AFE – Capítulo 48 – Frequentando a Aula

Capítulo Anterior || Índice || Próximo Capítulo

 

Depois de abrir seu primeiro residência natal(?), Ai Hui percebeu que suas experiências anteriores não eram tão úteis agora. Houve uma diferença drástica na rotação de sua energia elementar atual comparada ao passado. Cada movimento foi composto por vários detalhes minuciosos. Se um pequeno detalhe não foi realizado corretamente, diminuiu o impacto e a potência do movimento geral. Como distribuir a energia, como girar a energia elementar, quando acelerar, quando diminuir a velocidade – todos esses detalhes determinam o poder final de um movimento.

Devido à sua riqueza de experiências práticas, Ai Hui era um indivíduo ardente.

Ele não passou o tempo contemplando idéias abstratas, e ele não acreditava ser capaz de tais conceituações. Embora tenha conseguido algum nível de sucesso no Pagode de Suspensão Dourado, ele não foi complacente. O Professor Dong estava claro em suas explicações e ele próprio havia passado muito tempo na Região Selvagem. Eventualmente, ele conseguiu compreender as idéias depois de colocar muito esforço.

Ai Hui possuía alta autoconsciência e sabia que ele não era talentoso. A maior parte do conhecimento que ele adquiriu não foi aprendido convencionalmente.

Os métodos de energia elementar no Campo de Indução estavam progredindo por mil anos, polidos por muitos gênios e seniores. Eles definitivamente seriam melhores do que ele. A única coisa que ele poderia fazer era perseverar, praticar duro e ser diligente em aprender o que os professores ensinavam.

O que era considerado ser estudioso?

Era ser capaz de entender todos os detalhes que os professores ensinavam. Por que isso era rápido e por que aquilo era lento? Um só seria considerado bem estudado depois de dividir a informação em partes menores, decifrando completamente esses segmentos e executando adequadamente com base nesse conhecimento.

A bomba-relógio da demissão acadêmica não era mais uma ameaça apos à abertura de sua residência natal. Ele agora tinha quatro anos para aprender em seu próprio ritmo sem se precipitar. Enquanto ele fosse diligente e firme em seus estudos durante esses quatro anos, ele provavelmente poderia se registrar como elementalista documentado.

Embora o resultado fosse incerto, este era um objetivo que ele estava trabalhando duro para conseguir.

Tendo visto tanta vida e morte, Ai Hui teve uma compreensão clara das diferentes facetas da vida.

Ele viu a fragilidade que impediu as pessoas de ter pensamentos ambiciosos e planos irrealistas.

Enquanto o professor explicava o básico na classe de treinamento, Ai Hui prestou muita atenção. Apenas um quarto da classe estava presente, com o restante dos assentos vazios. A maioria dos presentes era do Território Antigo. Como esta era uma classe realmente básica, havia pouco conteúdo que os alunos da Avalon dos Cinco Elementos ainda não tinham aprendido.

A Academia do Pinho Central permitiu aos alunos ter a liberdade de escolha em suas aulas. Como os antecedentes de cada aluno variaram, as orientações que eles exigiam também diferiam. Estudantes semelhantes ao gênio Duanmu Huanghun estavam muito à frente dos outros alunos normais. As aulas típicas não tinham significado para eles. A Academia do Pinho Central considerou esse cenário e nomeou o professor mais destacado para orientar esses alunos excepcionais. Fora da sala de aula, estudantes notáveis ​​também tinham a orientação da Sociedade de Excelência.

Ai Hui nunca pensou em si mesmo como um gênio, mas ele também nunca sentiu que Duanmu Huanghun era um gênio – essa juventude desdenhosa, infantil e rude!

Ai Hui absorveu com avidez o que o professor estava ensinando. O sobrenome do professor era Wang. Ele ensinou os fundamentos, como o que prestar atenção durante o treinamento após a abertura do residência natal, quais novos movimentos podem ser aprendidos e qual professor deve consultar para aprender esses movimentos.

Todos os aspectos do Avalon dos Cinco Elementos estavam intimamente ligados à energia elementar. Mais de uma vez, Ai Hui ouviu do professor que, para estabelecer uma energia elementar de cinco elementos mais abrangente, o sistema deve ser aperfeiçoado para atingir o nível da Era do Cultivo de centenas de milhares de anos atrás.

A grande consideração do professor pelo Mundo do Cultivo pegou Ai Hui de surpresa, mas ele gradualmente entendeu o porquê. O Avalon of Five Elements foi estabelecido a partir das ruínas do Mundo do Cultivo. De um certo ponto de vista, eles se originaram da mesma fonte. No entanto, o Avalon dos Cinco Elementos só teve mil e quinhentos anos de história. Nem era considerado um bebê quando comparado à longa história e glória do Mundo do Cultivo.

Quando o professor ensinou sobre a proliferação do sistema de treinamento da energia  elementar no Território Antigo, Ai Hui poderia muito bem se relacionar com o tema.

Antes de entrar na Região Selvagem, ele sempre morou no Território Antigo. Comparado ao Avalon dos Cinco Elementos, o Território Antigo era um mundo completamente diferente. Era uma vez o centro do Mundo do Cultivo, mas agora havia regredido para o nível de uma área rural. A vida no Território Antigo era muito lenta e silenciosa. Sob a proteção do Avalon dos Cinco Elementos não havia bestas ferozes ou tribos bárbaras.

O Território Antigo não era um lugar onde o treinamento era freqüentemente discutido. A concentração de energia elementar era muito baixa; não tinha bestas ferozes, e também não tinha materiais para treinar. Além disso, faltava a orientação dos professores e o meio ambiente para a formação era muito fraco, embora esta situação tenha melhorado nos últimos anos. Muitos elementalista que se originaram do Território Antigo retornariam às suas cidades natais quando chegaram a uma certa idade e criariam Salões de Treinamento para orientar as pessoas locais no treinamento de energia elementar.

O professor não conseguiu parar de falar durante sua palestra e ocasionalmente criticou algumas das políticas do Avalon dos Cinco Elementos.

Ai Hui percebeu que os professores do Campo de Indução tinham suas preferências pessoais. Por exemplo, o Professor Dong gostava de falar sobre a história do Avalon dos Cinco Elementos e do Professor Wang, que estava na frente dele, adorava falar sobre o futuro. Isso provavelmente teve que ver com a influência do Campo de Indução. Independentemente de ser uma família influente ou as Treze Divisões, era difícil influenciar o Campo de Indução.

Não só Ai Hui não pensou que essas palestras eram chatas, ele realmente ouviu com interesse ávido. Não importa se fosse o passado ou o futuro, eram todas as coisas que ele não tinha conhecimento prévio, então ele ouviu para expandir seus horizontes.

“Suponha que cada um de vocês acabou de abrir sua residência natal. Eu não recomendaria começar imediatamente o treinamento de novos movimentos. Por quê? Por que essas técnicas podem facilmente limitar nossa compreensão em relação à energia elementar. Muito da nossa compreensão em relação à energia elementar é superficial. Alguns discordaram, argumentando que as cinco residências e os oito palácios eram perfeitos e completos. Certamente, quando comparado ao antigo sistema de energia elementar, as cinco residências e oito palácios atuais são muito mais avançados e completos. Sabe-se amplamente que, até à data, o desenvolvimento da energia elementar só estava em andamento há mil anos. Olhe para a Era de Cultivo anterior. O Sistema de Cultivo foi tão ilimitado e vasto, ainda tão detalhado. Comparativamente, a metodologia das cinco residências e  dos oito palácios eram escassas e cruas. Assim sendo, todos devem estar familiarizados com sua própria energia elementar. Compreender isso seria como entender um parceiro. “

No entanto, os alunos estavam evidentemente desinteressados ​​nesse ponto de vista.

A atmosfera acadêmica no Campo de Indução foi muito liberal, especialmente para os professores que enfrentavam ainda menos restrições. Enquanto os professores completarem seu trabalho, a escola não iria intervir em seus assuntos pessoais.

A atmosfera viva e progressiva permitiu que o Campo de Indução tenha as mais numerosas teorias e escolas de pensamento no Avalon dos Cinco Elementos. Também foi estimulado que o número de professores no Campo de Indução era equivalente ao número de pesquisadores e escolas de pensamento (Nt: Cada um tinha o seu jeito de pensar).

Os estudantes haviam se tornado habituados e imunes aos “interesses de pesquisa pessoal” de cada professor. Nem todas as teorias dos professores eram de interesse para os alunos.

Aparentemente, os professores estavam acostumados a tais reações.

Esses movimentos extravagantes e chamativos foram os mais atraentes para iniciantes. Em seus olhos, a extravagância era uma indicação de poder. Os professores já foram estudantes e também familiarizados com essas mentalidades.

“Tudo bem, tudo bem. Eu sei o que os alunos querem aprender. Não importa o quão fácil é um movimento, para praticar corretamente, você deve tomar nota do seu atributo pessoal. Quanto mais fácil for, mais detalhes você deve tomar nota. “

O professor viu que os estudantes haviam perdido seu interesse há muito tempo, então ele decidiu terminar a aula.

Ele se sentiu um pouco desamparado. Parecia que, desde que ele nasceu, ninguém mais estava interessado em qualquer tópico sobre o qual ele quisesse ensinar.

Embora houvesse muitas palestras sobre temas como esta no Campo de Indução, ainda o faz sentir emocional..

Os alunos não podiam esperar para sair, ansiosos para preparar e praticar suas próprias técnicas de combate.

O professor estava coletando suas coisas e se preparando para sair quando uma voz soou.

“Professor, você poderia explicar mais? Como melhoramos a nossa compreensão de nossa energia elementar? “


Nota:

(?) = na Tradução estava Palácio Natal, mas na Raw estava Residência, então optei por deixar residência.


 

 

Capítulo Anterior || Índice || Próximo Capítulo
Rolar para o topo