Capítulo 56: Caça

Divindade: Contra o Sistema Divino

Não carregou? Ative seu JavaScript
Atualizar

Capítulo 56: Caça

 

Tradutor: Ydominuss

 

A boca de Miyali se abriu quando ela percebeu que Ryder estava em cima dela. Antes que ela pudesse dizer qualquer coisa, Ryder rapidamente saiu de cima dela e criou alguma distância entre eles.

 

“Antes que você entenda mal alguma coisa, apenas me escute. Quando eu acordei, você estava em cima de mim. Rolei para te tirar de cima de mim sem te acordar. Foi quando você acordou. Então, por favor, não duvide das minhas inocentes intenções,” Assim que ela estava pensando em palavras para falar, Ryder explicou tudo da melhor maneira que pôde.

 

Miyali fechou a boca, mas ela ainda olhou para Ryder com um olhar duvidoso. “Mesmo?”

 

Depois de 5 minutos ou mais, ela finalmente abriu os lábios e perguntou em um tom suave.

 

“Claro. Por que eu faria uma coisa dessas com você? Eu sou um homem perfeitamente decente”, Ryder insistiu.

 

“Você pode voltar a dormir”, disse ele.

 

“Tudo bem,” Miyali murmurou enquanto fechava os olhos. Vendo que ela estava dormindo, Ryder abriu a janela do jogo e viu o tempo do mundo real lá.

 

O tempo no jogo era oposto ao tempo no mundo real. Quando era dia no mundo real, era noite aqui, e quando era noite aqui, era dia ali.

 

O melhor é que o mundo real estava tão avançado em termos de remédios que as pessoas não precisavam se alimentar todos os dias. Era mais uma coisa do tipo delicadeza agora.

 

O campo da medicina estava tão avançado que o mundo havia conseguido desenvolver os Comprimidos de Produtividade.

 

Se uma pessoa comesse uma dessas pílulas, ela poderia passar um dia sem comer nada. Da mesma forma, se ela comesse 10 dessas pílulas, elas poderiam ficar sem comer por 10 dias.

 

A melhor coisa é que seu corpo não foi prejudicado de forma alguma. Era tudo orgânico e saudável.

 

Desde que Ryder recebeu a notícia de que Lúcifer o havia alcançado, ele se tornou mais competitivo.

 

Ele comeu dez dessas pílulas, pois pretendia ficar dentro de casa por 10 dias sem sair e sair em uma caçada para aumentar seu nível e XP.

 

Infelizmente, as coisas não saíram do seu jeito e ele foi jogado no Reino dos Demônios. Ele não queria desistir de seu plano, no entanto. Ele já havia jurado para si mesmo que não deixaria Divinity antes de 10 dias, e era apenas ele cumprindo essa promessa para si mesmo.

 

Ainda assim, ele não queria ser improdutivo. Ele queria ir caçar e aumentar seu nível. Ele deixou a porta quando entrou no corredor. Não havia uma única pessoa aqui que ele pudesse ver.

 

Ele continuou caminhando pelo palácio em busca de um caminho para sair. Se houvesse algum problema, ele também tinha o Talismã que poderia ajudá-lo a entrar em contato com Devilia.

 

Ele ficou bastante surpreso que um lugar como este não tivesse guardas. Ele caminhou até a porta sem problemas.

 

Quando ele empurrou a porta principal para fora, a porta se abriu.

 

Assim que saiu pela porta, ele viu os guardas. De fato, havia guardas do lado de fora.

 

“Jovem mestre!” Os guardas saudaram Ryder enquanto se ajoelhavam.

 

“Jovem Mestre? Vocês sabem sobre mim?” Ryder perguntou surpreso.

 

“Saudações, Jovem Mestre. Eu sou o chefe da segurança deste palácio. Meu nome é Bulga. E sim, todos nós fomos informados sobre você,” Um demônio corpulento se levantou enquanto caminhava em direção a Ryder.

 

O Demônio tinha cerca de 3 metros de altura. Só seus bíceps eram do tamanho da cintura de Ryder. Havia 2 chifres de diabo afiados saindo de sua testa.

 

“Oh, é bom que você tenha ouvido falar de mim. De qualquer forma, há um lugar aqui onde eu possa caçar?” Ryder perguntou.

 

“Claro. Nós temos nossa própria floresta de caça que pertence a Duquesa. Você pode encontrar muitos monstros fracos lá”, disse o Chefe da Guarda Demônio Bulga.

 

“Hmm? Quão fraco você está falando?” Ryder perguntou apenas para ter certeza. Bulga ouviu a pergunta e pensou profundamente em como poderia descrevê-lo. Ele começou a olhar para seus homens.

 

“Ahmm? Ah, certo. Ele é nosso membro mais fraco. O monstro mais forte naquela floresta é tão forte quanto ele. Então você pode ver o quão fracos eles são,” Ele disse enquanto apontava para um membro que era o mais baixo entre eles.

 

Apesar de ser a pessoa mais baixa entre eles, o demônio ainda tinha 2,10 metros de altura.

 

Ryder usou seu [Visão Total] naquele demônio, e um sorriso irônico apareceu em seu rosto.

 

Embora ele fosse o guarda mais fraco entre eles, Ryder ainda não era capaz de ver seu nível ou estatísticas. Ele podia entender o quão forte aquele cara deve ser.

 

“Eu preciso de monstros tão fortes quanto seus filhos de 5 anos”, Ryder disse sem se sentir nem um pouco envergonhado.

 

“Hmm? Você quer dizer os monstros recém-nascidos? Mas Jovem Mestre, esses monstros são muito fracos,” Bulga respondeu em incerteza.

 

“Eu só quero ver a força dos monstros recém-nascidos neste lugar”, disse Ryder.

 

“Oh? Tudo bem. Há de fato uma seção da floresta onde os animais mais fracos ficam,” Bulga disse depois de pensar um pouco.

 

“Oh? Bom. Leve-me até eles”, disse Ryder.

 

Bulga acenou com a cabeça. Ele informou aos outros guardas para cuidar adequadamente do palácio em sua ausência e entrar em contato com ele se houvesse algum problema.

 

Ele assobiou alto, e uma grande besta voadora desceu e pousou na frente dele. “É minha fera domesticada. Ela nos levará para a floresta”, disse Bulga enquanto subia em cima da grande fera.

 

A besta se parecia com uma águia da Terra, mas era muitas vezes maior. Era tão grande que podia facilmente transportar 3 pessoas como Bulga nas costas.

 

Ryder também subiu em cima da besta, e ela começou a voar.

 

Embora a Besta fosse rápida, Ryder podia sentir que era muitas vezes mais lenta do que a Duquesa Devilia quando ela estava voando.

 

A besta voou acima da cidade bem iluminada e, depois de cerca de meia hora, desacelerou.

Rolar para o topo