Capítulo 104

Regressor da Vida Passada

Não carregou? Ative seu JavaScript
Atualizar

 

Capítulo 104

Tradutor: Otakinho

 

O asiático encerrou sua ligação após dizer algo sobre a compra de uma montanha. Obviamente, Mick não ouviu direito… Ele apenas olhou pela janela, e Mick percebeu que o homem era muito jovem. Sua pele era lisa como a de uma criança, e Mick se lembrou das coisas que tinha ouvido sobre este homem antes de hoje. Se Mick não tivesse memórias horríveis do que experimentou naquele dia, ele teria pensado que os eventos daquela noite sem fim algo saído de um filme de terror de baixo nível. No entanto, existiam pessoas com poderes sobrenaturais e Mick foi contratado para rastreá-los. Foi então que o cliente olhou para Mick.

“Você tem algo em mente?”

“Senhor?”

“Eu sei o que você passou. Você perdeu companheiros.”

Enquanto Mick não teve a chance de conhecê-los, ele os viu serem massacrados. Mick falou com uma voz impassível.

“Sabíamos que havia perigos.”

“No entanto, eu me sinto responsável por suas mortes. Você está preocupado por estar se envolvendo em algo ilegal?”

“Senhor?”

“Quero dizer, você não pode dizer à sua família o seu trabalho e oficialmente não pertence a nenhum lugar. Agentes como você estão viajando pela América equipados com armas de fogo, sem saber quais ordens serão dadas.”

A van ficou estranhamente silenciosa enquanto todos na van ouviam a conversa. O asiático acrescentou uma palavra.

“Não estamos trabalhando para o governo”.

“Eu sei, senhor, e estou bem com a situação atual.”

Se Mick tivesse sido contratado como agente secreto do governo, ele teria passado pela mesma coisa. As pessoas no centro de treinamento falaram sobre como as instituições oficiais descobriram e recrutaram pessoal que eles poderiam usar como objetos descartáveis. Mercenários trabalhavam para alugar, e ponto final.

“Espero que isso esclareça um pouco as coisas.”

“Então, o governo não sabe nada sobre isso?”

A pergunta surgiu de um dos assentos de passageiros.

“Sim, mas você está fazendo algo significativo e importante.”

O homem virou a cabeça para a janela como se quisesse dizer que não diria mais nada. Mick sentiu emoções confusas, pois o homem era diferente do intruso que vira naquele dia. Ele tinha ouvido falar que este homem era mais forte do que o intruso e tinha feito tudo isso para que pudesse “exterminar” pessoalmente aquele monstro, mas Mick não teria acreditado que aquele jovem asiático de aparência frágil fosse um caçador.

Eles chegaram ao seu destino à noite. Eles haviam se aprofundado nas montanhas, nenhum mapa estava disponível, então o carro estava dirigindo devagar para encontrar o guia que o dono da propriedade havia enviado. O guia apareceu agora com uma lanterna amarela. O carro parou e o asiático ordenou que os demais esperassem antes de sair do carro. A atmosfera pareceu iluminar-se quando o homem foi embora com o guia até a pousada próxima.

“Ele se foi.”

Um agente falou enquanto olhava pela janela, e todos ficaram curiosos ao ver e ouvir o outro homem sair para falar ao telefone. Obviamente, eles não ouviram mal o cliente comprando a montanha inteira e as propriedades vizinhas… A primeira missão deles foi escoltá-lo até o ponto de encontro com o proprietário da propriedade.

“Mick, o que você achou?”

“O que?”

“Ele não parece tão perigoso. Você não se sente tenso?“

“……”

“Ele tem presas ou algo assim?”

Mick foi o único a ter experimentado os poderes do Gato diretamente, e os outros observaram de longe ou foram contratados como operativos de primeira classe devido às suas habilidades, e não porque eram sobreviventes do ataque do Gato.

“Você está falando sério?”

Mick ficou aborrecido, pois depois daquela noite, ele havia se tornado irreversivelmente mudado. O mundo que ele pensava que conhecia era na verdade muito mais estranho e infinitamente mais perigoso, pois monstros que pareciam humanos caminhavam entre eles. Ele sentiu que havia se tornado alguém especial por meio dos eventos que testemunhou e ficou irritado porque os outros não entendiam as coisas com clareza.

“Seja educado e não faça coisas das quais você vai se arrepender.” Mick lembrou a si mesmo.

O asiático voltou depois de um tempo e mandou estacionar o carro perto do chalé. Ele então pediu aos agentes que esperassem lá dentro.

“Esta é minha terra agora, e garanta a entrada enquanto me preparo para ser acampado aqui por duas semanas. Estarei de volta depois de amanhã, o mais tardar. Isso é tudo.”

O homem saiu depois de recusar a oferta de Mick de levá-lo. Mick viu que o homem estava indo mais longe nas montanhas, em vez de retornar à cidade abaixo, para seu espanto.

Todos queriam ouvir o que Mick havia passado novamente, e Mick acrescentou o máximo de detalhes possível porque queria que eles percebessem o que poderia acontecer com eles. Assim, os homens ficaram quietos enquanto consertavam suas armas. Um dia se passou antes que o homem asiático voltasse e ele parecia ter escalado montanhas o tempo todo. Ele silenciosamente entrou na cabana para dormir, e Mick e os outros agentes sentiram que sua missão iria começar assim que o homem acordasse.

Eles verificaram seu equipamento e se prepararam para partir. Como eles esperavam, o homem os conduziu para as montanhas. Mick ficou impressionado com a resistência do cliente. Ele os jogou no chão, foi Mick quem pediu uma pausa, não o jovem.

Depois de um tempo, Mick viu uma luz azul vindo do chão. Era lindo, mas ele não conseguia esquecer o que tinha acontecido quando viu algo semelhante. Enquanto os outros estavam fascinados com a visão, Mick sabia que essa beleza sobrenatural escondia algo mortalmente perigoso. Seu coração batia rápido, mas agora ele podia se mover.

Mick mirou a luz com sua arma e viu o homem asiático vir até ele para dar um tapinha em seu ombro antes de falar.

“Todos vocês vão proteger este lugar para que ninguém veja isso.”

Mick seguiu o olhar do homem e viu a luz se dissipar em uma escada que descia.

“Todos vocês querem viver, e aquele lugar é uma armadilha mortal da qual ninguém pode sair. Não me siga para dentro, não importa as circunstâncias. Cuide-se.”

O homem pegou uma mochila antes de falar com Mick sozinho.

“Você parece entender a gravidade da situação. Por favor, cuide deste lugar até eu voltar.”

“… Quanto tempo vai demorar?”

“Estarei de volta em duas semanas.”

O homem começou a caminhar até a barreira azul.

***

Mick e os outros agentes foram divididos em três equipes. Um controlava a estrada, a entrada para a montanha, outro fazia o reconhecimento da área e o restante da equipe permanecia no acampamento. Eles trabalharam assim por quase duas semanas, e Mick foi designado para ficar no acampamento naquele dia. Ele havia voltado da patrulha quando viu que algo estava acontecendo.

“O que está errado?”

“Ouvimos algo indescritível.”

“O que você quer dizer?”

“Todos nós ouvimos aquela coisa azul brilhante!”

O agente parecia assustado.

“Devemos entrar? Droga. O que está acontecendo lá?”

Mick se aproximou da barreira, mas não ouviu nada a princípio. No entanto, ele ouviu algo gritar de longe. Era um som que parecia arranhar a alma de alguém, e seis homens agora cercados pela barreira miraram na escada. Todos sentiam que algo terrível iria acontecer muito em breve. A tensão estava perto do ponto de ruptura e eles não sabiam quanto tempo permaneceram assim.

Foi então que Mick viu uma sombra que o fez gritar.

“Não atirem!”

Era o homem que os havia conduzido até aqui que estava subindo as escadas. O cliente deles estava coberto de sangue da cabeça aos pés e tinha um cheiro horrível. No entanto, o que os fez recuar foram os olhos do homem. Mick se viu incapaz de falar enquanto olhava nos olhos do homem. O homem fez com que todos se sentissem como coelhos diante do lobo enquanto ele olhava em volta.

Tradutor:

Otakinho

Otakinho

Boa Leitura S2 S2
Rolar para o topo