Capítulo 440 – Dados

A Evolução de um Goblin ao Ápice

Não carregou? Ative seu JavaScript
Atualizar

 

Capítulo 440 – Dados

Tradutor: Otakinho

 

No dia seguinte, Jamine estava finalizando os arquivos necessários para o estabelecimento e eles farão uma festa em cinco dias.

Eles estavam atualmente reconstruindo o palácio, pois será necessário para a cerimônia de coroação. Tudo foi decidido e Jamine será a líder da Astros e Lydia será seu braço direito. Souta iria se tornar a divindade guardiã do novo país. Sua posição era superior à do líder e ele só se moverá quando for necessário.

O líder será substituído, mas a divindade guardiã permanecerá a mesma por toda a eternidade. Era um símbolo, um ícone, que representa a força da Astros.

Tudo pronto.

Souta estava em seu quarto e Torkez estava na direção oposta colocando arquivos de papel em sua mesa. Souta pegou um pedaço de papel e leu seu conteúdo.

O conteúdo desses arquivos de papel era sobre o Parasita Devorador de Essência. Todos os dados de Gunsi, o fundador do império, reunidos sobre o parasita foram arquivados aqui.

Depois de ler por alguns minutos, Souta baixou os arquivos e olhou para Torkez. “Então, não podemos reproduzir os parasitas?”

“Sim, o rei parasita morreu e estava no corpo do imperador.” Torkez acenou com a cabeça.

“Entendo…”

Souta acenou com a cabeça enquanto se lembrava da cena em que matou o imperador com seu feitiço [Restrição Sombria]. Ele se lembrou de como Gunsi ficou furioso quando o imperador morreu.

“O rei parasita é diferente de outros parasitas. Ele pode possuir qualquer hospedeiro, apesar de seus níveis de poder. Além disso, não pode fornecer nenhum aumento de energia para seu hospedeiro. Nada acontecerá com o hospedeiro, exceto o ligeiro aumento na vida útil do hospedeiro.” Torkez explicou a ele sobre o que ele sabia sobre o rei parasita que ele descobriu dos dados de Gunsi.

“Podemos cultivar um rei?”

Souta perguntou a Torkez com uma expressão séria. Isso foi muito importante para ele. Ele sabia melhor se poderia reproduzir os parasitas ou não. Se ele não pudesse, ele deveria ter cuidado ao distribuir os parasitas no futuro.

“Não há dados sobre isso nos arquivos, mas vou tentar pesquisá-los. O único problema é que posso precisar de alguns parasitas para fazer uma pesquisa sobre isso.” Torkez disse a ele. Ele pessoalmente pensa que um rei poderia aparecer assim que o atual rei morresse. Ele simplesmente não sabia como cultivar, mas tentará vários métodos se Souta o permitir.

“Não é um problema para mim. Ainda tenho algumas centenas de parasitas dormindo em meu corpo.” Souta acenou com a cabeça para Torkez. Alguns parasitas não eram nada para ele. Ele só esperava que Torkez não o desapontasse. “Primeiro, vou lhe dar dez parasitas para conduzir sua pesquisa.”

“Isso é bom. Acho que será o suficiente.” Torkez acenou com a cabeça. Ele fará o possível para corresponder às expectativas de Souta. Não era só isso, ele também estava curioso sobre esse tipo de criatura.

“Então, que tal o fato de que Gunsi poderia transferir sua alma? Você reuniu alguma coisa sobre isso?” Souta fez outra pergunta que o deixou curioso.

“Sim, eu percebi. Simplesmente, não se trata de transferir sua alma para outra pessoa. Era tudo sobre ele controlar outra pessoa.” Torkez disse.

“O que você quer dizer com isso?” Souta perguntou enquanto inclinava levemente a cabeça.

Torkez lentamente explicou a ele tudo o que ele aprendeu sobre isso.

Gunsi estava controlando apenas aquelas pessoas usando o poder da rainha parasita. Essas pessoas não eram pessoas, eram semelhantes a golens que Gunsi fez artificialmente. Usando sua mana e o poder da rainha parasita, também uma parte de sua carne, ele fez aquelas pessoas artificiais.

Algum tipo de golens ou homúnculos. A única diferença era que aquelas pessoas artificiais não podiam se mover sozinhas. Eles não têm nenhuma vontade ou inteligência, ao contrário dos homúnculos que podem pensar como humanos e demis.

Essas pessoas artificiais só se moveriam se Gunsi as controlasse. Assim como dirigir um navio, seu corpo ficará vulnerável.

“Oh? Então é assim… Então, eu também posso usá-los usando o poder da rainha parasita?” Souta perguntou enquanto sua curiosidade ficava mais forte. Embora ele estivesse desapontado por não ser uma arte de transferência de alma.

Falando em arte de transferência de alma, talvez a razão pela qual ele veio para o corpo deste Goblin também foi por causa da arte de transferência de alma. Ele era anteriormente um humano na terra, mas sua alma foi para dentro do corpo de um Goblin em Imperium.

“Sim, você pode usá-los com bastante prática. Nas profundezas do subsolo do palácio real destruído, Gunsi ainda tinha muitos corpos sobressalentes lá, mas você não pode usar nenhum deles.” Torkez parou por um momento antes de acrescentar: “Isso é porque essas pessoas artificiais são feitas de energia, sangue e carne de Gunsi. Não é compatível com você e você não será capaz de controlá-los. Há uma chance de que dê errado se você tentar controlá-los a força. É melhor se apenas fizermos pessoas artificiais usando sua energia, sangue e carne.“

“E não vai ser fácil, certo?” Souta ergueu as sobrancelhas.

“Sim, criar essas coisas não é minha especialidade. Acabei de me tornar um pesquisador por causa do Parasita Devorador de Essência. Não estudei outros campos, então vai exigir muito tempo e recursos antes de podermos criar outra pessoa artificial que você possa controlar mesmo que tenhamos os dados.“ Torkez explicou a ele.

Souta esfregou a ponta do nariz. Parece que ele não conseguiria copiar as táticas de Gunsi imediatamente.

“Ok, obrigado por relatar isso para mim. Você pode ir agora.”

Ele suspirou enquanto observava as costas de Torkez. E pensar que haverá tantas pesquisas valiosas aqui no Grande Império Astley. Acontece que ele não tinha talentos para utilizá-lo plenamente.

Ele não queria estudar porque vai levar muito do seu tempo. Sua taxa de crescimento ficaria estagnada se ele tentasse aprender sobre isso. No momento, seu foco estava em aprender a habilidade de Saya e nada mudou sobre isso.

“Eu realmente preciso de muitas pessoas em quem possa confiar, com talentos diferentes.”

De repente, Souta ouviu uma batida em sua porta. Ele olhou para ela e se perguntou quem era.

“Entre.”

A porta se abriu e Alice entrou na sala antes de fechá-la mais uma vez. Ela se sentou no assento à sua frente e olhou para ele por um momento.

Souta estava curioso sobre o seu negócio, mas ele não disse nada. Ele apenas esperou que ela iniciasse a conversa.

Alice então olhou ao redor de seu quarto e disse: “Já faz um tempo. Dois meses, talvez três meses desde que nos separamos. Sua reputação se espalhou em planetas diferentes. Nada poderia impedi-lo neste lugar e você pode sair daqui em paz. Ainda, por que você quer voltar para Imperium que está cheio de perigos desconhecidos?”

“Por que, você pergunta? Saber que existem inúmeras pessoas lá fora que poderiam me destruir simplesmente me deixa desconfortável. Eu sei e posso sentir isso. Há sinais por toda parte de que a paz que estamos desfrutando não durará mais.” Souta disse enquanto se recostava na cadeira antes de continuar: “O País Mecânico está travando uma guerra violenta contra os países vizinhos, mostrando seu poder. Então, há movimentos frequentes dos Três Portadores da Calamidade. É difícil explicar, mas várias organizações gigantescas que se escondiam no escuro estão se movendo desta vez. Não sei o que vai acontecer a seguir, então preciso me preparar para o pior resultado.“

“Então você só quer ficar mais forte para evitar um evento inesperado, como o que aconteceu na vila Ibish e na cidade Ladros?” Alice disse enquanto se virava para Souta.

“Bem, sim. Eu não quero ser incomodado por esses assuntos, mas eles não vão parar e continuarão vindo para mim. Para evitar isso, eu só preciso me tornar mais forte do que qualquer outra coisa em todo o universo.” Souta disse a ela.

“Você ficou mais forte. Estou curioso para saber como eles reagiriam. Você deveria descansar e se divertir, se tiver um tempo.” Alice disse a ele.

“O que você acha que estou fazendo? Estou claramente curtindo meu tempo aqui nos Sub-mundos. Então, e você? Você sempre teve esse rosto com uma expressão estoica. Eu nem sei se você está se divertindo aqui ou não.“ Souta encolheu os ombros e sorriu levemente.

“Rosto estoico? Não sei do que você está falando. Meu tempo aqui não é tão ruim. Talvez eu deva deixá-lo aqui e voltar para Imperium sozinha.” Alice disse enquanto se levantava e olhava no espelho.

“Eu te desafio a me deixar aqui. Eu sei que você não faria isso.” Souta sorriu e suspirou profundamente.

“O que há de errado?” Alice perguntou curiosa com sua mudança repentina.

“Nada. Algo me veio à mente. Seria bom se eu nascesse em uma era pacífica sem guerra? Apenas vivendo em paz e me divertindo em qualquer lugar.” Souta disse enquanto olhava para o teto.

“Se for esse o caso, talvez você não me conheceria e aos outros da Dark Oculus.” Alice olhou para as janelas.

“Sim, você teve aquele tipo de atitude que irá ignorar todos ao seu redor. Lembre-se de como você ignorou a mim e Bryan no início. O que você é? Uma princesa?” Souta sorriu enquanto brincava com Alice.

“Mais ou menos.” Alice sorriu também enquanto encolhia os ombros.

Aviso do Tradutor:

Otakinho

Otakinho

Boa Leitura S2 S2
Chave Pix copiada!
PicPay copiado!
Rolar para o topo