Capítulo 35 – Corra Garoto

Bruxo Inumano

Não carregou? Ative seu JavaScript
Atualizar

Corra Garoto


Tradutor: <Impronunciável>

Enquanto Lúcifer olhava para a tela do telefone, ele viu dois botões.

Ele apertou o botão verde e colocou o telefone mais perto dos ouvidos.

“Zach, qual é a situação? Você encontrou aquele garoto lá ou não? Estou indo, mas vou demorar mais uma hora. Responda se você o encontrar”, disse o homem do outro lado da linha. Parecendo calmo, mas curioso ao mesmo tempo.

“Zach não pode atender o telefone agora. Ele está um pouco… ocupado” respondeu Lúcifer, olhando para o corpo sem vida perto de seus pés.

“Quem é você? Onde está Zach?” o homem perguntou, enquanto sua voz ficava um pouco mais alta.

“Eu? Acho que sou quem você está procurando. Zach está inconsciente, deitado abaixo dos meus pés, e se você não me responder, ele vai morrer” disse Lúcifer, mentindo para conseguir o que queria.

Ele não se importava se tivesse que usar truques. Zach havia dito que seus superiores deveriam saber. Pela maneira como o homem falava, provavelmente era o superior de Zach. Ele deve saber as respostas, Lúcifer presumiu.

* * * * * * * * * * * * * *

Em outra parte do país, um grupo de pessoas estava sentado em um helicóptero que estava voando.

Um homem ruivo parecia falar com alguém ao telefone.

Ele era Xander Blake, o líder do Esquadrão Delta e Bruxo Rank-S.

“Você é… Lúcifer Azarel?” Xander perguntou a Lúcifer.

Os outros membros da equipe também ouviram suas palavras, ficando instantaneamente chocados.

* * * * * * * * * * * * * *

“Não importa quem eu sou. A única coisa que importa é o que eu quero. Você está disposto a responder às minhas perguntas ou devo matá-lo? Não vou esperar uma hora pelas minhas respostas” avisou Lúcifer Xander, sabendo que os homens estariam aqui em uma hora.

“Tudo bem. Eu responderei. Não os mate,” Xander concordou. Para ele, a vida de seus homens era importante.

“Bom. Qual é o meu nome?” Lúcifer perguntou mais uma vez para testar algo.

“Lúcifer Azarel,” Xander respondeu.

“Como meus pais morreram?” Lúcifer perguntou novamente.

“Eles morreram durante uma missão de exploração de masmorras.”

Lúcifer fez dezenas de perguntas aleatórias relacionadas a ele e sua família enquanto circulava antes de finalmente chegar ao ponto.

“Qual é o nome do lugar onde fui mantido por cinco anos?” Lúcifer perguntou. Na verdade, essa era a única pergunta que ele queria saber.

Ele intencionalmente fez dezenas de perguntas aleatórias, então eles não entenderam qual era sua intenção ou o que ele realmente queria saber.

“O Centro de Pesquisa Dilion,” Xander respondeu imediatamente como todas as outras vezes.

“Onde está localizado?” Lúcifer perguntou novamente, finalmente sentindo que estava perto das respostas de que precisava.

“Ele está localizado na cidade de Erygas”, Xander respondeu novamente.

“Quem é o líder dessa instalação?”

“Pelo que eu sei, é tratado pelo Dr.Rao.”

“Qual o seu nome?”

“Xander Blake.”

“Qual seria a minha punição se você me capturar?”

“Deveria ser a morte, mas eu prometo a você que vou reduzir o seu castigo. Na pior das hipóteses, você vai pegar alguma prisão, já que é jovem… talvez alguns anos.”

“Qual será a minha punição se eu matar seus homens agora?”

“Eu vou te encontrar e eu vou te matar.”

Lúcifer não pôde evitar dar outra olhada nos cadáveres próximos. Ele já os havia matado.

“Uma última pergunta”, disse ele. “Por que eu tive que passar por tudo isso quando meus pais lutaram pela segurança de todos vocês?”

“Passar pelo quê?” Xander perguntou enquanto uma carranca cobriu seu rosto. Pelo que lhe foi dito, foi um efeito colateral que matou Lúcifer, de acordo com aquele médico, embora ele não acreditasse inteiramente na história.

“Você não sabe o que eles fizeram?” Lúcifer perguntou enquanto os ventos frios roçavam sua pele.

“Eles me disseram que você morreu por causa de um efeito colateral dos remédios. Há algo mais que não me disseram?”

O som de um helicóptero ficou evidente no fundo da chamada, que transportou Xander e sua equipe até a localização de Lúcifer.

“Ou você não sabe sobre a tortura ou está agindo como ignorante. Em qualquer caso, está tudo bem”, Lúcifer murmurou enquanto jogava o telefone perto do corpo de Zach. “A única coisa que importa é que eu me lembro.”

“Olá, Olá?” Xander continuou falando, tentando obter uma resposta. Infelizmente, não houve resposta.

Lúcifer entrou na casa, deixando o telefone para trás.

Ele usava um conjunto de camiseta de sua mãe, porque ela era menor em tamanho, enquanto também vestia sua calça jeans. Mesmo com as roupas um pouco soltas, ele conseguiu mantê-las no lugar com a ajuda do cinto antes de sair de casa.

Olhando para trás para a casa uma última vez, ele tentou memorizar este lugar que era sua casa. Ele não tinha certeza se voltaria ou veria isso mais uma vez.

Ele deixou a área e caminhou o mais longe que pôde antes de perguntar a alguém a direção de Erygas.

“Estou ocupado,”

“Fale com outra pessoa,”

“Eu não sei,”

Ele conversou com mais de oito pessoas, mas essas foram as únicas respostas que recebeu.

A nona pessoa era uma velha sentada em uma cadeira em um parque. Foi ela quem realmente respondeu.

“Erygas deveria estar naquela direção”, a velha respondeu a ele enquanto apontava para uma direção específica. “Mas pode demorar seis dias se você for de carro.”

Lúcifer a deixou para trás e começou a caminhar na direção para a qual ela apontou.

* * * * * * * * * * * * *

Um helicóptero militarizado pousou perto da casa de Lúcifer cerca de uma hora depois de sua partida.

Xander e seus homens saíram do helicóptero apenas para ver os corpos de Zach e dos outros.

“É um massacre”, murmurou um dos companheiros de equipe de Xander ao ver os cadáveres.

Mesmo que os novos membros tenham entrado recentemente, mas vê-los mortos não foi uma sensação boa.

“Mesmo depois de obter as respostas, ele os matou,” Xander murmurou enquanto olhava para o corpo de Zach.

Ele ergueu a cabeça em direção ao céu e disse: “Pensei que você fosse um menino que passou pelas circunstâncias erradas, mas agora percebo que você é apenas um monstro que adora matar, Corra, garoto. Corra o mais longe que puder. Eu definitivamente vou te encontrar.”

“Devo verificar a casa?” Flourance perguntou a Xander.

Xander olhou para Flourance enquanto respondia: “Ficarei surpreso se você realmente conseguir encontrá-lo em casa. Ele provavelmente fugiu. Ele sabia que estávamos chegando.”

“Ainda é melhor verificar o interior. Podemos também seguir o protocolo.” Flourance comentou.

Xander simplesmente acenou com a cabeça, dando sua aprovação.

“Rion, leve os corpos de volta. Vamos ver o que podemos descobrir sobre ele. Ele é definitivamente muito mais forte do que eu esperava que fosse. Ainda há algumas coisas que não sabemos.” Xander disse a outro homem antes de começar a caminhar em direção ao corpo de Zach.

Tradutor:

Impronunciável

Impronunciável

Rolar para o topo