Capítulo 72. Jogos Serelepes VI

O Sistema Íncubo

Não carregou? Ative seu JavaScript
Atualizar

O Sistema Íncubo

Capítulo 72. Jogos Serelepes VI

 

 

Elas subiram na mesa e se deitaram em ambos os lados. Seus rostos se aproximaram de mim, eu podia ouvir o som de sua respiração em meus ouvidos. Suas línguas começaram a se mover, lambendo minhas bochechas e orelhas, ocasionalmente mordiam meus lóbulos suavemente. Suas mãos esfregaram meu pescoço, tórax e abdômen, estimulando-me com seu toque.

Mas apenas por um momento, eles viraram seus rostos e olharam para mim. Seus rostos vermelhos estavam claramente visíveis.

“Eu vou pegar o ‘dele embaixo’,” disse Mia em uma respiração entrecortada. Parecia que ela queria desfrutar do meu pau o mais rápido possível.

“Eu quero ‘o dele embaixo’ também”, disse Perola, franzindo a testa em objeção.

“Você se atreve a ir contra minhas ordens?” Mia disse novamente. Embora ela estivesse no período de exílio, mas ela ainda era uma princesa herdeira, ela tinha uma posição mais elevada do que Pearl.

“Tsk!” Perola estalou a língua em aborrecimento quando Mia escorregou para baixo. Sua língua começou a lamber e brincar com meu pau e ao redor da minha virilha.

“Calma, eu tenho um uhh … – hah – ah- um pau e uma boca. Eu posso – ah- usá-los ao mesmo tempo”, eu disse. Ocasionalmente, alguns gemidos saíram da minha boca, já que Mia movia a língua descontroladamente.

A expressão de Perola se iluminou e um sorriso malicioso começou a aparecer em seus lábios.
“Ok, eu nunca tentei de qualquer maneira.” Depois que essas palavras deixaram sua boca, os lábios de Pearl pousaram nos meus. Nossos lábios se moviam no ritmo enquanto nossas línguas se chocavam. Seus tentáculos se agarraram ao meu corpo, suas ventosas beijaram meu corpo com mais força do que antes, deixaram marcas fracas por todo o meu corpo, banhando-me com seu líquido viscoso.

Enquanto isso, a longa meia cauda de Mia estava embaixo da mesa, enquanto a ponta fazia cócegas em minhas coxas e abdômen.

“Mmpphh …!” Eu gruni de prazer. Com tanto estímulo, eu sabia que não seria capaz de aguentar mais.

Quando meu pau começou a se contorcer, Mia mudou seu corpo para cima e esfregou a ponta do meu pau em sua entrada molhada. Enquanto Perola também lançou seu beijo, mudou seu corpo para cima e inclinou minha cabeça para o lado. Seus tentáculos se espalharam, expondo sua entrada pálida e úmida com carne rosa dentro e eu pude ver ela se contraindo ligeiramente.

“Ohhhhh …” Mia suspirou alto quando meu pau duro deslizou em seu calor em um empurrão, esfregando, aquecendo meu pau e seu calor ao mesmo tempo. Mas não foi o suficiente, eu queria mais …

[Ereção demoníaca.]

[A ereção demoníaca foi ativada.]

Em um instante, meu pau aumentou e se estendeu dentro dela. Mas desta vez mais do que o normal. A sensação de aperto que envolveu meu pau foi incrível, eu consigui tocá-la mais profundamente e sua parede interna prendeu meu pau com força.

“Agghhhh …!” Mia gemeu alto de prazer, seu corpo estremeceu e ela inclinou a cabeça no ar.

Meu corpo ficou tenso, minha parte superior do corpo levantou ligeiramente enquanto eu também gemia alto, meus olhos fechados com força, segurando o prazer da minha parte inferior. Nunca tive esse tipo de prazer antes. Isso foi realmente extraordinário.

Minha mente ficou em branco, luxúria e desejo assumiram minha mente e corpo, até mesmo um arrepio percorreu meu corpo. Eu estava realmente com tanto prazer que parecia que estava imerso nisso.

“Ohhhh —- mpphhh–” Perola apertou minha cabeça, pressionando-a contra seu calor, silenciando minha voz. Minha língua imediatamente se moveu para lambê-lo, enterrando-o em seu calor quente, explorando sua latejante parede interna e sentindo seu líquido escorrendo pela minha boca. Sua mão agarrou minha nuca com força. O doce sabor do néctar foi derramado em minha boca.
“Mhhhpp … Ahhh … É tão bom”, Perola suspirou lentamente.

Em contraste com a minha língua, que dava um prazer sutil a Perola. Minha cintura se moveu para sacudir o corpo de Mia ainda mais selvagem do que ontem, até ela teve que dobrar seu corpo e abraçar meu abdômen com força para que ela não caísse. Eu sabia que meu plano original era deixá-las fazerem tudo, mas com essa onda de prazer, mesmo eu não consegui evitar.

“Ahhh … Ahhh … – hah-hah-” Os gemidos de Mia soaram claros em meus ouvidos. Enquanto minha língua estava ocupada brincando na parede interna de Perola.

“Mmpphhh!” Meu corpo estremeceu quando pude sentir a sensação de formigamento de lamber em volta do meu umbigo. E eu respondi movendo minha cintura com ainda mais força.

Em apenas alguns minutos, eu podia sentir meu pau latejando muito.

“Aghhhh —!” O corpo de Mia estremeceu de prazer quando todo o meu sêmen foi liberado dentro do dela. Eu não sabia o quanto eu havia atirado, mas podia sentir que a quantidade era maior do que ontem. Um prazer extraordinário tomou conta de minha mente e corpo quando alcancei meu clímax. A sensação que explodiu minha mente até me fez querer ficar naquele estado o maior tempo possível.

* Ting *

[Charme foi cancelado.]
[Seu poder demoníaco está totalmente carregado.]
[Você ganhou EXP!]

O corpo de Mia caiu para o lado enquanto ela ficava frouxa, suas mãos ainda abraçavam meu abdômen com força e meu sêmen pingava do seu calor. Enquanto a parede interna de Perola também estremeceu. Afastei minha cabeça dela, já que não queria fazê-la gozar com a minha língua.
“Damian?” disse Perola em confusão.

[Ereção demoníaca.]

[A ereção demoníaca foi ativada.]

Meu pau ficou tenso novamente e ficou maior, meus olhos se arregalaram quando eu vi. Não fiquei confuso se Mia desmaiou depois de ‘cavalgar’ nele.

“Estou pronto”, anunciei.

Perola se virou para meu pau. Seu choque era evidente em seu rosto, seu queixo caiu e sua boca formando um ‘O’.

“É tão grande …” ela murmurou enquanto descia. Seus olhos brilharam de excitação.

Sua língua se moveu de baixo para cima, lambendo como um enorme picolé. Uma vez na ponta, ela tentou colocá-lo na boca. Com grande esforço ela colocou, apenas um terço do meu pau em sua boca quando sua boca estava muito cheia eu podia até sentir a ponta do meu pau tocando sua garganta.

De repente, empurrei minha cintura, empurrando meu pau em sua garganta.

* Tosse! * * Tosse! * * Tosse! *

Peroal tossiu enquanto afastava a cabeça, liberando meu pau da sua boca. Meu sorriso apareceu quando vi sua expressão claramente.

“Você está com medo?” Eu a provoquei.

Ela ergueu a cabeça e olhou para mim com uma expressão aborrecida.

“Com medo? Eu não tenho medo de nada …” Ela rastejou até minha cintura e deslizou meu pau em seu calor sem hesitação.

“Ohhhhhh …!” Nós dois gememos alto. Meu corpo se levantou ligeiramente e enrijeceu, o prazer varreu meu corpo novamente. Ela era muito estreita e tinha um gosto absolutamente delicioso.

Assim como Mia, depois que todo o meu comprimento entrou, ela respirou fundo algumas vezes e caiu fracamente em cima de mim. Ela abraçou meu abdômen com força.

“Vou começar”, eu disse. Sim, eu queria de novo, queria aquela sensação inesquecível como antes.

Mas quando eu estava prestes a mover minha cintura, ela levantou a cabeça e olhou para mim. Ela colocou as mãos na minha cintura, segurando meus movimentos.

“Não se atreva!” ela retrucou. Parecia que ela estava irritada, pois ela poderia prever que o resultado de hoje foi pior do que ontem, embora elas tenham me enganado. Até Mia desmaiou com apenas uma rodada.

“Ahhh …!” Perola engasgou quando começou a mover a cintura e fez uma pausa.

“Deixe-me fazer isso”, eu disse. Era a Ereção Demoniaca Nivel 3 e ela já tinha visto o quão grande estava o meu pau. Mesmo sabendo que ela estava irritada e queria fazer sozinha por causa de seu orgulho, mas eu não acho que ela precisava fazer isso.

Perola me olhou furiosa.

“Não…” ela disse enquanto movia a cintura em dificuldade novamente. Embora tenha sido difícil para ela no início, mas quando seu calor se acostumou com meu pau, seus movimentos ficaram mais suaves.

“Uhh … Ahh – ah – hah – hah – …” Nossos gemidos misturados com o som de choque de carne encheram a sala.

“Damian… – hah-hah-hah – eu quero gozar…” Ela chamou meu nome com dificuldade.

Suas palavras me atraíram para me mover. Inconscientemente, minha cintura se moveu em sintonia com ela.

* Ringggg! *

O cronômetro soou, mas não nos importamos e continuamos movendo nossos quadris. Em vez disso, aceleramos nosso ritmo porque não conseguíamos mais nos segurar.

“Anghhh — ahhh! — … Aghhh!” Meu corpo se levantou ligeiramente enquanto gozamos juntos. Novamente, eu estava tão imerso em prazer que um sorriso satisfeito apareceu em meus lábios. Meu corpo e minha mente alcançaram meu clímax. Este foi realmente um grande prazer.

* Ting *

[Charme foi cancelado.]
[Seu poder demoníaco está totalmente carregado.]
[Você ganhou EXP! ]

[Parabéns! Você levantou o medidor de Amor de seus parceiros.]

[Perola Seabloom – Besta Híbrida (20)]
[Medidor de Amor 4/10 – Não consigo tirar você da minha mente.]

[Mia Ashelis – Besta Híbrida (24)]
[Love Meter 3/10 – Eu não consigo parar de pensar em você. ]

Perola ficou sem fôlego enquanto me olhava com o corpo encharcado de suor. Enquanto minha resistência estava cheia novamente. E como antes, nem uma gota de suor no meu rosto.

“Você fez bem”, eu a elogiei.

Ela franziu a testa com uma expressão irritada.

“Você é tão irritante”, disse ela em uma respiração irregular. Seus olhos já estavam entreabertos. Lentamente, ela se arrastou até mim enquanto puxava seu calor do meu pau.

“Ah …” Um leve gemido saiu de sua boca. Meu líquido saiu de seu calor e pingou de lá. Então seus lábios desceram para mim.

Nós nos beijamos, nossas bocas se moviam no ritmo, nossas línguas se retorciam e se chocavam. Mas, por um momento, pude ver que os olhos de Perola estavam ficando mais turvos à medida que o cansaço e a sonolência engoliam sua consciência.

*Brakkkk!*

O som da porta sendo aberta de repente foi ouvido quando Perola desabou ao meu lado. A voz de um segurança, tentando impedir alguém, foi ouvida.

“Senhorita, você não pode invadir assim!”

Reflexivamente, levantei minha cabeça ligeiramente, virando-me para a porta, já que ainda estava amarrado à mesa. Meus olhos se arregalaram de surpresa quando vi Emma parada na porta. O capuz que cobria sua cabeça ligeiramente aberto revelou sua expressão chocante claramente. Enquanto dois seguranças tentavam puxá-la para fora da sala, ela não se mexeu. Claro, ela era uma caçadora de demônios nível 7, enquanto os seguranças eram apenas cerca de nível 2-3 com a habilidade Aumento de Poder Nivel 1.

Quanto à minha situação… Nesse estado, pude entender por que ela estava chocada. Eu estava amarrado, Mia e Pearl ainda estavam me abraçando. Estávamos nus, enquanto os tentáculos de Pearl e a cauda de Mia ainda se espalhavam pelo meu corpo. Mesmo que já estivessem dormindo, mas com aquela posição por si só já era o suficiente para fazer outras pessoas pensarem que eles apenas me ‘estupraram’.

“Ela é minha amiga. Deixe-a ir”, eu disse aos seguranças. Os seguranças a soltaram e olharam para baixo, sem ousar olhar para nós.

“Vocês podem ir,” eu disse novamente.

Eles apenas me responderam com uma ligeira reverência e saíram da sala.

Eu encarei Emma que ainda estava congelada em choque e me virei para o relógio na parede enquanto me lembrava de nossa promessa.

20:17

‘Parece que perdi a noção do tempo. Mas como ela sabe que estou aqui?

 

Aviso do Tradutor:

AJ

AJ

Deus do +18. (Por enquanto)
Rolar para o topo