecha.

Um mestre arqueiro poderia facilmente atingir um alvo a uma dúzia de quilômetros de distância.

Até o momento, o recorde estava em cento e cinquenta e sete quilômetros.

Foi definido há mais de seiscentos anos, quando um mestre arqueiro conseguiu matar uma besta fera com um tiro desta distancia. Essa façanha trouxe uma tempestade ao mundo e tornou o tiro com arco e flecha imensamente popular. Foi então que as profissões como os assassinos de longa distância decolaram também.

Tiros insanos como estes eram, obviamente, extremamente tributários para disparar. Mesmo um Mestre não seria capaz de disparar mais do que um punhado deles em curtos períodos.

Ai Hui ficou satisfeito com os duzentos metros que ele ganhou.

Além disso, este foi apenas o começo. Ele estava confiante de que ele poderia melhorar ainda mais.

Embora ele não tenha tido sucesso em aumentar sua taxa de recuperação, Ai Hui, inesperadamente, conseguiu melhorar sua faixa de ataque.


Capítulo Anterior   ||   Índice  ||   Próximo Capítulo

Aviso do Tradutor:

Asu

Asu

Rolar para o topo