MPE – Capítulo 172

Capítulo Anterior || Índice || Próximo Capítulo


Capítulo 172: Aqui, Ela É Livre

Tradutor:  Asu | Editor:  Asu

“A duração do efeito da escama é ilimitada?”, Perguntou Gao Peng.

“Claro que não. As escamas podem repelir monstros porque emitem o cheiro de Sua Excelência, o Rei Carpa Vermelha. Depois de ser usado por algum tempo, o cheiro naturalmente ficará mais fraco”, explicou o idoso com naturalidade. “Nós não temos que dar muitos monstros como tributo, e uma escama pode ser usada por um ano.”

Gao Peng assentiu. Este Rei Carpa Vermelha era muito inteligente. Ele sabia como obter brindes. E com isso, nem precisava se cansar todos os dias para caçar comida. Seres humanos naturalmente subiam para oferecer comida. Tudo o que tinha que fazer em troca era perder as escamas de que não precisava mais.

A essa altura, Gao Peng poderia entender mais ou menos por que o Governo da Aliança não divulgaria essa notícia. Não seria bom para a reputação do governo se se tornasse amplamente conhecido que o governo era incapaz de proteger seus cidadãos, mesmo sob a aliança, e até recorrera à adoração de monstros para proteção.

Mas, a fim de manter a segurança de uma cidade-base, eles precisariam de um Familiar ou um monstro de pelo menos Tier Lorde para fazê-lo.

Como humano, Gao Peng não pôde deixar de ficar em silêncio.

Nos lugares em que ele esteve antes, Yuzhou e Chang’an tinham os melhores treinadores de monstros humanos protegendo o local. Portanto, não havia necessidade de temer invasões de monstros vindos das florestas vizinhas.

Mas nessa pequena cidade-base, isso não era possível.

“Chefe, estamos aqui.” O velho marinheiro ancorou lentamente o navio ao longo da margem do rio. As águas do rio subiram e recuaram suavemente pela margem. Nas águas turvas, uma tartaruga-de-carapaça-mole verde podia ser vista em águas rasas.

Vendo o navio, não parecia assustada. Em vez disso, aproximou-se curiosamente para farejar o navio. Então, como se cheirasse algo horripilante, apertou os pequenos olhos redondos, retirou a cabeça de tartaruga e mergulhou em águas profundas do rio com uma virada de seu corpo.

“Você está familiarizado com este lugar?” Gao Peng perguntou a Dumby. Se Dumby tivesse morado aqui antes, ele deveria se lembrar da área ao redor.

Dumby se inclinou e saiu da cabine do navio. Cada passo no convés fez um som alto e forte. Dumby olhou em volta e saltou do convés, pousando na beira do rio. Pisando no chão molhado, seus dedos esqueléticos branco-prateado afundaram profundamente na lama.

Dumby se abaixou, levantou a lama com as duas mãos. A lama úmida lentamente penetrou em seus dedos.

As chamas da alma de Dumby piscaram em suas órbitas oculares. Naquele momento, ele sentiu como se tivesse voltado há um ano, onde ele ainda estava brincando e fazendo um tumulto ao longo desta margem familiar.

Uma grande rede caiu de cima. Seus ganchos afiados tinham trancado firmemente em sua pele. Sendo o mais forte, Dumby tornou-se uma presa valorizada aos olhos dos caçadores, que procuravam pegá-lo a todo custo.

Dumby uivou de raiva, alertando a família para sair do rio e fugir para as densas florestas.

Dumby testemunhou com seus próprios olhos sua filha de três meses de idade sendo levada pela mãe e se escondendo nas florestas. Quem sabia se ela ainda se lembrava dele.

Dumby lentamente se levantou, puxando seus ossos grossos e fortes da lama. A cada passo, um grande pedaço de lama arenosa foi desenterrado.

Um passo de cada vez, Dumby andou com determinação para a floresta.

Gao Peng pagou ao marinheiro e depois marcou uma hora para que ele os pegasse novamente. Então, ele prosseguiu com o resto de seus Familiares na praia.

Após cerca de 10 minutos de caminhada, Dumby parou debaixo de uma árvore grande e grossa.

Esta era uma floresta de árvores grossas. Cada tronco grosso de árvore parecia ter emergido do chão como uma cobra gigante, girando para fora e cobrindo o céu. O denso dossel bloqueava a luz do sol, fazendo com que a luz na floresta aqui fosse fraca.

Havia marcas familiares no galho da árvore. Dumby subiu, depois passou um dedo pela marcação deixada para trás.

Dumby estava se sentindo ansioso e pulou do galho da árvore inquieto.

“Está tudo bem, talvez eles tenham se mudado para outro lugar”, consolou Gao Peng. “Procure com cuidado novamente, talvez você possa encontrar vestígios de uma trilha que eles deixaram para trás?”

Dumby assentiu. A marca aqui provavelmente foi deixada para trás há alguns meses. Nesta floresta, um período de alguns meses poderia apagar todos os vestígios deixados por um monstro. Mas Dumby era, afinal, um Macaco do Rio Vermelho. Tendo sido um Macaco do Rio Vermelho, ele estava muito familiarizado com os hábitos dos Macacos do Rio Vermelho.

Depois de receber palavras de conforto de seu mestre, Dumby não se sentiu mais inquieto. Ele se levantou novamente e continuou a procurar traços deixados para trás por sua família.

O grupo de Macacos do Rio Vermelho poderia ter deixado sua localização original, mas eles ainda estariam vivendo ao longo da área do Rio da Areia Vermelha. Disto, Dumby estava muito certo, porque somente essa área apoiava os alimentos e ambientes que eram confortáveis ​​para eles.

Enquanto procuravam, eles cruzaram com um grupo de Macacos do Rio Vermelho. Dumby olhou para eles cuidadosamente por meia hora, antes de ir embora. Esta não era sua família, pois não havia um único rosto familiar entre eles.

A menos que sua família tivesse sido totalmente erradicada, ele ainda deveria encontrar pelo menos alguns rostos familiares, não importava para onde o grupo fosse.

Como se não sentisse qualquer fadiga, Dumby continuou a caminhar pelas florestas. Na frente deles veio o som dos Macacos do Rio Vermelho.

Dumby imediatamente ficou alerta, e ele caminhou rapidamente. Mais à frente havia um penhasco que não era alto demais, pouco mais de quarenta metros de altura. Abaixo do penhasco crescia um pedaço de floresta densa. Um grande número de trepadeiras caía do topo do penhasco.

Havia alguns Macacos do Rio Vermelho brincando entre os galhos das árvores.

Dumby de repente congelou. Ele olhou para o grupo de Macacos do Rio Vermelho.

Gao Peng nunca tinha visto Dumby tão emotivo antes.

Em seu peito, o Coração de Fios de Sangue pulsava freneticamente, inchando e encolhendo repetidamente. Os Fios de Sangue entre os ossos dele foram puxados, envolvendo-o firmemente em todos os seus ossos.

Gao Peng se perguntou se os ossos de Dumby se desintegrariam por causa do estresse da emoção.

“Você quer ir e conhecê-los?”

Dumby sentiu o desejo de ir, mas depois abaixou a cabeça e deu uma olhada em seu corpo esquelético. Ele ficou em silêncio.

“Vá dar uma olhada; eles são sua família, afinal. Você não disse que já foi o rei da sua tribo?” Gao Peng encorajou Dumby.

Dumby freneticamente acenou com as mãos. “Não ir! Não ir!”

Sua voz soava em pânico, e não importava como Gao Peng tentasse persuadi-lo. De dentro das órbitas oculares, a luz azul clara parecia estar fluindo, como se ele estivesse chorando.

Esta foi a primeira vez que Gao Peng viu Dumby chorar.

Ele nunca pensou que um esqueleto poderia derramar lágrimas também.

Dumby agarrou a casca da árvore com as duas mãos, escondendo-se atrás da grande árvore. Ele cuidadosamente colocou a cabeça para fora e observou secretamente a macaquinha dentro do grupo.

Dumby estava atordoado.

Ela estava feliz e isso era bom o suficiente.

Papai era inútil. Ele foi pego quando você tinha apenas três meses de idade, e ele não poderia estar lá para protegê-lo.

Mas… papai ainda te ama.

O rosto de Dumby não tinha mais carne, de modo que ele não conseguia mais dar um sorriso.

Em vez disso, sua boca se abriu enquanto ele olhava distraidamente a distância, parecendo um idiota.

Gao Peng não perturbou Dumby, mas permitiu que ele desfrutasse tranquilamente dessa bela experiência.

Finalmente, Dumby soltou a árvore com relutância. Ele se inclinou, cuidadosamente se escondendo atrás da árvore para que não fosse descoberto.

“Estamos saindo assim?” Gao Peng ficou surpreso.

Dumby assentiu vigorosamente.

“Você não quer trazer sua filha de volta? Não se preocupe, darei a ela a melhor vida possível ”, Gao Peng prometeu a Dumby.

Dumby foi movido, mas no final, ele balançou a cabeça vigorosamente novamente. “Comigo ela não é livre. Aqui ela é livre.”

Gao Peng de repente sentiu o coração apertar. De repente ele não sabia o que dizer.

A mão grande de Dumby gentilmente acariciou o ombro de Gao Peng, enquanto ele olhava seriamente para seu mestre. “Mas com o mestre, eu… estou muito feliz!”

Gao Peng sentiu um calor no coração.

Depois de se certificar de que sua filha estava bem, Dumby já estava muito satisfeito. Ele se virou e saiu com Gao Peng e o resto.

O humor de Stripey também parecia afetado. Parecia um pouco infeliz, como se lembrasse de algo.

Bang!

O som de um tiro soou atrás deles.

O tiro ecoou pela floresta, seguido pelos uivos doloridos dos Macacos do Rio Vermelho.

Dumby, que estava com a cabeça baixa, de repente congelou…


Capítulo Anterior || Índice || Próximo Capítulo

Rolar para o topo