Capítulo 56: Pressionado pelo tempo

Mana Infinita no Apocalipse

Não carregou? Ative seu JavaScript
Atualizar

Combos Pago
–  5 – R$ 10,00 (R$2,00 por cada) (2 Capítulos por dia) (3 Por dia +25%)
-10 – R$ 16,50 (R$1,75 por cada) (3 Capítulos por dia) (4 Por dia +20%)
-20 – R$ 33,00 (R$1,65 por cada) (3 Capítulos por dia) (4 Por dia +20%)
-30 – R$ 48,00 (R$1,60 por cada) (3 Capítulos por dia) (4 Por dia +20%)
-50 – R$ 77,50 (R$1,55 por cada) (3 Capítulos por dia) (4 Por dia +15%)

 

Pressionado pelo tempo
___

Não houve muitas perdas de caçadores e soldados no campo de batalha devido ao apoio contínuo de caçadores de alto escalão e ao fato de eu ter tido o foco e a atenção das duas bestas mais poderosas o tempo todo.

Magos de cura cuidavam dos feridos e esquadrões do governo especializados em recuperação de recursos andavam pelo campo coletando núcleos, livros de habilidade e itens.

A invocação venenosa tinha acabado de dizimar as fileiras de feras depois de um tempo, e a única coisa que restou na outra metade do campo de batalha foram áreas de rochas derretidas que ainda borbulhavam com calor e cadáveres de feras corroídas.

Eu disse a Elizabeth que ia correr para a Federação Unida e fiquei chocado quando ela me perguntou: “Você não está exausto?!”

Eu ri dessa pergunta muito normal e optei por não responder quando dei meu agradecimento ao Mão do Relâmpago e aos outros oficiais no centro de comando.

Antes de partir, perguntei pelo país onde a batalha contra o Dragão Negro estava ocorrendo atualmente, e os oficiais de inteligência me deram as coordenadas do país que se chamava Porto Real.

Eu sabia a direção geral para que eu pudesse voar e chegar lá o mais rápido possível, mas ter as coordenadas reais no meu telefone ajudou tremendamente. Eu olhei para o local com pontilhado azul e quão longe eu estava enquanto esperava ansiosamente para começar minha jornada, imediatamente.

Mesmo voando na minha velocidade máxima, eu não sabia quantas horas levaria para chegar lá. Eu chegaria a tempo antes que milhares continuassem a perder suas vidas?

Eu disse a Elizabeth para transmitir minhas palavras enquanto eu voava do centro de comando e pousava no grande pescoço da invocação venenosa. Os músculos ondulantes em seu pescoço pareciam pedras quando me sentei nele, ordenando para ver se ele consegue parar de emitir os gases nocivos que saem de seu corpo, pois eu já podia ver minha pele adquirindo um tom verde doentio.

A besta obedeceu e seu ar imponente foi reduzido enquanto eu lançava [Luz do Guardião] várias vezes para remover os efeitos negativos e curar completamente meu corpo. Eu vi que esta convocação de Rank S era muito mais rápida que minha habilidade [Voo], então seria meu meio de transporte para a Federação Unida.

Suas asas estendidas de morcego vibraram conforme nós desaparecemos no ar, acelerando rapidamente em direção a um outro campo de batalha.

Kazuhiko havia se afastado do campo de batalha enquanto soltava respirações ásperas. Ele tinha entrado em um surto e derrubado muitos Chefes de Rank A e B, mas a besta que ele queria lutar ainda não tinha aparecido.

Ele estava ficando sem mana depois de correr nessas últimas horas que se forçou a sair do campo de batalha e recuperar sua energia. Ele queria viver livremente e lutar o dia todo, mas seu corpo o traiu.

Ele tinha que ficar mais forte. Muito mais forte, até que pudesse lutar dia e noite sem se sentir exausto.

Quando ele terminou de matar outra fera e sentiu o estado de seu corpo, ele chamou outro herói de Rank A para assumir sua posição enquanto ele se movia para trás. Ele não queria enfrentar o Dragão Negro assim e ter uma morte sem sentido, sem emoção de batalha.

Sua katana posta em seu colo enquanto ele a acariciava e fechava os olhos. Ele iria recuperar seu poder de luta primeiro, antes de partir para outra luta que certamente invocaria a temível besta.

Uma enorme besta estava adormecida no meio de uma enorme floresta cercada por grandes árvores que pareciam pequenos ramos em comparação com seu corpo.

A besta tinha uma camada volumosa de escamas escuras espalhando-se por todo o seu corpo, com belas asas que estavam dobradas e uma longa cauda pontiaguda movendo-se atrás dela.

Um som latejante pode ser ouvido quando a besta mostrou uma expressão dolorosa em seu rosto, antes que uma fumaça escura cobrisse seu corpo quando ele começou a reduzir seu tamanho. Ruídos ecoaram enquanto a fumaça escura proliferava na área, e logo uma nova figura estava parada na floresta.

Agora tinha a aparência de um homem, aparentemente na casa dos 50 anos. Ele tinha pele morena bronzeada, e uma cicatriz pulsante podia ser vista em seu peito.

Este era o Dragão Negro que atualmente tinha suas forças travando uma guerra contra os países da Federação Unida.

Ele havia escolhido voluntariamente descer a este mundo inferior depois de fazer um acordo pela independência de seu ducado. Enquanto ele fosse bem-sucedido nessa empreitada, seu povo estaria livre de perseguição.

Ele se sentiu mal pelos nativos deste planeta, pois estava fazendo a mesma coisa que foi feita a eles num passado não muito distante. Mas ele tinha que fazer isso. Seu povo continuava sofrendo todos os dias e ele queria algum alívio para eles.

Ele carregará o fardo pelas mortes desses outros seres, mas ele tinha que concluir sua parte no negócio e esperar que eles fizessem o mesmo.

Alguém de seu Rank descendo para este mundo inferior tinha suas desvantagens, especialmente porque aqueles idiotas escolheram não fornecer a essência necessária para descer e ele teve que usar a sua própria essência.

Isso causou uma lesão da qual estava demorando algum tempo para se recuperar. Foi por isso que ele não foi capaz de se mover tão livremente após sua descida, e teve que depender de seus subordinados e outros demi-humanos para aumentar sua influência.

Ele havia mudado para esta forma humana para controlar mais facilmente as energias em seu corpo com o advento desta lesão.

Levaria apenas mais alguns dias para curar, e ele deveria estar de volta ao auge de sua força de Rank S. Quando essa hora chegar, ele endurecerá seu coração poderoso e fará com que todos se submetam, ou enfrentará a morte.

As emoções tinham que ser mantidas fora de cena. Ele estava fazendo isso por seu povo, sua filha e por si mesmo. Ele teria pena do que estava para acontecer com aqueles nativos, mas era isso.

Mais de meio dia se passou desde que ele recebeu atualizações de que um humano poderoso estava contra eles e causou a morte de muitos de seus subordinados, mas ele não queria se mover novamente até que mais de seus ferimentos estivessem curados.

Ele estava prestes a verificar o progresso de suas forças quando uma aura que ele sentiu e logo depois desapareceu. Não muito depois, outra aura também apareceu e desapareceu em um piscar de olhos. Ele ficou perplexo ao fechar os olhos e espalhar sua energia, mas ainda não conseguia sentir as auras.

O que tinha acontecido? Era muito mais fácil sentir aqueles do mesmo Rank que você em planetas como este, então ele estava ciente das duas auras familiares que também estavam aqui. Mas agora, os dois se foram.

Sua perplexidade se tornou sombria, pois ele não conseguia entender o porquê, mas uma ideia impossível se enraizou em sua cabeça quando a fumaça negra saiu e ele voltou à sua forma de dragão. Sua cura teria que ser adiada, ele precisava saber o que estava acontecendo.

Aviso do Tradutor:

EvertonBTK

EvertonBTK

Rolar para o topo