Capítulo 55 – Castelo Calen – Parte XVI

Julietta Vista-se

Não carregou? Ative seu JavaScript
Atualizar

Castelo Calen  Parte XVI


No testemunho do duque Martin, Sylvia balançou a cabeça a ponto de seu coração parar de bater.

“Então, o que a empregada de Sua Alteza disse está certo?”

Quando Oswald fingiu estar surpreso e perguntou, o duque Martin balançou a cabeça. “Eu não sei quem é a empregada de Sua Alteza, então não tenho nada a dizer sobre isso. Estou aqui apenas para consertar, porque ouvi uma história diferente da cena que presenciei.”

Killian olhou ferozmente para Sylvia e perguntou ao duque Martin: “Tem certeza de que a filha do visconde Chaister foi espancada por outra pessoa que não uma empregada doméstica?”

“Sim sua Majestade. Eu vi isso claramente. A pessoa estava com capuz, mas era uma mulher com vestido. Então, eu pensei que era apenas uma briga entre as empregadas.”

Quando a confirmação do duque começou a criar murmúrios dentro do salão, Killian ergueu a mão para acalmar a multidão que falava ruidosamente. “Lady Chaister, suas palavras e o testemunho do duque são bastante diferentes. Qual é o problema? Não acho que o duque Martin mentiu para você.”

“Sylvia, o que diabos está acontecendo aqui? Alteza, algo está errado.” O visconde Chaister repreendeu a filha, que não conseguiu refutar o testemunho de uma figura poderosa que apareceu de repente.

“Pare, é escandaloso. Lady Chaister, diga-me a verdade sobre o que se trata.”

Sylvia ficou boquiaberta como um peixe, sem palavras. Ela tinha que dizer o que havia preparado, por via das dúvidas, para aqueles que estavam esperando por sua resposta, mas sua boca não se movia.

O Príncipe sempre foi despreocupado com as criadas, e Sylvia pensou que seria fácil tirar uma criada dele, mas de repente foi distraída pela conversa ao seu redor, o olhar horripilante do Príncipe e o medo do que ela havia feito.

Ela queria acreditar no que a Baronesa havia dito: “Se as coisas derem errado, eu cuidarei de você”. Mas ela se perguntou se seria possível usar tal truque contra o duque. Se ela admitisse que o duque estava certo bem aqui, ela estava morta!

Sylvia teve vontade de olhar para trás, para Pamela, que estava atrás dela, mas continuou: “Não sei o que Vossa Excelência viu, mas pensei que tinha sido espancada pela empregada. Estava escuro e depois que eu disse isso, de repente alguém me bateu na cabeça. Fui atingida na cabeça, caí e fui tão agredida que não conseguia nem levantar o rosto. É por isso que pensei, é claro, a empregada que estava comigo me bateu.”

Sylvia estava tremendo e terminou de falar.

“Então por que você não disse isso quando a presa reclamou de injustiça e quando Albert me contou o que a empregada tinha visto? Depois que uma testemunha aparece, você diz que estava tão escuro que você percebeu errado. Você não teria insistido sem ter um enredo em mente. Não é verdade, Alteza?”

À pergunta de Valerian, o olhar frio de Killian se voltou para a multidão, e então ele se virou para o visconde Chaister.

“Terei que investigar a partir de agora.”

Christine mordeu os lábios enquanto olhava para Killian, que estava olhando através das pessoas com olhos penetrantes. Ela não esperava que o duque Martin tivesse visto ontem. Ela estava perturbada o suficiente para chorar lágrimas de decepção, mas ela esperava que seu show pudesse ter mudado um pouco sua mente.

Talvez isso possa acontecer novamente no futuro. Ela se sentiu um pouco melhor quando pensou no que poderia fazer para criar tal oportunidade. Christine olhou cuidadosamente para o Príncipe de cabelos negros no alto pódio e imaginou o dia em que se sentaria ao lado dele.

“Sylvia Chaister, você testemunhou antes, assim que você disse a ela por que ela não deveria passar pelo portão da frente, ela bateu em seu rosto em uma linha reta. E você me mostrou o hematoma em seu rosto. Mas agora você disse que de repente foi atingido na cabeça e não sabia quem bateu em você. Como você vai explicar isso, já que suas palavras são inconsistentes?”

Killian questionou Sylvia gentilmente, ao contrário de sua atitude assustadora anterior. Porém, ninguém deixou de perceber o aviso contido no tom amistoso.

Sylvia olhou ligeiramente para o pai. Seus olhos ficaram mais escuros com o pensamento de que ela estava colocando sua família em perigo. Ela pensou: ‘Se eu sair daqui em segurança, meu pai e a Baronesa farão alguma coisa’, e olhou para trás por causa disso.

Vendo seu pai, que parecia querer respostas dela, ela olhou para cima novamente para o príncipe sentado no pódio. Quando seus olhos se encontraram, os olhos prateados brilharam por um momento e se curvaram delicadamente. Tremendo no momento por um raro sorriso, Sylvia sorriu cara a cara com antecipação. No entanto, ela ficou imediatamente frustrada com o que ele disse.

“Se você falar a verdade, salvarei sua família. Eu prometo. É melhor você não piorar minha raiva aqui.”

O próprio visconde Chaister não conseguia acreditar no que acabara de acontecer. Ele achava que a situação era complicada e esperava uma explicação precisa dos lábios da filha, mas a situação era séria. Ele protestou apressadamente, julgando que teria problemas com as palavras do Príncipe.

“Alteza, que coisa terrível você mencionou! Houve um mal-entendido porque ela não viu com clareza, mas você mencionou a morte da família. Não houve nenhum grande incidente, e apenas uma plebeia foi colocada na prisão por um tempo. Não poderia ter sido feito de propósito. Mas você está perseguindo minha filha e minha família.”

“Perseguir…? Uma mulher inocente teria perdido a vida no meu castelo, e isso não é grande coisa? E isso aconteceu apenas por um mal-entendido? Isso é o que só você e sua filha pensariam entre as pessoas aqui. Não é verdade?”

Oswald respondeu rapidamente às palavras de Killian: “Vossa Alteza, é ainda mais suspeito com a insistência do visconde. Não importa quem ouça, deve ter sido planejado para prender sua empregada, mas ele insiste que é um mal-entendido. Eu duvido de suas intenções.”

“Por favor, coloque-o na prisão por enquanto. A falha de Sylvia Chaister é óbvia, então teremos que descobrir gradualmente se o visconde está por trás disso, ou se há outro.”

Sylvia ficou azul com as palavras do duque Martin.

‘Cadeia? De jeito nenhum! Preciso falar com a Baronesa assim que sair daqui!’

* * * * *

Pamela percebeu que a agitação anterior havia se tornado realidade quando o duque Martin veio sozinho e falou sobre o que acontecera na véspera.

Quando ela discutiu isso com Sylvia, ela disse a ela para assumir um ar de inocência e sair do lugar se algo desse errado, não importa o que acontecesse. Ela havia garantido que cuidaria de tudo depois disso. Então, Sylvia tentaria sair daqui e vê-la.

Agora que sabia o que aconteceria se confessasse a verdade, Sylvia tentaria resistir até o fim. Mas não estava claro quanto tempo ela duraria. Pamela murmurou enquanto olhava para as costas de Sylvia no meio do corredor.

“Apenas uma chance, vai ficar tudo bem, se eu tiver apenas uma chance…”

Ao ouvir o murmúrio de Pamela, o corpo de Sylvia cambaleou e desabou impotente no local.

“Sylvia.”

Killian levantou a mão para impedir o visconde Chaister, que estava prestes a sair correndo quando viu sua filha caída.

“O visconde, você e sua filha serão trancados no castelo, sem contato até que os fatos sejam revelados. Pegue os dois. Relate-me assim que a pecadora acordar.”

Killian observou os cavaleiros e criadas pegarem o visconde e sua filha, então se levantou de seu assento. Descendo ele mesmo do pódio, cumprimentou o duque Martin, foi até o marquês Anais e parou.

“Marquês Anais, eu me pergunto se você sabe sobre a oferta que sua filha propôs hoje.”

Quando Killian perguntou, o marquês olhou para trás, para Christine, como se estivesse pensando.

“Bem, eu acho que você não ouviu. Então, deixe-me dizer isso brevemente. Marquês, não quero que a senhora minta por mim e não quero perdoá-la por tentar arriscar-se a pretexto de mentir. Portanto, você terá que se certificar de que não o lembrarei disso no futuro.” Com a palavra “mentira”, o rosto do Marquês endureceu. Ele olhou para Christine, perguntando-se do que ele estava falando, mas ela estava olhando para o Príncipe, que tinha vindo falar tão agressivamente.


Tradução: Sa-chan

Revisão: Sa-chan

Obrigada pela leitura. ^-^

Parceiro:

Alone Scanlator

Alone Scanlator

Rolar para o topo