Capítulo 47: Bastian Retorna

Divindade: Contra o Sistema Divino

Não carregou? Ative seu JavaScript
Atualizar

Capítulo 47: Bastian Retorna

 

Tradutor: Ydominuss

“Eu sei, tio,” Mark balançou a cabeça orgulhosamente.

 

“Bom. Você quer chocolate?” Ryder disse.

 

“Sim, tio. Eu amo chocolate,” Mark respondeu enquanto acenava com a cabeça animadamente.

 

“Eu tenho um chocolate que trouxe da Terra do Chocolate. Custou um bilhão de dólares, mas posso vendê-lo barato. Você está disposto a comprá-lo?” Ryder disse.

 

Ele tirou um chocolate do bolso e mostrou a Mark.

 

“Da Terra do Chocolate?” Mark lambeu os lábios dela enquanto olhava avidamente para o chocolate em sua mão.

 

“Estou disposto, mas não tenho um bilhão de dólares”, disse Mark com tristeza.

 

“Como eu disse, vou vendê-lo barato. Apenas me dê tudo o que você possui e eu vou vender este chocolate”, Ryder disse inocentemente.

 

Ele continuou fazendo a dança do chocolate bem diante dos olhos de Mark. Ele não o estava deixando tirar os olhos do chocolate.

 

“Eu vou fazer isso!” Mark disse enquanto balançava a cabeça apressadamente. “Bom. Assine aqui então,” Ryder trouxe um documento e o colocou diante de Mark. O documento dizia que Mark estava tornando Ryder o proprietário de tudo o que ele possuía.

 

“Não tenho caneta, tio”, reagiu Mark.

 

“Está tudo bem. Eu tenho uma caneta”, disse Ryder.

 

Ele deu uma caneta para Mark. Ele veio totalmente preparado. Ele não podia deixar nada dar errado, afinal.

 

Mark assinou o papel onde ele apontou.

 

“Bom garoto. Aqui está”, Ryder deu o chocolate a Mark e colocou o documento no bolso da camisa.
#sistema#

<+>

Ding …

Missão concluída. O sistema ficará inacessível por 2 horas, pois passará por uma atualização.

<+>

#sistema-fim#

Ele ouviu a voz de Janus.

 

Um sorriso apareceu no rosto de Ryder quando ele ouviu o anúncio. Finalmente, sua dor de cabeça acabou. Ele se levantou e se virou para sair. Sua missão foi cumprida. Mas assim que ele começou a caminhar em direção à saída, Esmi saiu de seu escritório.

 

Ela estava procurando por Mark, mas seus olhos se arregalaram de surpresa quando ela notou Ryder.

 

“Ryder!” Ela gritou.

 

Ryder ficou surpreso ao ouvir a voz. Era a voz que ele não queria ouvir, afinal. Ele percebeu que era a voz de Esmi. Ele queria ir embora em silêncio e não perturbá-la neste lugar perigoso.

 

Ele não podia ir embora, infelizmente. Ele se virou para olhar para a pessoa que o chamou, e assim como ele esperava, era Esmi.

 

“Venha comigo”, disse Esmi enquanto olhava para Ryder.

 

“Isso vai ser ruim,” Ryder suspirou com um sorriso irônico enquanto caminhava em direção a Esmi.

Ela entrou em seu escritório. Esmi fechou a porta atrás dela.

 

“Você veio aqui e nem tentou me encontrar? Você estava tentando fugir?” Ela disse com um sorriso no rosto.

 

Ela se sentou em cima da mesa e descansou uma perna acima da outra enquanto enfrentava Ryder.

 

“Nem um pouco. Eu não queria incomodá-lo no escritório. Como você está?” Ryder perguntou.

 

“Tenho estado bem. Mas fico pensando. Por que você não me ligou depois daquela noite?” Esmi disse com um beicinho.

 

“Ah, bem. Eu não tinha o seu número e estava hesitando em vir para este lugar assim,” Ryder respondeu enquanto tentava ao máximo manter o foco em seu rosto em vez de em outra coisa.

 

“Por que você estava hesitando? Você acha que pode me abandonar depois de tudo isso?” Ela disse com um sorriso malicioso.

 

“Bem, eu não quero que sua posição seja afetada por minha causa”, Ryder estava tentando falar, mas Esmi colocou os dedos claros em seus lábios e o deteve.

 

Ela desceu de sua mesa enquanto se movia para trás de Ryder. Ela colocou os braços ao redor dele enquanto aproximava os lábios de seus ouvidos.

 

“Você não pode ser tão injusto comigo. Eu me sinto vazia sem você”, ela sussurrou em seus ouvidos.

 

“Isso …” Ryder não conseguia pensar no que dizer, já que era sua própria decisão.

 

“Você pode estar preocupado em estar comigo, mas de jeito nenhum vou deixar você me largar. Já faz muito tempo desde que eu finalmente tenho um homem de quem gosto.” Ela riu levemente quando veio para a frente.

 

Ela se sentou no colo de Ryder e beijou seus lábios.

 

Ryder também desistiu de resistir.

 

Ele passou os braços em volta dela enquanto respondia apaixonadamente ao seu beijo.

 

________________________

 

Enquanto Ryder estava dando o fruto do prazer proibido para Esmi, seu melhor amigo estava fora do clube.

 

Surpreendentemente, Bastian tinha ido ao clube com uma garota. Ele foi facilmente autorizado a entrar com a garota.

 

Ao entrar no Clube, a primeira coisa que notou foi Mark sentado sozinho à mesa. Ele caminhou até Mark e sentou-se na cadeira perto dele.

 

Embora houvesse outra cadeira por perto, a garota decidiu se sentar no colo de Bastian. Bastian não se importou quando começou a esfregar suas coxas.

 

“Ei Mark, por que você está olhando para aquele chocolate tão intensamente?” Bastian perguntou enquanto olhava para Mark na frente dele.

 

Mark tinha uma barra de chocolate na mão, mas não a estava comendo. Ele estava apenas olhando para ele. “Eu … eu quero comer, tio. Mas se eu fizer isso, vai acabar. Não sei o que devo fazer”, disse Mark com uma cara que parecia que ia chorar a qualquer minuto.

 

“Hahaha … Eu não sabia que você gostava tanto de chocolates. De qualquer forma, você tem tanto dinheiro, cara. Você pode comprar quantos chocolates precisar”, Bastian não pôde deixar de rir ao ver a reação de Mark.

 

“É um chocolate especial da Terra do Chocolate, tio. Só existe um. Não consigo encontrar nenhum,” Finalmente, lágrimas apareceram nos olhos de Mark enquanto ele abraçava o chocolate.

 

Bastian estava carrancudo quando ouviu sua resposta. Ele não sabia o que estava acontecendo, nem queria se envolver. Ele se sentia como se Mark estivesse brincando com ele.

 

“Onde está minha tia?” Ele perguntou.

Rolar para o topo