Capítulo 580 – Solomon, General da 1ª Legião da Brigada de Guerra, Uma Verdade Difícil de Engolir

Reino de Mitos e Lendas

Não carregou? Ative seu JavaScript
Atualizar

Capítulo 580 – Solomon, General da 1ª Legião da Brigada de Guerra, Uma Verdade Difícil de Engolir

Tradutor: Asu | Editor: Asu

Vários momentos depois…

Izroth estava indo mais fundo na área central do acampamento onde as tendas de comando primárias foram montadas. Havia vários postos de controle no local que não permitiam que alguém se movesse livremente entre diferentes seções do acampamento, a menos que tivessem uma certa patente ou nível de liberação. Mas Izroth não estava sozinho.

Ele foi acompanhado pelo Capitão Yan e pela Líder da 2ª Unidade da Brigada de Guerra, Comandante Aurie.

Com a ajuda de Aurie, o problema na entrada do acompanhado foi resolvido sem problemas, pois Niflheim foi autorizado a entrar sem ser colocado na área de confinamento.

No entanto, como precaução e para que não houvesse mal-entendidos ao longo do caminho, Aurie designou um de seus capitães para escoltar Niflheim para receber seu novo emblema. O que o levaria anteriormente de três dias a uma semana diminuiu para uma ou duas horas no máximo!

Depois de agradecer, Niflheim se separou de Izroth para organizar tudo do seu lado.

Uma vez que as coisas foram resolvidas, Aurie pediu a Izroth para seguir ela e Yan. Embora ela não tenha dito uma razão imediatamente, Aurie acrescentou que ela explicaria uma vez que eles estivessem dentro do núcleo do acampamento.

Agora que eles tinham atravessado a área central do acampamento, Aurie finalmente falou: “Você desapareceu da Zona Não Sancionada muito rápido. Não achei que pularia de um campo de batalha direto para outro, Capitão Izroth. Embora eu receio que desta vez, as coisas são um pouco mais complicadas.”

“Você está se referindo ao Shadahi que apareceu, Comandante Ekquilore, certo?” Izroth perguntou.

“Já que você sabe, isso me poupa o trabalho de ter que explicar demais. Mas isso pode esperar. Por enquanto, há alguém que eu acredito que estaria interessado em conhecê-lo. Na verdade, também é meu desejo que você o encontre.” Aurie afirmou ao chegar diante de uma das maiores tendas no acampamento da Brigada de Guerra.

“Oh?” Izroth estava curioso sobre quem era que Aurie queria apresentá-lo. Ele pode não saber sua identidade, mas se ele pudesse ficar dentro de uma grande tenda no centro do acampamento, então sua posição não poderia ser pequena.

“Comandante!” Os dois guardas na entrada da tenda deram a Aurie uma saudação respeitosa enquanto ela caminhava pelas abas da tenda sem demora.

Izroth e Yan seguiram Aurie até a tenda de comando. A aparência geral da tenda foi semelhante à que Aurie usou na Zona Não Sancionada, no entanto, seu tamanho era quase duas vezes maior e tinha uma longa mesa posicionada em seu centro.

Aurie e Yan ficaram em linha reta enquanto os dois saudavam e diziam: “General!”

“À vontade.” Uma voz pacífica soou do assento localizado no lado oposto da mesa.

Este é o General da 1ª Legião? Se não fosse a informação do sistema, poderia confundi-lo com uma lojista NPC comum vagando pelo lado da rua. Embora eu saiba muito bem que as aparências podem muitas vezes ser enganadoras.’

Izroth estava curioso sobre o tipo de pessoa que alguém como Aurie servia, no entanto, ele nunca imaginou essa pessoa para ser alguém como o homem diante dele.

O General parecia estar em seus trinta anos com cabelos laranja curtos e óculos que perfeitamente escondiam seus olhos. Seu físico estava no lado fino, e ele usava vestes casuais que Izroth não podia ligar a qualquer tipo de classe específica. No entanto, depois de ver suas informações através do sistema, Izroth não cometeria o erro de subestimar esse indivíduo.

__________________________

Nome do NPC: Solomon, General da 1ª Legião da 1ª Alta Legião da Brigada de Guerra (???)

Nível do NPC: ???

__________________________

“Você viajou muito longe da Zona Não Sancionada, Comandante Aurie, Capitão Yan. É lamentável que não possamos celebrar suas conquistas recentes neste momento.” Solomon declarou com um sorriso gentil.

“Nós não buscamos elogios. Nós simplesmente fazemos o que precisamos para o bem maior do reino. Isso é tudo.” Aurie respondeu indiferentemente.

“Tudo bem ser mais gananciosa de vez em quando, Comandante. É por causa de sua falta de ganância que esses superiores nunca olham para o que você consquistou quando se trata de promover um novo General na Brigada de Guerra.” Solomon suspirou.

“Eu não luto por causa dos superiores. Também não desejo nenhum reconhecimento especial. Eu só quero fazer o que é melhor para o povo de Amaharpe.” Aurie respondeu, sem hesitação.

“É precisamente essa perspectiva que é uma de suas maiores fraquezas. Mas também é sua maior força.” Solomon comentou.

Ele então voltou sua atenção para Yan e continuou: “Já faz pouco mais de um ano — como você está se encaixando com a 2ª Unidade?”

“Reportando. A 2ª Unidade me tratou bem. Sob a liderança da Comandante Aurie, sinto que cresci não só como soldado, mas como pessoa.” Yan respondeu.

Solomon soltou uma pequena risada: “Isso é muito bom vindo do príncipe mimado que me enviou uma carta todos os dias por três semanas seguidas chorando sobre como você queria que a Comandante fosse dispensada.”

“Isso… O que está no passado está no passado. Eu era muito inexperiente naquela época.” Yan disse ao levantar a mão para a boca e limpar levemente sua garganta.

A conversa continuou por alguns minutos enquanto os três dava relatos sobre os recentes desenvolvimentos dentro do Cinturão de Desmilitarização.

A maior parte do que foi dito, Izroth já tinha aprendido com Zanna e seu esquadrão. No entanto, houve algumas partes mencionadas que preencheram muitos dos detalhes faltando na recontagem de Zanna dos eventos.

Por exemplo, Izroth soube que havia algumas disparidades preocupantes nos relatórios do Grupo de Inteligência de Guerra. Seu principal objetivo era coletar informações e retransmiti-la aos seus aliados, mas o recente evento no Cinturão de Desmilitarização colocou em questão a competência de seus líderes.

Como eles poderiam deixar passar tantos detalhes importantes? O portão de invocação, Tempest usando civis vestidos de soldados, o paradeiro das principais forças de Tempest – havia um limite para o quão incompetente uma organização poderia ser! Algo estava errado, e eles precisavam chegar ao fundo disso.

De acordo com Solomon, haveria uma reunião em breve entre os chefes de todos os Ramos de Guerra e a presença militar do seu lado do campo de batalha para abordar esta questão, bem como determinar seu próximo curso de ação.

“Partiremos momentaneamente para nos reunirmos com os outros chefes de ramo de guerra e nossos aliados. Mas, primeiro…” Solomon finalmente mudou sua atenção para Izroth.

“Você deve ser o capitão Izroth. Você terá que perdoar minha grosseria em ignorar formalidades, mas como o oficial mais alto da Unidade de Apoio Geral disponível, posso pedir que compareça à reunião no lugar de sua Comandante?”

“Eu não sou de ficar preso a formalidades. Quanto à reunião, não me importo. Mas por que você precisaria de um membro da UAG para participar?” Izroth questionou. Pelo que ele entendeu, os outros Ramos de Guerra ignoraram a UAG na maior parte do tempo, uma vez que funcionavam como uma entidade totalmente separada. Então, por que um general iria querer que um capitão da mesma UAG comparecesse a uma reunião tão importante?

“Porque… Você já lutou contra isso antes, não é, esse Shadahi? E já que você está vivo e na minha frente, eu só posso assumir que você já derrotou uma vez antes ou escapou com sucesso. Independentemente do que se revele, ambos são impressionantes.” Solomon disse calmamente com um sorriso suave.

No entanto, Aurie e Yan ficaram chocados! Ouviram os relatos da destruição causada por aquele monstro. Se Izroth realmente lutou contra isso, então o General estava correto – mesmo sobreviver para contar a história foi um feito incrível por si só!

Izroth manteve uma expressão despreocupada. Mas, ele estava interiormente surpreso que Solomon estava ciente de seu encontro com o Comandante Ekquilore. Afinal, os únicos que sabiam disso eram os membros do seu grupo na época, e ele achou improvável que algum deles já tenha encontrado Solomon. Então, como ele sabia? Isso pesou na mente de Izroth.

“Você pode negar se quiser, mas esta é uma verdade que não pode se esconder na frente desses meus olhos. Você e aquela criatura compartilham uma linha de conflito correspondente.” Solomon afirmou.

Aurie virou-se para Izroth e disse: “Eu não sei os circunstâncias precisas, Capitão Izroth, mas o General Solomon é alguém que pode ser confiável – sobre isso, você tem a minha palavra. A Simetria Absoluta do General pode ver e conectar muitas coisas que outros não podem. Espero que possa nos esclarecer sobre seu encontro. Qualquer informação é suficiente para potencialmente salvar centenas ou mesmo milhares de vidas.”

“Você entendeu mal, Comandante. Este não é um grande segredo que eu intencionalmente quero esconder. Na verdade, há várias coisas que quero discutir. Eu só não sei se você ou o General acreditaria em mim se eu fosse falar delas.” Izroth declarou com um sorriso despreocupado.

“Alguma vez lhe dei alguma razão para me ver como uma pessoa míope ou de mente fechada?” Aurie rebateu.

“Não, se a Comandante fosse de mente fechada, então a Zona Não Sancionada ainda pode estar em um estado de caos. Mas isso é diferente, pois não tenho como verificar sua autenticidade.” Izroth respondeu.

Ele então continuou: “No entanto, para aqueles que estão dispostos a ouvir, eu estou igualmente disposto a falar.”

“Tenha certeza, Capitão Izroth. Se há uma coisa em que minha Legião se orgulha, é manter a mente aberta. Aqui, você pode falar livremente.” Solomon encorajou.

“Então, começarei desde o início.” Disse Izroth.

“Seu primeiro encontro com a criatura?” Solomon perguntou.

“Não, para isso, receio que teremos que voltar um pouco mais longe — de volta às origens do primeiro Shadahi.” Declarou Izroth calmamente.

“Origens..?!” Solomon, Aurie e Yan exclamaram quase simultaneamente.

Impossível! A origem dos Shadahi foi um dos maiores mistérios que já existiu no Reino Mortal. Como poderia um mero capitão da UAG possivelmente saber disso?

⸻Ꝟ⸻

Momentos depois…

Izroth tinha acabado de falar enquanto a sala estava em silêncio mortal. Todos tinham uma expressão séria no rosto enquanto tentavam digerir o que tinham acabado de ouvir.

Se o que Izroth lhes disse era verdade, então esta foi uma tremenda contribuição! Mas foi difícil para eles aceitarem as palavras de Izroth.

Uma das maiores ameaças e desastres que já aconteceram no Reino Mortal nem sequer se originou dele, mas de outro reino? Foi também por acaso e o infortúnio de seu próprio reino que um Túnel do Vazio apareceu no lugar certo na hora certa para ele atravessar?

Havia muitas coisas inacreditáveis, e do jeito que Izroth descreveu, quase soou como a fantasia de uma pessoa delirante. No entanto, sua história foi consistente, mesmo quando solicitado a contá-la mais duas vezes — isso tornou desafiador desconsiderar.

Aviso do Tradutor:

Asu

Asu

Rolar para o topo