Selecione o tipo de erro abaixo

Tradutor: Daruh

Revisor: Blue

— Três presentes? — Alex perguntou confuso.

— Sim, três presentes — o jovem respondeu enquanto voltava a se sentar no trono. — A pessoa mais poderosa que não está seguindo o caminho da Magia mal chegou ao quarto Rank, e existem muitos mais a frente.

— Você não vai herdar nenhuma técnica poderosa, nem tem outra pessoa que possa te ajudar após alcançar o terceiro Rank. Os primeiros Ranks continua tudo bem, mas você precisará trilhar o seu próprio caminho a partir do terceiro Rank.

— Então, você vai precisar de uma ajuda. Caso contrário, seria impossível alcançar um nível de poder significativo.

Alex suspirou.

Não tem jeito, né? Alex pensou. Vou ter que criar meu próprio caminho de poder.

Alex olhou para o jovem por alguns segundos enquanto o jovem apenas sorria de volta.

Seu corpo tremeu um pouco.

Nada em que eu possa confiar. Ninguém a quem eu possa pedir ajuda.

Tudo é por minha conta.

Isso parece empolgante!

Sim, o corpo de Alex não estava tremendo de medo, mas de empolgação!

Alex não jogara muito antes, mas assim como tantas outras pessoas, Alex também queria que sua vida fosse preenchida com coisas mais empolgantes.

O cinza mundano e os sistemas inertes do seu mundo antigo eram muito chatos.

Dois punhos não vencem quatro mãos.

Esse era um antigo ditado que Alex ouviu de um dos seus treinadores no passado. Significava que números sempre venciam contra força individual.

Um guerreiro do mais alto nível pode conseguir vencer lutando contra duas, três, ou talvez até quatro pessoas, mas contra dez, cem, mil pessoas?

Impossível.

Simplesmente se jogar sobre o guerreiro com todo o peso combinado faria com que ele não tivesse condições de vencer, já que um único homem só pode ter até uma certa quantidade de músculos. Um homem não pode resistir contra o peso de centenas de quilogramas sobre seu corpo.

Alex olhou para o jovem.

No entanto, isso ainda vale para ele? Alex pensou. Será que o número de humanos normais importa quando é simplesmente impossível atravessar sua pele? Será que o número ainda importa quando ele pode matar todos apenas acenando com a mão?

Lutar sempre foi o meu modo de vida, mas enquanto eu não estiver no meu melhor, enquanto eu não fizer parte dos melhores lutadores, eu não consigo viver com base nisso.

Além disso, uma única lesão pode fazer com que seja impossível lutar de novo no futuro.

Todavia, nesse mundo, eu posso quebrar essas regras! Posso alcançar o poder verdadeiro!

— Me diga — Alex falou com uma voz aparentemente calma. No entanto, até ele conseguia ouvir um leve tremor na própria fala.

O jovem só riu um pouco. Mas, não comentou sobre os pensamentos de Alex.

Pois, apesar de tudo, ele tinha falado mais de uma vez que Alex estaria perfeitamente adequado para aquele mundo.

SHING!

Uma luz branca piscou rapidamente, e um cubo preto apareceu na frente de Alex, flutuando no ar.

— Essa é a sua arma — o jovem falou.

Alex pegou o cubo e seu corpo quase caiu.

Esse cubo era pesado!

— Não parece com uma arma — Alex falou enquanto franzia as sobrancelhas.

— Isso é porque ainda não sabe qual caminho você vai seguir — o jovem explicou. — Quando decidir o seu próprio caminho de poder, fale ao cubo no que ele deve se transformar e ele irá assumir essa forma. Apenas se lembre que essa forma é permanente, e não pode ser facilmente mudada no futuro.

— Mas para que uma arma? — Alex perguntou enquanto examinava o cubo.

— Porque não existem ferreiros que saibam fazer armas poderosas que não sejam para Magos. Em algum ponto, você deve precisar fazer sua própria arma se você seguir um caminho que requer armas. Se precisar fazer isso, você teria que trilhar dois caminhos ao invés de um. E não dá para deixar as coisas muito difíceis para você, né? — o jovem expressou sorrindo.

Alex imediatamente percebeu um problema. — Então, eu não posso usar essa arma agora, ou ela vai se tornar inútil no futuro. Armas não são criadas iguais, afinal.

O jovem deu uma risada. — Essa é.

Alex piscou duas vezes em confusão.

— Ela pode crescer ao absorver metais poderosos — ele explicou. — No início, não vai ser muito melhor do que uma espada ou lança normal, mas contanto que você dê bons materiais, ela vai se tornar mais forte.

— Resumindo, essa arma vai acompanhar você para o resto da vida, independente do quão forte se tornar

Alex olhou para o cubo com uma nova apreciação.

Isso realmente parece mágico. Contudo, é o que eu devia esperar ao entrar num mundo repleto de Magos.

O jovem franziu as sobrancelhas quando leu os pensamentos de Alex. O fato de que esse mundo estava repleto com nada além de Magos era algo que o irritava.

— Seu próximo presente é um espaço separado pessoal — ele disse. — Esse espaço pode agir como um mundo separado, apesar de ser um dos menores. Não se preocupe em procurar por ele, você ainda não vai conseguir usá-lo. Espere até alcançar o segundo Rank. Tudo sobre esse espaço será explicado para você até lá.

Alex acenou com a cabeça. Ter uma espécie de dimensão extra ou algo do tipo parecia ser bastante útil. Ademais, Alex tinha certeza de que esse espaço separado não era tão simples. Provavelmente teriam ainda mais coisas que ele pode fazer.

— E como terceiro e último presente — o jovem falou enquanto se recostava no trono com um sorriso.

— Você pode me fazer um total de nove perguntas, e eu vou responder honestamente.

Alex olhou para o jovem surpreso.

Ele podia fazer um total de nove perguntas para um Deus?

Isso significa que ele podia perguntar sobre as origens do mundo?

Ele podia perguntar por alguma técnica secreta que apenas o Deus conhecia?

— Sim, você pode — o jovem respondeu.

— Entretanto! — ele gritou. — Você não vai se lembrar das perguntas e respostas imediatamente.

Alex franziu as sobrancelhas. — O que você quer dizer?

O jovem apenas sorriu. — Uma pergunta e uma resposta para cada um dos grandes avanços — o jovem explicou. — Você pode fazer nove perguntas porque meu mundo possui nove Ranks de poder. Você pode me fazer todas as perguntas agora, mas as memórias só voltarão conforme o seu poder cresce.

Alex respirou fundo.

Essa revelação mudou completamente o sentido dessas perguntas.

Inicialmente, Alex estava interessado em como o mundo funcionava para saciar sua curiosidade, mas agora, essas perguntas poderiam ajudá-lo no futuro.

Alex sabia que se tornar realmente poderoso era quase impossível. Afinal, quantas pessoas com esse poder supremo existiam nesse mundo? Alex não era arrogante o suficiente para acreditar que poderia facilmente alcançar o que milhões de pessoas não conseguiriam.

Ele continuou em silêncio por vários minutos enquanto pensava no que devia perguntar.

O jovem não se moveu durante todo esse tempo.

— Certo — Alex falou depois de alguns minutos. — Para minha primeira pergunta: Qual seria a melhor maneira de começar minha jornada ao poder?

A pergunta tinha sido feita, e Alex sacrificou essa pergunta pelo seu futuro.

— Essa é uma boa pergunta — o jovem falou, feliz.

— Primeiramente, você precisa dos básicos. Você precisa de força física, força mental e experiência de combate suficiente.

— Para conseguir força física suficiente, você precisa seguir uma rotina específica: treine o seu corpo físico até que ele esteja completamente destruído. Depois, relaxe, feche seus olhos e absorva a energia presente na atmosfera. Devido à sua constituição especial que faz com que praticar Magia seja impossível, a energia não vai entrar na sua alma, mas sim no seu corpo. Seu corpo será fortalecido, e irá regenerar assim.

— Essa rotina também vai ajudar você a obter Mana e força mental suficiente. Ao absorver a energia da atmosfera, a coisa que as pessoas do meu mundo chamam de Mana, seu reservatório de Mana aumentará. Ao mesmo tempo, quebrar o seu corpo cada vez mais irá aumentar a sua força de vontade, enquanto a absorção de Mana irá nutrir a sua mente.

— Para conseguir experiência de combate suficiente, sugiro que você viva na selva perto do vilarejo para onde estou te mandando. Tente sobreviver lá sem nenhuma ajuda humana. Se você sentir que não está mais em perigo, se aprofunde mais na selva e sobreviva lá. Poder é ganho em meio aos perigos.

— Siga essas instruções pelos próximos dois anos e você deve estar pronto para voltar para a sociedade. Quando terminar tudo isso, procure por uma academia nas cidades próximas. Não se preocupe, você vai encontrar uma academia perfeita para alguém como você.

— E isso é tudo — o jovem falou sorrindo. — Isso deve ser o suficiente para lhe dar o melhor começo para sua jornada.

Alex absorveu todas essas informações.

— Certo, para minha segunda pergunta…

THWAP!

O corpo de Alex tremeu subitamente, e ele sentiu como se sua mente tivesse sido acertada por um martelo.

Ele olhou em volta e viu que ainda estava em pé no salão. O jovem também estava à sua frente.

No entanto, o jovem estava rindo histericamente.

— O que aconteceu? — Alex perguntou confuso.

O jovem se acalmou um pouco, mas seu rosto ainda estava cheio de diversão.

— Você acabou de fazer a sua última pergunta, e cara, sua última pergunta foi absurda! — ele disse com uma risadinha. 1

Por um segundo, Alex quis perguntar sobre o que ele estava falando, mas então ele lembrou que ia perder uma parte das memórias.

Aparentemente, isso já tinha acontecido.

— Por causa da sua última pergunta, eu mudei uma coisa ou outra — o jovem falou enquanto seu sorriso crescia de empolgação. — Originalmente, eu não queria que você tivesse uma afinidade elemental. Afinal, seria inútil já que você não pode praticar Magia.

— No entanto, sua última pergunta jogou todos os meus planos pelo ralo — o jovem gritou empolgado. — Agora, vou te dar uma afinidade especial, e você pode até conseguir usá-la se você treinar o suficiente. Quem sabe?

Alex ainda estava confuso, já que parecia que ele tinha sido transportado para o futuro.

— Além disso — o jovem gritou com um grande sorriso. —, você vai receber um novo nome!

Alex piscou algumas vezes. — Um nome novo? Por quê?

— Porque eu quero! — o jovem respondeu rindo. — Pais têm o direito de dar um nome aos seus filhos, e você vai receber um corpo completamente novo que eu mesmo criei e dei vida! Essencialmente, eu sou quase que o seu pai. Portanto, eu posso escolher um novo nome para você!

Alex não gostou nenhum pouco de ouvir isso.

Ele viveu toda a sua vida como Alex.

Mudar isso do nada parecia… estranho.

— Eu não ligo! — o jovem exclamou. No entanto, não parecia nem um pouco bravo.

Ao contrário, parecia extremamente empolgado.

Era como se estivesse prestes a assistir o melhor espetáculo da sua vida.

— Você vai usar esse nome! Você será forçado a usar esse nome! Quando você pensar no seu nome antigo, você sentirá dor!

Alex realmente não queria isso.

Mas, o Deus não se importava.

— De hoje em diante, seu nome é Shang!

— Lembre do seu nome, Shang!

Shang? Alex pensou. Esse nome é estr-

SHING!

E Alex desapareceu.

Ele tinha sido levado para seu novo mundo.

O jovem se recostou com uma risadinha.

— Oh, isso vai ser ótimo — ele disse para si mesmo com um sorriso.

  1. Sparky: Autor maldito, oito perguntas que só vamo descobrir ao longo da obra[]
Picture of Olá, eu sou o D4ruh!

Olá, eu sou o D4ruh!

Comentem e Avaliem o Capítulo! Se quiser me apoiar de alguma forma, entre em nosso Discord para conversarmos!

Clique aqui para entrar em nosso Discord ➥