MPE – Capítulo 15

Capítulo Anterior || Índice || Próximo Capítulo


Capítulo 15: Se Registrando para Avaliação

Tradutor: Asu | Editor: Asu

Naquela época, depois que os pais de Gao Peng sofreram seu acidente, o governo havia dado uma quantia em dinheiro como compensação. Aparentemente, contanto que se encontrasse com algum acidente durante o cataclismo, eles receberiam uma pensão de 10 Créditos da Aliança.

Um Crédito da Aliança era equivalente a 10 mil Dólares da Aliança. Isso não parecia um grande número, mas levando em conta o grande número de pessoas que enfrentaram acidentes durante os períodos iniciais do cataclismo, a quantidade de dinheiro gasto era absolutamente aterrorizante.

Inicialmente, os únicos que estavam dispostos a dar tais pensões eram os chineses. Como tal, a China tornou-se o país com os menores índices de criminalidade após o cataclismo, e também o país que respondeu mais positivamente à reconstrução da ordem pelo governo.

Isso surpreendeu muitos países ocidentais, que rapidamente começaram a imitar os chineses. A pensão dos Créditos da Aliança não permitiria que muitas pessoas vivessem suas vidas com conforto, mas pelo menos deixariam que elas vivessem e não fossem jogadas no fundo do poço.

Gao Peng já havia usado a maior parte dos 20 Créditos da Aliança que foram dados pelo governo como compensação. Ele só tinha 11 Créditos da Aliança sobrando. Se ele os usasse com moderação, provavelmente poderia ser o suficiente para comprar os materiais necessários para elevar a Classificação de Da Zi.

Mas não foi assim que a matemática funcionou. Se ele gastasse todo esse dinheiro, o que ele usaria para pagar as contas de água e eletricidade, assim como suas despesas de moradia? Por causa disso, Gao Peng não se dirigiu imediatamente ao mercado para comprar os materiais.

Mas essa foi a preocupação de Gao Peng antes. Após a viagem para a periferia, ele poderia gastar o dinheiro com muito mais facilidade.

Depois de lutar contra monstros com Da Zi continuamente por alguns dias, eles caçaram alguns. No caminho de volta para casa, ele vendeu as carcaças de monstros em uma loja com boas críticas, o que lhe rendeu um total de dois Créditos da Aliança.

Isso seria suficiente para cobrir as despesas de um bom meio ano.

Neste momento, o emprego mais lucrativo do mundo seria o de um Treinador de Monstros. Os custos de manutenção da profissão eram altos, mas o dinheiro vinha rápido e, se alguém tivesse sorte, não seria impossível ficar rico da noite para o dia descobrindo um tesouro incrível na natureza.

O único inconveniente era que a caça de monstros na natureza tinham um grande risco. Se alguém teve a má sorte de encontrar um monstro de alto nível, sua sobrevivência dependeria simplesmente do destino.

Mas para aqueles que se decidiram a se tornar Treinadores de Monstros especializados em batalha, eles teriam que enfrentar tais riscos mais cedo ou mais tarde. Não existia trabalho que permitisse enriquecer e ficar forte simplesmente deitado na cama.

Sentado no sofá, com Da Zi deitado ao seu lado, Gao Peng ligou a televisão e distraidamente percorreu os diferentes canais.

Atualmente, havia muitos programas que tinham a ver com Familiares. Mesmo aqueles que originalmente não tinham nada a ver com Familiares, acrescentariam, com força, alguns elementos de coisas relacionadas a Familiares. Uma mudança tão grande em apenas três anos foi o melhor testemunho da adaptabilidade da humanidade.

“Sejam todos bem-vindos à segunda temporada de Jiangnan, Rei dos Familiares! Eu sou seu apresentador, Zhu Dazhang.”

O local do programa parecia ser um palco ao ar livre. Havia algumas dezenas de competidores, cada um com uma etiqueta numérica na cintura.

Em frente a cada competidor havia uma gaiola de metal, cada uma com um tipo diferente de monstro.

Os monstros estavam todos inquietos. Alguns estavam batendo contra a gaiola e outros estavam fazendo sons profundos de rosnados. O mais feroz de todos era Familiar que parecia um leão. Parecia maravilhoso, como se alguém tivesse derramado prata líquida em um molde em forma de leão. Ele estava loucamente atacando as grades da gaiola com suas patas, dando um rugido a cada vez que podia abalar o céu.

Mas a gaiola parecia ser feita de uma liga especial de metal que não se dobrava ou quebrava, não importando o quanto aquele leão prateado a atacasse.

O que mais chocou Gao Peng, no entanto, não foi isso, mas as linhas de informações que apareceram diante dele.

[Nome do Monstro]: Leão Demônio de Prata
[Nível do Monstro]: Nível 22 (Comandante)
[Classificação do Monstro]: Excelente
[Atributo do Monstro]: Gelo
[Condição do Monstro]: Saudável (Frenético)
[Fraqueza do Monstro]: Elétrico

 

Pensar que ele poderia até mesmo ver atributos de monstros de uma tela de televisão…

Gao Peng ficou estupefato.

Se fosse esse o caso, as maneiras que essa habilidade poderia ser usada eram muito mais amplas.

Desligando a televisão, Gao Peng apoiou o queixo nas duas mãos e mergulhou em pensamentos profundos.

Agora que Da Zi se tornou seu Familiar, ele poderia mais ou menos se considerar ter dado o primeiro passo para se tornar um Treinador de Monstros.

Mas ele ainda tinha um longo caminho para se tornar um verdadeiro Treinador de Monstros de Combate. Ainda não havia critérios fixos para se tornar um, mas parece que ter um Familiar de Classificação Excelente ou um Familiar Tier Elite seria o mínimo.

Também foi importante notar que após os poucos dias loucos de treinamento de batalha no Lago Espelhado, o nível de Da Zi subiu, e agora era um monstro de nível 7.

O combate era de fato o caminho mais rápido para um monstro subir de nível.

Além de caçar monstros na periferia para cobrir as despesas, havia outro caminho possível. Isso era se tornar um Criador de Monstros.

Criação de Monstros era um novo tipo de profissão. Os padrões para avaliar os Criadores de Monstros eram diferentes de um lugar para outro. Mesmo os métodos de avaliação foram diferentes com base na região.

Se fosse uma avaliação prática, tudo bem, mas se eles avaliassem teoria e conhecimento… Deveria estar tudo bem também, eu acho. Gao Peng estava um pouco inseguro.

Ele verificou na internet os métodos de avaliação anteriores para Criadores de Monstros. Todos os tipos de métodos estranhos apareceram.

Alguns simplesmente davam a cada candidato um monstro no local da avaliação. Se o requerente pudesse aumentar a Classificação do monstro dentro do tempo alocado, ele ou ela receberia com sucesso um certificado de qualificação de Criador de Monstros.

Esse tipo de método de avaliação era conhecido por ser o mais difícil, já que os monstros eram alocados aleatoriamente. Ninguém tinha ideia de que tipo de monstro estranho eles conseguiriam! Se alguém acabasse com um tipo de monstro com o qual não estava familiarizado, poderia ter uma perda total. Afinal, não havia Criador de Monstros que pudesse dizer tudo.

Esses monstros só apareceram nos últimos três anos. A humanidade ainda estava no processo de exploração. Mesmo no presente, menos de 20% da superfície da Terra após o cataclismo consistia em territórios explorados. Os restantes 80% eram todos terras perigosas e inexploradas. Mesmo dentro dos 20% explorados, existiam muitas áreas perigosas, áreas proibidas e assim por diante…

A maior mudança depois do cataclismo ocorreu nos oceanos. Antes do cataclismo, os oceanos ocupavam 70% da superfície da Terra, mas isso encolheu após o cataclismo. Eles agora só ocupavam 60%, enquanto a terra se tornou 40%.

Em outras palavras, isso significava que os humanos haviam explorado apenas metade da área terrestre, enquanto a outra metade ainda era desconhecida. Ninguém sabia que tipo de monstros novos e desconhecidos estavam escondidos nessas áreas. Os oceanos eram ainda mais desconhecidos e proibidos, com espécies de monstros sendo descobertos lá todos os dias.

Para Gao Peng, no entanto, essa avaliação difícil foi a mais fácil de ser aprovada. Em uma avaliação teórica, não havia garantia de que ele cometeria erros, pois não havia estudado tudo sistematicamente e poderia muito bem desperdiçar o dinheiro que gastava com as taxas de registro.

Gao Peng entrou no site do Criador de Monstros e optou por se registrar. As taxas de inscrição eram caras, chegando a um total de 1.000 Dólares da Aliança. Este montante poderia alimentá-lo e Da Zi por um mês.

Depois de se registrar com sucesso, ele recebeu uma notificação. De acordo com seu local de registro, ele foi alocado para a Divisão de Criadores de Monstros da Cidade de Chang’an para sua avaliação, o que aconteceria no dia 15 do mês. Hoje era dia 14, o que significava que estaria acontecendo amanhã.

Ele ligou para a sua professora para informá-la de sua inscrição para a avaliação de Criador de Monstros. Murong Qiuye ficou satisfeita. Ter a qualificação de ser um Criador de Monstro era como ter uma tigela de arroz dourada. Ela definitivamente daria seu total apoio a um aluno que tivesse planos para o seu futuro tão cedo na vida.

De imediato, Murong Qiuye aprovou a licença curta de Gao Peng da escola, uma vez que as avaliações para Criador de Monstros podiam levar quantidades variáveis ​​de tempo com base no método de avaliação. Gao Peng sempre pode voltar e frequentar a escola depois de terminar a avaliação. Afinal de contas, ele sempre fora um aluno obediente, o que deixava sua mente à vontade.

No final da conversa, Murong Qiuye até se esforçou para consolar Gao Peng, dizendo coisas como “o fracasso é a mãe do sucesso”, “você ainda é jovem, o futuro acabará pertencendo a você”, e assim por diante. Gao Peng não sabia se ria ou chorava quando ouvia esse tipo de sopa de galinha.

Ele percebeu que, às vezes, a Sra. Murong era realmente adorável.


Capítulo Anterior || Índice || Próximo Capítulo

Rolar para o topo