Selecione o tipo de erro abaixo

Combo → 38/55


Dorian fechou as cortinas, cobrindo o escritório com escuridão antes de se sentar.

Ele segurou a bola de cristal com a mão esquerda enquanto tocava o topo com a palma da mão direita. Enquanto acariciava a bola de cristal para frente e para trás, ele continuou recitando suavemente.

Aos poucos, os pontos radiantes de luz dentro da bola de cristal começaram a brilhar cada vez mais, tornando-se cada vez mais evidentes, como se as estrelas no céu noturno estivessem lançando seus reflexos.

Frequentemente usadas para determinar a direção do destino, as estrelas na trajetória da vida de alguém apareciam uma após a outra, formando um astrolábio tridimensional com muitas revelações do mundo espiritual que se assemelhavam a símbolos.

Dorian Gray finalmente parou e o estudou.

“Ela não estava mentindo… Essa realmente foi a trajetória da situação… Ela parece ser capaz de trazer mudanças para a família Abraham — mudanças otimistas…” Quando a luz da bola de cristal diminuiu, Dorian se levantou, já tendo decidido em sua mente.

À hora de almoço, no restaurante Pássaro de Quatro Asas.

Na frente de Fors havia um filete de peixe frito com alecrim espalhado por cima. Sua pele era crocante, sua carne fresca e não tinha ossos finos. Era bastante saboroso, mas o único problema era que o cozinheiro tinha um senso de estética extremamente distorcido. Ele manteve deliberadamente os olhos do peixe esbugalhados e, ao servir a comida, fez o peixe olhar para cima, como se expressasse sua indignação por sua morte.

Fors empurrou a cabeça para baixo, cortou a cauda e cobriu o olho voltado para cima.

Naquele momento, Dorian Gray começou a mover o garfo e a faca enquanto dizia casualmente: — Aulisa realmente gostava de misticismo e havia feito algumas pesquisas nessa área. Quando você estava arrumando as coisas dela, você viu algum livro, anotações ou outros itens?

— Havia alguns cadernos e livros, — Fors respondeu francamente. — Como resultado, tornei-me um entusiasta do misticismo, mas, infelizmente, não conseguia entender parte do conteúdo.

“Por exemplo, as Visões no Mundo Espiritual. Não só era absurdo, ilógico e confuso, fiquei incapaz de expressar ideias, mesmo que eu me obrigasse a lê-lo e depois me forçasse a parar, e ainda era difícil recordar o seu conteúdo. Eu iria esquecer assim que terminasse de ler, quanto mais entendê-lo…” Fors acrescentou interiormente.

Dorian assentiu levemente e riu.

— Então você pode me consultar. Também sou um entusiasta do misticismo, bastante proficiente, se posso acrescentar.

— Realmente? Isso é ótimo! — Fors respondeu apropriadamente.

Vendo que ela estava realmente interessada, Dorian imediatamente desviou o assunto para o misticismo. Às vezes mencionava o mundo espiritual e às vezes falava sobre sua experiência de Cogitação. Tendo sido preparado antes mesmo de entrar no restaurante, ele escolheu deliberadamente um local isolado e tranquilo. Portanto, não precisava temer que os clientes ao seu redor ouvissem a conversa.

Ao final do almoço, Dorian comentou: — Não sabia como expressar minha gratidão, mas agora não preciso mais me preocupar com isso. Heh heh, embora Lawrence tenha pago a você, não acho que seja o suficiente para igualar sua bondade, bom coração e honra.

— Srta. Wall, você pode me escrever e perguntar sobre qualquer dúvida que tenha sobre misticismo. Isso é o mínimo que posso fazer para expressar minha gratidão.

— É isso que eu desejo. — Fors não recusou.

Pela conversa de agora, ela podia dizer claramente que Dorian Gray possuía um conhecimento rico e sistemático de misticismo. Ele era realmente digno de ser um membro da antiga família de Abraham.

E isso também era considerado algo que faltava a ela. Embora tivesse dominado bastante conhecimento sobre o mundo Beyonder, tudo veio de alguns livros e cadernos que não eram aprofundados, bem como informações aleatórias que ela tinha ouvido e experimentado nas várias reuniões que participou. Não era abrangente ou sistemático o suficiente e tinha muitas deficiências.

Ao ouvir sua resposta, Dorian ergueu a xícara e sorriu.

— Espero que um dia também possuamos poderes misteriosos e extraordinários.

Burgo Norte em Backlund. Catedral do Santo Samuel.

Um grupo de homens vestindo blusões pretos e luvas vermelhas entrou em uma área subterrânea. O líder era um homem na casa dos quarenta anos, com traços faciais suaves e cabelos longos.

Usando uma cartola pomposa, ele carregava uma bengala preta incrustada de ouro. Ele silenciosamente seguiu o Falcão Noturno liderando o caminho e entrou em uma sala bastante espaçosa.

Havia muitas estantes na sala, com vários dossiês colocados sobre elas. Uma mulher bonita e hipnotizante, vestindo uma túnica preta com detalhes azuis e blush, estava sentada em uma cadeira de encosto alto. Ela não se levantou para cumprimentá-lo. Era a ex-médium espiritual, Daly.

— Soest, todas as informações que você precisa estão ali. — Daly apontou com o queixo para a mesa perto da porta.

O homem de meia-idade chamado Soest sorriu e disse: — Daly, por que você foi enviada para guardar este lugar? Você deveria ser encarregada de assuntos mais importantes.

— Não, isso é o que eu queria. Preciso me acalmar e ler mais informações. — Daly riu. — Isso é para facilitar meu progresso futuro. Os humanos são criaturas frágeis e precisam de um certo tempo para se acalmar. Ninguém pode estar sempre em perfeitas condições, desfrutando da emoção e do prazer sem descanso.

— … Seu estilo realmente nunca mudou. Infelizmente, você nunca me deu a chance. — Soest começou a rir.

Daly balançou a cabeça seriamente e disse: — Obviamente, você não me entende. Meu hobby atual se tornou ainda mais inovador. Se você puder se transformar em um cadáver podre ou expor seus ossos brancos, então definitivamente ficarei muito interessada em você.

Ela se virou para olhar para a luva vermelha atrás de Soest. — Leonard, por que você escolheu se juntar à equipe dele? Esse sujeito é vaidoso, arrogante e covarde. Ele continua fantasiando que as mulheres tomariam a iniciativa de rastejar para a cama, esperando por ele. Para ser honesta, talvez essa seja a característica única de um Pesadelo?

Quando ela mencionou Pesadelo, Daly fez uma pausa visível.

Leonard disse impotente: — Madame Daly, este foi o arranjo de Sua Excelência Cesimir.

— É mesmo… Posso ver que você concorda com minhas opiniões sobre Soest, — Daly concluiu com uma voz ligeiramente rouca.

Leonard ficou momentaneamente sem uma explicação.

Felizmente, o Assegurador da Alma Soest não prestou muita atenção às palavras de Daly. Caminhando até a mesa cheia de informações, ele pegou o dossiê1 e o folheou. Leonard e os outros imediatamente o cercaram, imitando seu líder.

Depois que o som de papel virando continuou por algum tempo, Soest perguntou casualmente: — O que há de novo em Backlund recentemente? Algo que você acha que vale a pena prestar atenção.

Os olhos de Daly moveram-se ligeiramente. Depois de pensar um pouco, ela disse: — Alguns Beyonders que trabalham conosco nos transmitiram notícias de que muitas pessoas estão procurando por uma organização que acredita no Louco e deram o nome honroso correspondente…

Depois de descrever o nome honroso do Louco na língua Loen, ela riu.

— Parece que estou testemunhando o nascimento de um culto totalmente novo. Claro, pode ser a encarnação de um velho amigo.

— O que você acha, Soest?

Soest considerou o assunto seriamente antes de dizer: — Não, nunca ouvi falar de tal organização.

Naquele momento, Leonard ergueu os olhos do dossiê que estava lendo e pensou: — Será que isso tem algo a ver com os dois rituais de tarô que estamos investigando?

— O Louco é a primeira carta de um baralho de cartas de tarô, a carta mais importante dos Arcanos Maiores!

Daly congelou por um segundo, então assentiu pensativamente.

— Essa é uma ideia interessante.

— Mas não há nenhuma evidência. É pura especulação e nem pode ser considerada uma dedução, — disse Soest, com desaprovação em seu tom.

Leonard revelou um leve sorriso e disse: — O imperador Roselle disse uma vez para fazer uma hipótese ousada e, em seguida, estudá-la cuidadosamente.

Burgo Hillston, Clube Quelaag.

Assim que Klein entrou no salão depois de deixar a Igreja da Colheita, ele viu o professor de equitação, Talim Dumont, sentado em um canto isolado, aparentemente ponderando sobre algo.

Percebendo que ainda faltava algum tempo para o almoço, Klein aproximou-se e cumprimentou-o com um sorriso.

— Boa tarde, Talim. Você parece ter encontrado outro problema?

Talim recobrou os sentidos com um sobressalto e rapidamente balançou a cabeça.

— Não, nada.

“Você parece ter feito algo sobre o qual está com a consciência pesada?” Klein murmurou, sentou-se e riu.

— É uma pena que Aaron e Mike não estejam aqui, senão estaríamos tendo outra tarde agradável.

Talim sorriu em resposta.

— Eles estão todos ocupados e têm muito pouco tempo livre.

Sem esperar que Klein falasse, ele olhou em volta e disse: — Sherlock, há uma figura importante que está muito interessada em você depois de ouvir sobre suas ações. Ele gostaria de conhecê-lo. Você estaria disposto?

— Francamente falando, isso me deixa com inveja. É uma oportunidade muito rara.

“Espere, que ações eu fiz? Ajudar a Sra. Mary a pegar seu marido adúltero? Acompanhar o repórter Mike a um bordel? Mesmo em minhas últimas viagens ao Burgo Leste, não fiz nada de impressionante… No máximo, eles saberiam que dei uma contribuição para os assassinatos em série e que ajudei o Dr. Aaron a resolver seu pesadelo, fornecendo-lhe conselho…” Klein estava confuso.

Depois de dois segundos, ele de repente entendeu o motivo.

A figura importante deve ter perguntado a Talim se ele conhecia um excelente detetive, e ele só conseguia pensar em mim, então se ofereceu para embelezar descrições sobre mim que soaram bastante impressionantes, como a verdadeira pessoa que resolveu o caso por trás dos assassinatos em série, a pessoa que notou que o ex-marido de Dona Mary e sua amante haviam tentado desviar fundos da Companhia Coim. Provavelmente fui descrito como sendo eficaz e perspicaz, um grande detetive que atacava com rapidez e precisão… É assim que vocês se elogiam nos negócios…” Klein suspirou.

Ele hesitou por um momento e disse: — Sinto muito, Talim. Mas como detetive, tenho meus próprios princípios, que é não me envolver em assuntos que envolvam figuras importantes. No palco dos superiores, o que pode ser um atrito semelhante a um espirro entre eles pode muito bem ser um desastre insuportável para mim.

— Não vou pintar um alvo nas minhas costas, então não vou ver essa figura importante.

Na verdade, isso era algo que Klein havia decidido antes de se tornar um detetive.

Ele estaria sujeito a uma investigação uma vez que se envolvesse com a alta sociedade; portanto, antes de se tornar um Sem Rosto, ele não queria correr tais riscos.

— … Você é muito racional. — Talim suspirou e disse: — A figura importante antecipou essa reação e acredita que tal detetive é ainda mais confiável, então ele deseja que você assuma uma comissão que não envolva a alta sociedade.

— Que tipo de comissão? — Klein perguntou.

Talim riu e disse: — O caso Capim sobre o qual você e Mike conversaram da última vez. A figura importante está muito interessada na organização que usa cartas de tarô. Ele disse que houve mais de um desses casos e deseja que você encontre pistas relevantes.

  1. Dossier ou dossiê é uma coleção de documentos ou um pequeno arquivo que contém papéis relativos a determinado assunto, processo, empresa ou pessoa.[]
Picture of Olá, eu sou Vento_Leste!

Olá, eu sou Vento_Leste!

Comentem e avaliem o capítulo! Se quiser me apoiar de alguma forma, entre em nosso Discord para conversarmos!

Clique aqui para entrar em nosso Discord ➥