Capítulo 43 – Castelo Calen – Parte IV

Julietta Vista-se

Não carregou? Ative seu JavaScript
Atualizar

Castelo Calen  Parte IV


Depois de dar um tapinha no estômago vazio para se consolar, ela deixou os aposentos da empregada e estava voltando para o castelo principal, onde uma voz estridente gritou atrás dela: “Quem está aí? Eu não vi você antes. O que você está fazendo aqui?”

Era a empregada doméstica do Castelo Calen, a Baronesa Pamela Lanolf.

Pamela estava no limite dos nervos.

Devido às reclamações da Viscondessa, amante do Príncipe, ela fora chamada ao Castelo Rezen desde a manhã, por isso não poderia sair para cumprimentar o Príncipe, governante do Principado. Além disso, era desesperador pensar em ver Sir Albert, o grande camareiro, que não gostava dela.

Pamela mal consolou a viscondessa, pensando que o velho logo se aposentaria e que seu sobrinho, Jeff, em breve seria o grande camareiro, e então ela sairia dessa enfadonha guerra de nervos.

Imediatamente depois disso, ela colocou atrás de si as criadas, que carregava consigo para saudar o príncipe que regressava, e dirigiu-se ao Salão Oval do castelo principal, onde lhe disseram que o príncipe estava. Uma criada que ela viu pela primeira vez estava vagando. Não havia chance de um estranho entrar no castelo principal fortemente guardado, então ela só poderia ser um dos membros do grupo do proprietário que voltou, mas ela não conseguia pensar nela como um membro do grupo de forma alguma depois de olhar para a aparência espessa por trás.

Embora tivesse um longo caminho a percorrer, a Baronesa, que achava que ela deveria esclarecer a que lugar pertencia a fim de evitar qualquer acidente que pudesse ocorrer, chamou a empregada doméstica à sua frente. Quando ela viu a empregada se virar, ela abriu a boca de espanto, e as criadas que a seguiram fizeram escândalo.

“Você me chamou?” Assim que ela se virou e viu as mulheres com rostos reprovadores, Julieta lentamente começou a se irritar com as reações repetidas.

‘Eles não sabem como é tolice julgar uma pessoa apenas pela aparência?’

Ela conseguiu manter a boca fechada enquanto ela se retorcia, pois elas ficaram chocados que alguém como ela tivesse aparecido onde ela não deveria estar.

Demorou um pouco para que Julieta tentasse se apresentar depois de se curvar o mais educadamente possível de acordo com a etiqueta, como Johanna, a empregada-chefe da rua Harrods, a ensinara. A mulher à sua frente de repente ficou com raiva.

“Oh meu Deus! Como isso pôde acontecer? Como alguém como você entrou neste castelo? De onde diabos você pertence?”

Se ela tivesse esperado um pouco, ela teria respondido bem, mas ela interrompeu sua fala e ela sentiu algo ainda pior. Julieta, porém, anunciou educadamente sua afiliação.

“Eu sou Julieta Salmon, que está servindo Sua Alteza Killian de Austern, o mestre de Bertino.”

Mais uma vez, a Baronesa fez uma nova careta, olhando enquanto ela casualmente se contorcia, levantando os óculos que tinham descido até a ponta do nariz enquanto ela se curvava profundamente.

“Estou realmente pasma. Como uma donzela como você pode servir a Sua Alteza? Isso pode ser fatal para sua dignidade. O que diabos Sir Albert fez? Tenho certeza que ele fez algo tão ridículo como isso, acreditando no favor de Sua Alteza. Vou contar a Sua Alteza sobre esta situação imediatamente.”

Ela ficou ofendida com a expressão de olhos estranhos por algum tempo, como se estivessem vendo um monstro carregando uma doença infecciosa. Julieta, que se sentia culpada pelas críticas da Baronesa, ficou impotente em seu juízo final.

“O que você está fazendo? Certifique-se de ficar em seus aposentos até que haja outra ordem, para que as pessoas não vejam você.”

Julieta suspirou inconscientemente.

Este não era o seu verdadeiro eu, mas ela não podia evitar ser magoada pelos olhos daqueles que ficavam chocados e enojados cada vez que a viam. Agora ela não achava que se ela tirasse esse disfarce… Realmente doía o coração pensar que sua aparência disfarçada era ela mesma.

Depois de fazer uma reverência à nobre senhora com uma expressão feroz à sua frente, Julieta se virou e uma empregada da Baronesa, Celine, abriu a boca.

“Como ela poderia trabalhar como empregada doméstica de Sua Alteza dessa forma? Sir Albert era muito rígido em relação a isso e aquilo, e procurava uma empregada doméstica, mas será que ele realmente a escolheu como empregada? Este é um caso forte para apelar a Sua Alteza.”

Como que para consolar a surpresa Baronesa, Celine falou mal da criada que acabara de ver, e Rosalyn, a outra criada, também concordou com entusiasmo.

“Acho que os olhos de Sir Albert ficaram horríveis quando vejo a criada mudando toda vez que Sua Alteza volta. Como Sua Alteza não gostava delas, ele deve ter mudado todas às vezes. Jeff, o sobrinho da empregada doméstica, precisa assumir o lugar do grande camareiro.”

Jeff, que era sobrinho dela, não era um nobre, porque o homem com quem sua irmã se casou era um homem com título, mas não tinha terras. No entanto, Pamela havia trabalhado como empregada doméstica da Duquesa Irene, a mãe do Príncipe, e foi nomeada cavaleira por suas próprias habilidades, então ela foi capaz de ascender à posição de empregada doméstica chefe do Castelo Calen.

A primeira coisa que fez assim que se tornou a empregada doméstica foi colocar o sobrinho como servo do príncipe. Ao contrário das criadas particulares do príncipe, que eram trocadas de tempos em tempos, Jeff havia estado na posição de servo do príncipe por vários anos, sendo protegido por Pamela.

Agora, quando o velho Sir Albert se aposentasse, Jeff iria sucedê-lo em seu posto de grande camareiro. Dessa forma, Jeff poderia obter o título de Barão e ela realmente poderia ser a número um do Castelo Calen, sem ter que ver o rosto de Sir Albert ou de qualquer outro grande camareiro.

A empregada de um momento atrás foi uma oportunidade de ouro para expressar a incompetência de Sir Albert à Baronesa com tal objetivo. Então ela fez mais escandalo, como se algo grande tivesse acontecido.

Com um sorriso de satisfação, Pamela correu para o Salão Oval para encontrar o Príncipe.

“Vossa Alteza, bem-vindo de volta. Por favor, perdoe minha deslealdade por não tê-lo visto Vossa Alteza, uma vez que tinha algo em que trabalhar no Castelo Rezen.”

Killian franziu o cenho para a madrinha e as criadas que a acompanhavam, e que ergueram os olhos e se curvaram para ele como se fossem tímidas. Por recomendação de sua mãe, ele deu a ela o título e permitiu que ela servisse como empregada doméstica, mas Killian não gostava dela, pois ela sempre parecia ser calculista e gananciosa.

“Já faz muito tempo, baronesa Lanolf.”

Pamela apressou-se a falar, como para atrair a atenção do Príncipe, que assentiu secamente e desviou o olhar: “Alteza, conheci sua empregada particular. Você não sabe como fiquei surpresa em vê-la.”

Ele olhou para a Baronesa novamente com as palavras ‘sua empregada particular’, depois de se virar ao ter recebido apaticamente sua saudação.

O marquês Oswald e o conde Adam, que não prestou muita atenção à saudação de Pamela, também ficaram interessados ​​no que aconteceu. Quando Pamela chamou a atenção que queria, ela parou de falar para criar um efeito dramático e colocou a mão perto do coração como se estivesse surpresa.

“Como pode ser horrível a aparência de uma donzela que serve a Vossa Alteza! Fiquei tão surpresa como Sir Albert conseguiu manter tal empregada ao lado de Vossa Alteza. Eu estava tão preocupada se era hora de ele se aposentar.”

As criadas que estavam atrás da Baronesa se entreolharam, como se isso fosse realmente impossível. O conde Adam levantou-se ao ver Killian, que o observou sem dizer uma palavra.

“Oh, a Baronesa! A ex-empregada saiu às pressas, e o acidente de Jeff se sobrepôs, então ela serviria como empregada temporária por enquanto. Não é culpa de Sir Albert.”

“O que você quer dizer com ‘um acidente’? Onde Jeff se machucou?! É por isso que não posso vê-lo agora!”

Adam interrompeu as palavras da Baronesa quando ela se esqueceu de que estava na frente do Príncipe e fez um grande estardalhaço por causa de ninharias de surpresa. “Não sei os detalhes, então ouça com atenção Sir Albert mais tarde. De qualquer forma, foram todas as circunstâncias que levaram a empregada a servir a Sua Alteza.”


Tradução: Sa-chan

Revisão: Sa-chan

Obrigada pela leitura. ^-^

Parceiro:

Alone Scanlator

Alone Scanlator

Rolar para o topo