Monster Paradise – Capítulo 854

Capítulo Anterior  ||  Índice  ||  Próximo Capítulo


Capítulo 854: Invasão

Tradutor:  Asu | Editor:  Asu

Isso aconteceu há alguns dias na Capital da Areia do Norte.

Era noite quando Nie Jun retornou a uma pousada na Capital da Areia do Norte depois de um dia inteiro de caça.

“Garçom, me quatro vê dois quilos e meio de carne de boi, 80g de amendoim cozido, e uma garrafa de vinho de flor.”

Essa foi a refeição de um Guerreiro clássico.

No entanto, Nie Jun não era um Guerreiro. Para ser exato, ele não era um Guerreiro naquele momento. Ele vinha praticando artes marciais há anos e só se juntou a uma seita de cultivo depois de 30 anos e avançar para o Nível de Transformação Mortal.

Embora ele já fosse um grande cultivador de Nível Ascendente Intermediário, o hábito de um Guerreiro foi forjado em seu sangue.

Ele não gostava de ficar em uma pousada lotada e luxuosa com outros cultivadores. Não era que ele não tivesse pedras espirituais para gastar; ele desprezava falar sobre coisas que os cultivadores estavam sempre falando. Comparado a isso, ficar com Guerreiros deu-lhe paz de espírito.

Olhando para aqueles Guerreiros bêbados que estavam comendo carne e tomando goles de vinho, ele sentiu como se estivesse olhando para a pessoa que costumava ser. No entanto, aqueles irmãos que costumavam jantar e beber com ele haviam morrido. Ele não conseguia encontrar ninguém que bebesse com ele agora.

Depois de pedir ao garçom, Nie Jun subiu a escada imediatamente.

O garçom bateu à sua porta com uma bandeja enquanto o céu escurecia.

“Senhor, a comida que você pediu está pronta.”

“Entre.”

O garçom abriu a porta e colocou a bandeja sobre a mesa. Ele então se virou e saiu, fechando a porta do quarto enquanto saía.

Nie Jun levantou-se e caminhou até a comida que era servida na mesa de jantar. Ele não se incomodou em usar os pauzinhos enquanto pegava a carne fatiada com as mãos diretamente.

Um bocado de carne, um gole de vinho, seguido de um bocado de aperitivo.

Logo, os pratos na mesa foram esvaziados.

Depois de engolir a última gota de vinho, Nie Jun colocou a garrafa no chão e arrotou alto.

Apenas quando ele estava pronto para se levantar, ele sentiu uma sensação de perigo vindo de trás. Antes que ele conseguisse reagir, uma adaga de prata estava em seu pescoço, fazendo-o suar.

“Não faça barulho e levante-se devagar.” Uma voz profunda veio de trás.

“Irmão, se você está me roubando, meu anel de armazenamento está no meu dedo médio esquerdo. Apenas pegue isso. Eu prometo que não vou atrás de você.” Nie Jun levantou a mão esquerda para mostrar ao atacante o anel de armazenamento em sua mão esquerda.

A razão pela qual ele fez isso foi porque ele tinha certeza de que a pessoa era um assassino profissional. Apenas um assassino profissional seria capaz de encontrar um lugar para se esconder perfeitamente em uma sala tão pequena, a ponto de Nie Jun não perceber sua existência durante toda a refeição.

Olhando para a velocidade da pessoa, sua habilidade estava definitivamente no mesmo nível ou ainda mais poderosa do que a sua.

A dor queimou da mão esquerda de Nie Jun quando ele falou.

“Eu te avisei para não fazer um som.”

Nie Jun olhou para a mão esquerda e notou que seu dedo médio esquerdo havia sido cortado simplesmente porque ele havia falado. A pessoa era obviamente implacável.

O coração de Nie Jun caiu no fundo naquele momento. Não deixá-lo falar significaria que não havia espaço para negociação. Ele conheceu pessoas de todas as classes sociais durante seus 30 anos em artes marciais, então ele praticamente sabia que tipo de pessoa ele estava lidando com os sinais que a pessoa enviava.

“Parece que não vou conseguir escapar da morte hoje.” Nie Jun forçou um sorriso em silêncio e não tentou falar de novo. Ele sabia que a pessoa lhe daria um aviso ainda mais intenso se ele voltasse a falar. A pessoa pode matá-lo imediatamente.

“Pegue os pratos e traga-os para a porta.”

Nie Jun colocou os pratos e a garrafa de vinho na bandeja, como lhe foi dito. Enquanto ele caminhava para a porta e a abria, a adaga se distanciou de seu pescoço de repente.

Os olhos de Nie Jun se iluminaram, mas ele percebeu que algo estava errado quando ele ia correr. Um fio que era tão grosso quanto cabelo humano enrolado em seu pescoço.

“Fico feliz que você não tenha feito o que estava tentando fazer. Caso contrário, sua cabeça não estaria em seu pescoço agora,” disse a voz profunda por trás.

Nie Jun estava suando por toda a testa. Ele acabou de perceber o que cortou seu dedo mais cedo.

Depois de abrir a porta, Nie Jun dobrou a cintura e colocou a bandeja no chão.

Quando ele se levantou, uma pequena lâmina apareceu no bolso direito. Ele cortou o espaço estreito entre o pescoço e o fio transparente. Ele se agachou quando fez isso, fazendo com que ele se esquivasse da ameaça do fio incolor.

Sem pensar em lutar contra o homem, Nie Jun bombeou as pernas na tentativa de fugir.

No entanto, ambos os tornozelos doeram imediatamente. Seu corpo perdeu o equilíbrio e ele caiu no chão.

Ao mesmo tempo, ele finalmente viu como o assassino parecia. Era um homem magro que estava coberto por um manto negro e usava uma máscara preta no rosto. Havia dois buracos ovais na máscara, revelando seus olhos negros, frios e sem emoção.

“Lixo esperto.” O homem da máscara caminhou em direção a Nie Jun lentamente.

Nie Jun estava deitado em uma poça de sangue, parecendo que ele estava morto por dentro.

Depois de fechar a porta, o homem agarrou a gola de Nie Jun e o jogou na cadeira em frente à mesa de jantar.

Nie Jun perdeu a vontade de lutar desde que suas pernas foram cortadas junto com sua chance de correr. Ele apenas permitiu que a pessoa fizesse qualquer coisa com ele.

O homem pegou uma seringa de seu anel de armazenamento e injetou no braço de Nie Jun.

Sem saber qual era o seu conteúdo, tudo o que Nie Jun podia sentir era que todo o seu corpo estava entorpecido. Não só ele não podia falar, mas também não conseguia nem mexer um dedo agora.

Mais tarde, ele viu o homem tirar uma adaga e abrir seu crânio lentamente…

Antes de sua consciência escurecer, ele ouviu o homem da máscara resmungar fracamente: “Vamos ver se há algo que eu queira em sua cabeça…”

―◊◊◊―

No meio da noite, 20 pessoas com máscaras vestindo vestes negras se reuniram em um quarto escuro. Embora suas máscaras fossem todas negras, cada máscara tinha um design diferente.

“Como vai a investigação?” Foi uma mulher que fez essa pergunta. Havia um rubi vermelho do tamanho de um polegar na área da testa em sua máscara.

“Eu tenho algo”, falou uma silhueta magra. Sua máscara era exatamente igual à da pessoa que havia matado Nie Jun antes.

“Eu peguei um cara que estava sozinho hoje. Sua força de combate estava no Nível Imortal Intermediário e encontrei algo bastante útil em sua cabeça”

“Eles chamam as pessoas que estão no Nível Imperial de Imortal Humano neste mundo. Já se passaram dezenas de milhares de anos desde que um Imortal Humano se mostrou, e não há ninguém que tenha se elevado ao Nível Imortal Humano nas últimas dezenas de milhares de anos.”

“Atualmente, as pessoas mais poderosas desta cidade são os três governadores que têm uma força de combate de nível semelhante ao Nível Imortal Rank-9. Os três são os inimigos que devemos enfrentar.”

“Além disso, as pessoas que devemos ter cuidado devem ser os guardas imortais honorários. Dizem que todos os guardas honorários imortais de todas as cidades dominam formações de batalha e, com suas habilidades, podem lutar contra Imortais Humanos que são menos poderosos”.

“Nós alertamos alguém?” A mulher perguntou.

“Não, eles devem encontrar o corpo só amanhã de manhã”, disse o homem magro com confiança.

“Então, vamos fazer como planejamos. Vamos sair hoje.” A mulher da máscara com  rubi vermelho parecia ser a líder da matilha quando ela fez todos os preparativos imediatamente.

“Somos apenas 20 do Encanto que vieram para cá. Não somos como as grandes organizações como o Governo da União, a Associação de Caçadores e a Dinastia, por isso temos de tentar ao máximo minimizar as perdas em batalhas e maximizar as nossas vantagens. Depois da meia-noite, todos vocês vão matar todos os seres vivos na residência do governo o mais rápido que puderem e roubar o tesouro. Tente sair antes que os guardas imortais honorários venham.”


Capítulo Anterior  ||  Índice  ||  Próximo Capítulo

Rolar para o topo