MPE – Capítulo 16

  • Asu 
Capítulo Anterior
Próximo Capítulo

Capítulo Anterior || Índice || Próximo Capítulo


Capítulo 16: Avaliação de Criadores de Monstros

Tradutor: Asu | Editor: Asu

Depois de um dia de folga, bem cedo na manhã seguinte, Gao Peng tomou banho e bateu na porta do Tio Liu.

A porta de ferro se abriu. Vendo Gao Peng, o Tio Liu mostrou um grande sorriso. “Bom dia Peng, você acordou bem cedo hoje.”

“Desculpe incomodá-lo Tio Liu”, disse Gao Peng, envergonhado.

“Eu vou fazer a Avaliação de Criador de Monstros, mas não tenho certeza quanto tempo vai durar. Seria possível deixar Da Zi ficar com você por alguns dias? Não se preocupe, Tio Liu, eu prometo que Da Zi vai ser um bom menino, não vai correr ou assobiar por aí. Se você acha que é incomodo, eu posso trancá-lo em casa e te dar a chave. A única coisa que você precisa fazer é alimentá-lo uma vez ao dia.”

“Não se preocupe. Eu cuido disso. Ele não vai morrer de fome”, prometeu o Tio Liu.

Gao Peng confiava no Tio Liu. Ele assentiu com apreciação, depois desceu e saiu.

Ele não percebeu que depois que Da Zi entrou no quarto do Tio Liu, permaneceu em silêncio, sendo estranhamente quieto.

Depois que Gao Peng saiu, tio Liu hesitou por algum tempo e finalmente discou um número. “Velho Jiang? Sim, sou eu. Acalme-se, acalme-se, ele está bem. O seu neto assinou com um Familiar. É uma Centopéia de Garras Amarela com Dorso Roxo. Parece se uma Classificação Normal.”

“Persuadi-lo como? Seu neto e você são exatamente iguais; vocês dois parecem que não se importam com nada, mas na verdade são teimosos como touros. Nada pode mudar suas decisões. Além disso, esta Centopéia de Garras Amarela com Dorso Roxo é a que sua filha e seu genro deixaram para ele.”

“As coisas ainda não foram tratadas? Eu disse para você matar aqueles que não ouvem e encontram bons garotos. Esse mundo não tem falta de talento.” Tio Liu estava conversando casualmente como se estivesse falando sobre pequenos assuntos familiares, mas suas palavras eram aterrorizantes.

“Bem, tudo bem, você tem seus planos… Não se preocupe com Peng. Ele não terá problemas comigo aqui.”

Do outro lado da chamada, o telefone desligou, uma cortina se abriu e a luz entrou em um escritório escuro, mostrando uma figura robusta de frente para a janela.

Os cabelos curtos prateados faziam o homem parecer experiente. Ele estava em um Hanfu preto solto[1] com aros de ouro. Embora o homem parecesse velho, sua imagem transmitia uma dissuasão terrível, como um vulcão adormecido que poderia disparar a qualquer momento.

O velho apertou um botão vermelho. Uma figura magra como uma fada entrou, curvando-se respeitosamente. “Presidente.”

O velho olhou para fora da janela com calma: “Dê um ultimato ao Departamento Experimental; perdoo seus caprichos porque agradeço seus talentos, mas isso não significa que eles possam desafiar minha paciência. Trabalhe para mim ou morra. Eu só lhe dou cinco meses. Não me desaponte. Quanto aos problemas em Qinghai, quero que sejam manuseados e limpos dentro de sete meses. Leve minhas palavras para Li Ye. Se eles não conseguirem, eu vou lidar com isso pessoalmente. E eles sabem o que vai acontecer então. Não perca meu tempo”.

Então o velho acenou com a mão para deixar a secretária sair.

Virando-se para a janela, o velho mostrou uma cara inexpressiva: sem felicidade nem tristeza. Somente no fundo de seus olhos se via um lampejo de amor.

Um ano: tudo deve ser limpo dentro de um ano. Ele não via seu único parente no mundo por muito tempo.

Antes de tudo se estabelecer, ele não se atreveu a procurar o neto, pois o menino não teria nenhuma autoproteção sem assinar o Contrato de Sangue. Ele não queria arriscar a vida do garoto, nem mesmo se por acidente.

―◊◊◊―

As Avaliações dos Criadores de Monstros foram realizadas na filial da Divisão dos Criadores de Monstros da Cidade de Chang’an, localizada nos subúrbios.

Levou várias horas para dirigir até lá.

Quando Gao Peng finalmente chegou ao destino, era quase meio-dia. A hora da avaliação era às 14 horas, para deixar tempo suficiente para os candidatos viajarem.

Uma vez que ele saiu do carro, ele viu um enorme prédio preto e branco na praça. Ao lado da praça havia enormes árvores. A luz do sol foi bloqueada pelas copas das árvores, deixando sombras no chão.

Até que ele saiu do carro, ele não viu o quão enorme o prédio era. Parecia uma colina, com barras de cor cinzenta e esfarrapadas nas laterais, expostas ao ar. Passos amplos estendiam-se até o portão.

Algumas pessoas haviam chegado, lotando a praça. As pessoas estavam por toda parte. A sombra sob as árvores já havia sido tomada; algumas pessoas sentavam-se em jornais ou em sacolas plásticas.

A avaliação não começa às 14h? Quão cedo eles chegaram? Gao Peng limpou o suor da testa, olhando em volta, mas não encontrou espaço para se sentar.

Tanto faz. Gao Peng balançou a cabeça e checou a hora no relógio. Já era meio dia e meia. Ele se virou e estava prestes a encontrar um  local para comer, quando de repente alguém gritou: “Gao Peng”.

Parece que alguém está me chamando.

Normalmente, ao ser chamado, muitas pessoas habitualmente se viravam para verificar quem estava lá. Gao Peng não. Ele não era uma pessoa normal.

Ele tinha poucos amigos; seus pais morreram no acidente. Seu avô do lado de sua mãe desapareceu, e suas duas vovós e vovô do lado de seu pai morreram de doença antes que o cataclismo acontecesse.

Portanto, o cara atrás não poderia estar chamando ele, mas outra pessoa. Havia muitas pessoas com o mesmo nome.

“Gao Peng! Ei, estudioso[2].” Os chamados vieram novamente.

Desta vez, Gao Peng fez uma pausa, virando-se confuso. Ele está me chamando?

Porque apenas uma pessoa se chamava estudioso Gao Peng.

Não muito longe debaixo de uma árvore, um grupo de pessoas estava reunido. Entre eles, um garoto de estatura média e peso, estava acenando com a mão animadamente para ele. De pé ao lado dele estava uma garota usando um vestido vermelho. Os dois pareciam familiares. Ele pensou por um tempo e finalmente lembrou seus nomes: Li Hongdou, Li Zigong.

Ah, meus colegas de sala.

Esses dois eram colegas de sala de Gao Peng, e eles eram irmãos. A irmã mais velha Li Hongdou foi educada e gentil, enquanto o jovem irmão Li Zigong era um tagarela.

“Olá, Sr. e Sra. Li.” Gao Peng assentiu em saudação, depois acenou para Li Hongdou e Li Zigong.

“Garoto, você está aqui sozinho?” O Sr. Li parecia ter trinta e poucos anos, vestido de terno e gravata. Ele cumprimentou Gao Peng com um sorriso.

“Sim”, Gao Peng assentiu.

“Você está aqui para assistir as Avaliações dos Criadores de Monstros, também? Ha-ha, estamos aqui com a mamãe, ela é uma candidata na avaliação de hoje. Embora ela tenha falhado três vezes, acredito que ela passará desta vez!” Li Zigong disse sem consideração. Ao lado dele, o rosto de Li Hongdou estava nublado de raiva; ela bateu Li Zigong na parte de trás de sua cabeça.

Li Zigong virou-se olhando para sua irmã, “Quantas vezes eu te disse, não bata na minha cabeça, eu suspeito que o meu QI diminui porque…”

“Não é problema meu”, respondeu Li Hongdou com frieza.

“Não, estou aqui para participar da Avaliação.”, disse Gao Peng, finalmente, depois de hesitar.

“O que?” Li Zigong ficou atordoado.

Do seu lado, Li Hongdou também surpreendeu. O Sr. Li e a Sra. Li não conseguiram deixar de olhar Gao Peng de cima a baixo.

O Sr. Li fez uma pausa, depois deu uma gargalhada. Ele deu um tapinha no ombro de Gao Peng e disse: “Bom trabalho! Os rapazes devem ter objetivos claros como você! Meu menino não sabe nada além de ‘comer’, ele é tão preguiçoso quanto um porco”.

A Sra. Li sorriu. “Você pode ser um dos candidatos mais jovens para a Avaliação dos Criadores de Monstros. Talvez veremos o Criador de Monstros mais novo de Chang’an hoje.”

“Obrigado, Sra. Li. Vou dar o meu melhor, mas não tenho 100% de certeza sobre minha competência. Estou aqui para tentar sorte”, disse Gao Peng com sinceridade.

Eles conversaram por um tempo. As 13h30 chegou rapidamente. A porta da filial Divisão dos Criadores de Monstros costumava estar bem fechada, mas ela se abriu inocentemente.

Vários guardas totalmente armados, com escudos antimotim em suas mãos esquerdas e longos cassetetes pretos nas mãos direitas, saíram para manter a ordem.

Candidatos entraram pelo portão da frente. Neste momento, Gao Peng percebeu que não havia muitos candidatos. A maioria das pessoas permaneceu do lado de fora; eles provavelmente eram amigos e parentes.

“Sua identificação”, disse uma mulher vestida com um terno cinza, sem levantar a cabeça.

Gao Peng entregou seu cartão de identidade pela janela. A mulher passou o cartão em um detector e uma luz verde continuou.

Ela levantou a cabeça para devolver o cartão a Gao Peng. Quando ela viu que Gao Peng era tão jovem, ficou atordoada por um segundo; então sua boa qualidade profissional a acalmou, e ela disse: “Próximo”.

Gao Peng seguiu a multidão caminhando por um corredor e eles entraram no saguão. Havia fileiras de mesas, com papel branco bem colocado por cima. Gao Peng estava nervoso, pois era provável que fosse um exame teórico.

Ele encontrou seu lugar e sentou-se. Logo o examinador entrou no saguão, colocou uma garrafa térmica no púlpito e limpou a garganta. “Esta avaliação é diferente das anteriores. Desta vez, a filial de Chang’an decidiu usar tanto um teste teórico como um teste prático.”

“O Sistema Médico Tradicional Chinês tem quatro formas de diagnóstico: Observar, Ouvir, Questionar e Sentir o Pulso. O seu teste teórico requer que você observe primeiro um registro de vídeo, depois anote em detalhes o atributo, os hobbies e a fraqueza do monstro. Um bom Criador de Monstros deve ser capaz de descobrir os hábitos e características de um monstro.”

“No primeiro teste, eliminaremos 90% dos candidatos, o que significa que apenas 50 pessoas serão permitidas para o teste prático.”

“O teste prático é fácil; acredito que você já ouviu falar sobre isso antes. Nossa filial oferecerá aos participantes do teste prático 50 Familiares normais, bem como todos os materiais que você precisará para o teste.” Quando ele disse isso, o examinador deu um grande sorriso.

“Desde que você possa promover o seu Familiar dentro do tempo determinado, os materiais que você consome serão pagos pela nossa associação. No entanto, se você não puder atualizar o seu Familiar; desculpe, você terá que compensar seus materiais. É claro que existe um padrão de custo. Se você gastar muito, você irá falhar também.”

“Isso é tão difícil” Um homem gordo sentado ao lado de Gao Peng limpou o suor e murmurou. “Estive aqui quatro vezes; desta vez é a mais difícil.”

Ele se virou e olhou para Gao Peng. “Não se preocupe, cara. A taxa de inscrição não custa muito. Você pode sempre voltar para outra tentativa.”


Capítulo Anterior || Índice || Próximo Capítulo


Nota:

[1] Quimono chinês tradicional.

[2] Em inglês estava ‘curve wrecker’, eu não sei o que é isso, então eu olhei na raw e estava 学霸(xué bà) que é uma gíria chinesa para se referir a um aluno trabalhador, que é bom em estudar e tem amplo conhecimento. Não tem uma palavra correta para essa gíria, mas em inglês seria algo como ‘super scholar(super estudioso)’, então creio que esse ‘curve wrecker(destruidor de curvas)’ se refere a curvas de gráficos escolares, por ele ser muito ‘estudioso’, ele faz as curvas do gráfico ficarem distorcidas. Estudioso não é a melhor tradução, mas é a melhor que consigo pensar no momento ‘-‘.

Capítulo Anterior
Próximo Capítulo