Selecione o tipo de erro abaixo


Combo 43/50


Situado além da tempestade, o Sonho Dourado tinha o luar vermelho carmesim brilhando através das nuvens finas e em um de seus quartos que estava escuro e apagado.

Danitz estava parado ao lado da cama, imóvel. Era como se ele tivesse encontrado os poderes Beyonder que pareciam o olhar petrificante da Medusa.

Ele não pôde evitar cerrar os dentes ruidosamente enquanto seus pés tremiam indiscernivelmente. Uma névoa branco-acinzentada sem fim e uma figura indistinta que se erguia acima de tudo, dizendo as palavras inspiradoras “aqueles que dizem meu nome, estão em minha mente” encheram sua mente.

“Realmente houve uma resposta… Realmente houve uma resposta!” Os lábios de Danitz tremeram enquanto murmurava silenciosamente para si mesmo. Ele sentiu que suas panturrilhas estavam moles.

Esta foi a primeira vez que recebeu a resposta de uma oração!

Ele estava morrendo de medo!

Ele sabia há muito tempo que O Louco era uma existência desconhecida, a figura em quem a organização secreta que apoiava Gehrman Sparrow acreditava, e que ele já havia feito uma conexão por recitar seu nome honroso. Se ele tivesse alguma ação de deslealdade ou traição, morreria imediatamente de uma morte desconcertante, mas esse conhecimento derivava do conhecimento que a Contra-Almirante Iceberg Edwina lhe ensinara. Ele nunca havia encontrado situações semelhantes antes e nunca imaginou que uma existência desconhecida responderia a ele.

Quando a névoa, a figura e a voz apareceram de repente diante de seus olhos e ouvidos, ele aprendeu pela primeira vez que existências poderosas responderiam diretamente aos seus crentes!

Sim, no fundo, Danitz, sem saber, transformou a existência desconhecida em uma existência poderosa.

Assim que se recuperou do choque, respirou fundo apressadamente enquanto tentava andar de um lado para o outro para aliviar os horrores remanescentes em seu coração. No entanto, assim que deu um passo com o pé direito, descobriu que suas pernas estavam moles. Tudo o que conseguiu fazer foi desabar na cama antes de mal conseguir se virar para se sentar.

— É realmente uma existência magnífica. É real… — Danitz murmurou baixinho ao perceber claramente que havia se envolvido em algo sério.

De volta ao mundo dos livros, como ele apenas recitou o nome honroso sem descobrir nenhuma anormalidade, tudo o que sentiu foi medo de saber dos possíveis resultados. Agora, estava enfrentando um perigo oculto que finalmente se delineou, bem como um futuro que ele não conseguia ver com clareza. Como poderia não mergulhar em um poço inevitável de medo extremo?

Após um período de tempo desconhecido, Danitz exalou enquanto se consolava.

“Pode não ser uma coisa ruim. No mínimo, Gehrman Sparrow ainda está vivo e leva uma vida muito boa!”

Ao ter esse pensamento, ele forçou um sorriso.

“Sou membro de uma organização secreta e, no futuro, uma pessoa abençoada por uma existência magnífica…”

Enquanto seus pensamentos corriam, Danitz decidiu orar todas as manhãs ao acordar. Ele acreditava que nenhuma existência desgostaria de um crente piedoso.

É claro que ele teria em mente a crença e muitas vezes oraria interiormente.

Na manhã seguinte, Klein acordou normalmente, exausto na noite anterior.

Ele saiu lentamente da cama e viu que o céu estava azul e o chão lá fora estava molhado. O mundo inteiro parecia ter sido purificado pela água, tornando-o anormalmente fresco. Porém, as folhas desordenadas, os galhos quebrados e todo tipo de lixo eram indícios de que não foi uma noite tranquila.

Depois de se lavar, Klein se transformou num cara comumde Loen, pediu uma xícara de Seiva Gurney, algo originário da Ilha Symeem, e uma escolha bastante pesada para o café da manhã — Teativa — para compensar as despesas de calorias da noite anterior.

Enquanto bebia a bebida que lembrava limonada com açúcar e leite, ele comeu a refeição fresca e perfumada que misturava carneiro e peixe, junto com o sabor doce e levemente azedo da fruta. Klein segurou os jornais fornecidos pela pousada com grande prazer enquanto lia as notícias, começando com a Manchete da Manhã de Sônia e Reportagem de Notícias.

No final do café da manhã, ele abriu Casos Estranhos, um jornal bastante popular entre os aventureiros, e viu uma manchete de artigo impressionante:

“Lutas internas sangrentas em meio à tempestade:”

“De acordo com fontes, houve intensas lutas internas no Caveira de Um Olho do Capitão Maluco Connors Viktor. Os piratas executaram o Capitão Maluco e mataram uns aos outros, e relatos dizem que ninguém sobreviveu.”

“Todo esse mal foi escondido pela terrível tempestade da noite passada. Ninguém estava ciente do conflito até que o Caveira de Um Olho foi encontrado à deriva no porto de Symeem.”

O artigo anexou uma foto pouco clara, aparentemente capturada em segredo no porto.

As características do Caveira de Um Olho da foto se destacaram imediatamente. Foi fortemente danificado e muitos pontos ficaram pretos carbonizados. Apenas um único mastro permaneceu intacto, enquanto o mastro do meio tinha uma figura com um chapéu triangular preso a ele.

“É Connors Viktor… Ele morreu assim?” As pupilas de Klein se contraíram enquanto ele contemplava seriamente. “Quase pode ser confirmado que havia um semideus no navio ontem à noite… Quando ele viu que o Capitão Louco era o alvo, ou com o Rei dos Mares em sua perseguição, ele só pôde cuidar de si mesmo. Incapaz de trazer Connors com ele, ele o silenciou decisivamente e destruiu todas as evidências?”

Klein, que tinha planos de continuar sua perseguição ao Capitão Maluco, sentiu-se desanimado. Ele percebeu que, embora o rastro de pistas não tivesse sido completamente eliminado, pouco restava.

A única questão que sabia naquele momento era que o semideus provavelmente pertencia ao caminho do Imperador das Trevas!

“Pela intensidade da tempestade da noite passada, o Caveira de Um Olho provavelmente foi enviado ao porto pelo Rei dos Mares Jahn Kottman para fazer quaisquer investigações de acompanhamento. Gostaria de saber se eles terão alguma descoberta adicional… Sim, posso pedir ao Sr. Enforcado para ficar de olho nisso na Igreja das Tempestades… Não há necessidade de informá-lo já que a Reunião de Tarô será esta tarde. O Mundo pode contratá-lo diretamente para fazer isso…” Klein rapidamente se decidiu antes de engolir o resto da Seiva Gurney.

Então, ele retornou ao seu quarto e planejou recuperar o transceptor de rádio que havia colocado acima da névoa cinza por um longo período de tempo para entrar em contato com Arrodes. Ele queria ver se havia alguma outra pista sobre a fórmula da poção do Feiticeiro Bizarro.

Tendo deixado o Mar do Leste de Oravi, que também era onde o semideus da Ordem Aurora o havia atacado anteriormente, Klein agora se atreveu a usar itens com a aura da névoa cinza. Porém, sabia muito bem que não poderia fazer isso com frequência e que cada uso não poderia durar muito; caso contrário, havia a possibilidade do Verdadeiro Criador detectá-lo.

Por esse motivo e por sua cautela contra Arrodes, ele planejava fazer tudo o que pudesse fazer sozinho e, se possível, buscaria o conselho de outras pessoas. Ele só planejava jogar o jogo de perguntas e respostas se não tivesse opções.

No Vingador Azul, que estava atracado no porto privado da Resistência.

Alger planejava conseguir um último reabastecimento antes de retornar à Ilha Pasu.

Depois de instruir sua tripulação sobre quais itens comprar, vestiu roupas locais e foi direto para Bayam. Depois de circular algumas vezes, chegou à Catedral das Ondas, planejando relatar ao bispo da diocese, Chogo, sobre os acontecimentos recentes.

Embora estivesse retornando à Ilha Pasu e reportando seu trabalho aos altos escalões da Igreja, sabia muito bem quem era seu superior imediato. Ele sabia que precisava agir de maneira adequada e não fazer seu superior acreditar que estava pulando a cadeia de comando ao estabelecer relações diretas com os escalões superiores.

Chogo permaneceu saudável e entusiasmado, pois estava muito satisfeito com os relatórios proativos de Alger. Depois de ouvir isso, ele disse com um tom enérgico: — Não há necessidade de se preocupar com isso. São apenas relatórios de rotina. Já informei Sua Eminência Kottman que você é devotado ao Senhor e leal à Igreja. Você é um dos capitães de maior confiança e Sua Eminência Kottman informará isso ao Conselho de Cardeais.

Ele fez uma pausa, mas sem dar tempo a Alger para falar, continuou: — Além disso, há outra missão. Investigue pessoas que estão intimamente ligadas ao Capitão Maluco Connors Viktor.

— Esta é uma missão emitida diretamente por Sua Eminência Kottman. Você tem que levar isso a sério.

“Investigar pessoas relacionadas ao Capitão Maluco?” Alger ficou intrigado, mas não questionou. Em vez disso, bateu com o punho direito no peito esquerdo e disse: — Sim, Excelência.

O grisalho Chogo assentiu e pensou por dois segundos antes de perguntar: — Você conhece Gehrman Sparrow?

Esta pergunta soou como um raio inesperado. Isso deixou as pupilas de Alger contraídas e ele quase perdeu o controle na hora. Felizmente, ele era mentalmente forte, o que lhe permitia manter seu estado normal.

— Já ouvi falar dele. Ele ficou muito famoso recentemente. Não apenas Língua de Cobra Mithor e feriu Tracy gravemente, mas também embarcou no Futuro de Cattleya. — Alger continuou falando para esconder a agitação em seu coração.

Chogo fez um reconhecimento conciso.

— Você estava no mar, então está um pouco atrasado nas notícias.

— Gehrman Sparrow matou Kircheis em Toscarter na semana passada e obteve sua recompensa. Hehe, aquele pirata era de fato um Diabo, um Sequência 5((a sequencia 5 do caminho do criminoso(diabo) é apostolo do desejo)).

— Kircheis? O segundo imediato de Agalito? — Alger perguntou com emoções muito honestas.

Ele sabia que Kircheis era suspeito de ser da Sequência 5, mas não sabia que era do Caminho do Diabo. E o fato de ele ser um Sequência 5 e um Diabo significava muitas coisas. Isso significava que ele era difícil de matar, o que significava que Gehrman Sparrow provavelmente matou Kircheis durante um encontro repentino!

Isso significava que Gehrman Sparrow já estava no auge da Sequência 5!

“Se não fosse porque ele estava tentando comprar a fórmula da poção da Sequência 4, eu poderia até suspeitar que ele havia se tornado um semideus…” Alger pensou, sentindo-se perturbado.

Ele ficou alarmado ao perceber que em uma semana, o Mundo havia obtido a fórmula e o ingrediente principal da poção da Sequência 5: Cantor do Oceano, matou um Diabo da Sequência 5 e poderia muito possivelmente ter uma fórmula da poção do Notário da Sequência 6 em mãos também!

“Como ele fez isso?” Alger percebeu que estava com um pouco de medo do Mundo.

Claro, não era algo inaceitável para ele. Isso porque sabia que o Mundo era o representante dos adoradores do Sr. Louco. E o Sr. Louco claramente não tinha um único adorador. Se um era responsável pela fórmula da poção do Notário, outro era responsável pelo Cantor do Oceano, então era possível que Gehrman Sparrow tivesse matado apenas Kircheis.

Embora isso também deixasse alguém apreensivo, não parecia uma história inventada.

Chogo assentiu solenemente.

— Sim, a falta de reação de Agalito implica alguma coisa.

— Concentre-se na coleta de informações sobre Gehrman Sparrow.

— Tudo bem, Excelência. — Alger curvou-se com reverência, já tendo decidido ser superficial na missão tanto quanto pudesse.

Dentro da pousada, Klein colocou o rádio sobre a mesa.

Em pouco tempo, sons de estalos apressados ​​foram ouvidos.

Olá, eu sou o Vento_Leste!

Olá, eu sou o Vento_Leste!

Comentem e Avaliem o Capítulo! Se quiser me apoiar de alguma forma, entre em nosso Discord para conversarmos!

Clique aqui para entrar em nosso Discord ➥