Selecione o tipo de erro abaixo

Combo do 6º Aniversário da Vulcan – Capítulos → 69/175


O artigo cobrindo o que aconteceu com Qilangos não era longo, e tudo o que dizia era a hora, o local, as pessoas envolvidas e o resultado. Como diz o ditado, quanto mais sucinto o conteúdo, mais grave a situação.

“Algo que aconteceu em Backlund às oito ou nove da noite passada já está sendo relatado na cidade de Tingen esta manhã. A disseminação de informações neste mundo não é muito lenta devido às contribuições excepcionais do Imperador Roselle. Deve ter sido um dos nobres ou ministros que compareceram ao baile que vazou essa informação para algum repórter, então esse repórter usou o telégrafo para enviar essa notícia sensacional para as empresas de notícias em vários municípios…”

“Os jornais da manhã são geralmente redigidos à noite e impressos depois da meia-noite, antes de serem distribuídos pela manhã. Houve tempo suficiente para fazer alterações e publicar este artigo…”

“Apenas com base nesta notícia, o Notícias da Manhã de Tingen seria capaz de vender mais mil exemplares. E isso considerando apenas esta cidade…”

Os pensamentos de Klein tornaram-se cada vez mais distraídos antes de finalmente se acalmarem.

“Como o Contra-Almirante Furacão, Qilangos, está morto, isso significa que, mesmo que o Sr. Azik esteja ferido, não seria muito grave…”

“Se fosse sério, ele definitivamente teria sido capturado pelos Punidores Mandatários ou pelos guarda-costas Beyonders do Duque Negan que estavam perseguindo Qilangos. E ao enfrentar tal situação, a Srta. Justiça e o Sr. Enforcado definitivamente fariam o possível para denunciá-la a mim. Já que isso não aconteceu, é suficiente para indicar que tudo está sob controle…”

“Sim, se o Sr. Azik não me der uma resposta, ou se a Srta. Justiça e o Sr. Enforcado não rezarem para mim até esta noite, vou soprar o apito de cobre mais uma vez para chamar o mensageiro e enviar uma carta de investigação…”

Relaxando, Klein desviou a atenção do jornal e examinou o vagão público.

A maioria das pessoas que podiam pagar um transporte como este sabia ler e, sob a influência do termo extra, muitos compraram o Notícias da Manhã de Tingen. Agora, alguns deles discutiam silenciosamente o incidente.

— O Rei dos Piratas e os almirantes aterrorizam as rotas marítimas há muito tempo. Eles recuam quando veem os navios de guerra de vários países, mas não prestam muita atenção aos navios mercantes… Mesmo que Qilangos só tenha sido empossado como um dos Sete Almirantes Piratas por menos de uma década, ele é o primeiro a ser morto pelo governo…

— Francamente, estou curioso para saber o que ele estava fazendo em Backlund. Quando um pirata deixa o oceano, a morte é um resultado previsível.

— Vamos esperar que haja um relatório mais detalhado no futuro.

— Santo Senhor das Tempestades, desejo saber qual dos guarda-costas do Duque Negan matou Qilangos. Sua recompensa foi de 10.000 libras!

— 10.000 libras… Se eu tivesse 10.000 libras, largaria imediatamente meu emprego e compraria dois ou três viveiros de tamanho médio. Eu investiria em ações de algumas companhias colonizadoras e ferrovias, e receberia um dividendo estável todos os anos…

— Essa é apenas a generosidade deste reino. Intis, Feysac, Feynapotter e algumas organizações mercantes também têm recompensas pelo Contra-Almirante Furacão, Qilangos. Espero que haja um jornal que dê uma lista completa das recompensas.

“10.000 libras?” Klein ficou chocado ao ouvir isso.

Com seu já impressionante salário, ele levaria vinte anos para conseguir juntar tanto dinheiro mesmo sem comer ou beber.

“Se ao menos… Esqueça, também não há nada que eu possa fazer. Seria impossível para mim reivindicar a recompensa…” Ele dobrou o jornal um pouco desanimado e olhou pela janela da carruagem.

Nesse ponto, finalmente concluiu que o incidente com o Contra-Almirante Furacão, Qilangos, havia chegado ao fim. Só faltava amarrar as pontas soltas, como o lote do diário de Roselle que o Enforcado havia prometido a ele.

Backlund, Burgo Cherwood.

Fors Wall e Xio Derecha caminhavam pela rua em direção à agência mais próxima do Banco de Varvat.

— Meu dinheiro parece sumir sem que eu perceba. — Fors suspirou.

Xio sentia o mesmo.

— Isso mesmo.

— Felizmente, meu livro, Vila da Montanha Vento Raivoso, é bastante popular e ainda há royalties sendo enviados para minha conta. Caso contrário, teria que procurar uma clínica ou um hospital e voltar a ser médica. — Fors soltou um suspiro, tanto de satisfação quanto de preocupação.

Xio ficou em silêncio por um momento antes de perguntar cuidadosamente: — A investigação de Qilangos afetará seu status de autora? Afinal, poderíamos estar sob a atenção dos Punidores, Falcões Noturnos e o resto…

— Não, a única em quem eles se concentrariam é você. — Fors riu. — Foi você quem mandou alguém fazer um boletim de ocorrência. O mesmo para aquele que enviou a carta e aquele famoso entre os becos e gangues do Burgo Leste. Quanto a mim, Fors Wall, ainda sou a popular autora de best-sellers.

Xio disse atordoada: — Então você só tem me acompanhado todo esse tempo?

Fors acariciou seu cabelo e riu.

— Você não acha que esta foi uma experiência interessante? Essa experiência me forneceu a inspiração necessária para o meu trabalho. Meu próximo romance será sobre um assassinato repentino e brutal.

Xio fez uma pausa, sem saber como continuar a conversa. Tudo o que ela podia fazer era continuar caminhando amargamente, esquecendo-se de fazer uma curva até que Fors a arrastasse de volta.

Nesse momento, ouviram um grito de jornaleiro.

— Extra! Extra! Contra-Almirante Furacão, Qilangos, morto em Backlund!

“Ah? O quê?” Xio e Fors se entreolharam confusas.

Elas só voltaram a si depois que o jornaleiro se repetiu várias vezes.

— O quê? Qilangos está morto? — Fors não podia acreditar no que ela estava ouvindo.

— Ele está morto! Como ele morreu tão de repente?! — Xio, que tentava se esconder da investigação desse impiedoso pirata, ficou chocada e atordoada.

‘Isso… isso não tem que seguir um procedimento normal? Primeiro, eles encontram pistas para confirmar o motivo de Qilangos, então eles reúnem poderosos Beyonders e o emboscam. Matar o pirata era o último passo… Mas, Qilangos foi morto mesmo que o primeiro passo ainda não tivesse sido concluído… Ele morreu assim…” Fors  e Xio trocaram olhares como se fossem duas estátuas de mármore.

Quase um minuto depois, Xio correu até o jornaleiro e comprou um exemplar do Jornal de Tussock.

Este foi um dos três jornais mais distribuídos no Reino de Loen.

— Oh… Qilangos está realmente morto, morto pelo guarda-costas do Duque Negan. Oh Deusa, o guarda-costas de Negan é… — Xio engasgou, deixando de fora o poderoso Beyonder que ela queria dizer.

Fors olhou para sua boa amiga com pena.

— Pensar que você acreditaria em tudo que os jornais dizem…

— Tudo bem, talvez alguém tenha percebido o motivo de Qilangos com antecedência, e os Punidores Mandatários, Falcões Noturnos, Mente Coletiva da Maquinaria e os militares cooperaram e executaram uma emboscada bem-sucedida… Xio parou e exalou. — Não precisamos mais nos preocupar com isso. Podemos voltar à nossa vida normal, mas temos que evitar a esfera de influência daquela delegacia de antes.

Ela olhou para Fors e perguntou, um pouco preocupada: — Quanto você acha que a Srta. Audrey vai nos pagar agora? Sei que algumas centenas de libras não seriam muito para ela, mas ainda não completamos o que ela nos pediu…

— Não, pelo menos fizemos Qilangos aparecer por conta própria. A razão pela qual ele correu para agir e cair na emboscada foi definitivamente em parte devido às nossas contribuições, — Fors a consolou. — Com a generosidade da Srta. Audrey, ela nos dará metade da recompensa, mesmo que não esteja nos dando tudo.

— Espero que sim… — Xio respirou fundo e tinha um olhar de expectativa. — Eu me pergunto quem reivindicará essa recompensa de 10.000 libras…

— Com certeza provoca a inveja dos outros. Se eu tivesse tanto dinheiro, teria me tornado uma Sequência 7 ou 6 há muito tempo, mas perdi a oportunidade várias vezes! — Fors também sentiu um pouco de pena, mas lembrou à amiga: — Xio, não vamos entrar em contato com a Srta. Audrey por enquanto. Deixe que ela entre em contato conosco por conta própria. Existem muitos detalhes ocultos em torno da morte de Qilangos. Procurar a Srta. Audrey abruptamente pode nos colocar em uma situação perigosa.

Xio primeiro acenou com a cabeça antes de dizer surpreso: — Como você sabia que eu estava pensando em ir para o Burgo Imperatriz?

— Adivinhe… — Fors riu em resposta.

Depois de uma manhã movimentada, Klein voltou para a Companhia de Segurança Espinho Negro. Ele relatou a Dunn Smith: — Capitão, as pessoas ligadas a Lanevus que estou encarregado de investigar não têm problemas. Elas eram apenas vítimas, não associadas a nenhum incidente de Beyonder.

Dunn apoiou os dois cotovelos na mesa.

— Então pare com isso por enquanto. Colocaremos nosso foco nos suspeitos mais prováveis ​​depois que o restante dos membros terminar suas investigações. Não podemos direcionar toda a nossa força de trabalho para este incidente. Temos que nos proteger contra outros incidentes repentinos.

— Tudo bem. — Klein estava prestes a se levantar e ir almoçar quando de repente ouviu batidas na porta.

— Por favor, entre, — Dunn disse em sua voz suave.

A maçaneta se moveu e Rozanne espiou dentro.

— Capitão, alguém está aqui com uma missão.

“Uma missão… Isso parece ter como alvo a Companhia de Segurança Espinho Negro e não o Esquadrão Falcões Noturnos. Então, quem erroneamente veio até nós desta vez?” Klein pensou consigo mesmo.

Dunn pensou por um momento antes de dizer: — Podemos ouvir o pedido e rejeitá-lo se for muito problemático.

Ele arrumou a camisa e o colete ao sair do escritório. Atravessou a divisória em direção ao sofá da área da recepcionista. Klein e Rozanne seguiram curiosamente atrás.

Havia duas mulheres no sofá, ambas usando chapéus pretos e vestidos sem nenhuma cor extra.

Uma delas era gordinha e tinha pele clara. Seu rosto estava completamente obscurecido pelo véu preto de seu chapéu.

Klein sentiu uma sensação de familiaridade quando a viu, como se já a tivesse visto em algum lugar antes.

Assim como estava se lembrando, ele ouviu a mulher mais magra ao lado dela falar.

— A missão que gostaríamos de confiar a você é rastrear e monitorar Madame Sharon e encontrar evidências de seus crimes.

“Madame Sharon…” Klein de repente teve uma epifania e lembrou de onde vinha a sensação de familiaridade.

A mulher calada era a esposa do Deputado Maynard, filha do líder do Partido Novo.

“Ela acha difícil aceitar a morte do marido e não está disposta a aceitar a conclusão que o departamento de polícia chegou, então ela procurou uma empresa de segurança privada para fazer outra investigação?”

“E pensar que ela veio diretamente para nós…” Klein balançou a cabeça e riu para si mesmo.

Picture of Olá, eu sou o Vento_Leste!

Olá, eu sou o Vento_Leste!

Comentem e Avaliem o Capítulo! Se quiser me apoiar de alguma forma, entre em nosso Discord para conversarmos!

Clique aqui para entrar em nosso Discord ➥