Capítulo 47: Projeto em Grupo (2)

O Vilão Quer Viver

Não carregou? Ative seu JavaScript
Atualizar

Apesar de estarem no mesmo grupo por acaso, as duas não paravam de se encarar. No entanto, elas se sentaram juntas.

Sylvia murmurou. “Epherene sua arrogante.”

“… O quê?”

Foi uma visão interessante, mas virei meu olhar e foquei na classe novamente.

Ainda faltavam duas horas.

“Agora vamos distribuir as bolas de cristal. Allen?”

“Sim.”

Allen colocou um saco de seda com bolas de cristal na mesa. Eu os fiz flutuar usando a psicocinese e levitei para cada grupo.

A dificuldade dos desastres mágicos difere para cada cristal. Alguns eram difíceis e outros relativamente fáceis.

Eu os distribuí com base nas pontuações totais dos exames de meio de semestre de cada grupo.

Naturalmente, o grupo de Sylvia e Epherene ficou com o mais difícil.

Após distribuí-los, os magos começaram a conversar sobre os cristais.

“Foco.” Essa única palavra organizou a bagunça. Todos os 150 estreantes recuperaram a concentração.

“Agora falarei sobre o ato de observar o mundo.” Olhei em seus olhos enquanto falava, com uma autoridade inconsciente envolvendo minha voz.

“Você provavelmente vê o mundo como nada além de um fenômeno.”

Assim como um cientista olhava para o mundo de uma perspectiva científica, era natural para um mago olhar para ele de um ponto de vista mágico. Para alcançar esse estágio, no entanto, exigiu um processo de maturidade e proficiência.

Estudantes de engenharia, por exemplo, não conseguiam ver o mundo cientificamente. Eles não conseguiam fazer isso, mas acima de tudo, eles não estavam acostumados.

Era preciso ter pelo menos um Ph.D[1]Doutorado. para entender um pouco disso.

O mesmo se aplica aos magos.

Só de olhar para os estreantes, eu já podia imaginar que eles não analisavam magicamente os fenômenos do mundo.

“O mundo que vejo difere do mundo que você vê.”

Isso não era mentira. Eu não estava me gabando ou sendo pretensioso.

O mundo parecia diferente para mim.

O poder de ver abstrações, fenômenos, ideias, conceitos, etc.

[Visão].

Esse atributo progrediu assim que meu conhecimento mágico cresceu.

“De agora em diante, passarei para vocês o mundo que vejo.”

As observações feitas com [Visão] eram fáceis de confundir com impossíveis de explicar, mas isso não poderia estar mais longe da verdade.

Eram os estreantes da Torre da Universidade Imperial de maior prestígio do império. Eles eram magos de elite com um talento excepcional.

Portanto, ensiná-los foi fácil.

“Não perca uma única palavra do que eu digo, nem uma única linha da fórmula que desenho.”

Se eu expressasse o processo de ver o mundo por meio da [Visão], eles o usariam como um livro-texto e estudariam independentemente.

Apenas permitir que eles vissem o que eu podia ver seria o suficiente para eles entenderem e discernirem.

Eu já tinha provado isso testando-o no Allen.

“Vamos começar.”

Primeiro, reproduzi o desastre mágico contido em uma pequena bola de cristal.

Névoa de Sujeira.

“Deixe-me mostrar como fica do meu ponto de vista.”

Linhas e círculos logo substituíram a névoa enquanto eu implementava o processo lento e claramente.

Os magos olharam para eles e os escreveram.

“Mar de Fogo. Este desastre mágico queima navios e marinheiros no mar, o que é um pouco incomum. É quase impossível escapar, pois transforma o próprio mar em chamas…”

Mostrei vários fenômenos mágicos ‘como eu os vi.’

Tentei transmitir a eles o mundo observado por meio da [Visão].

Após demonstrar desastres mais do que suficientes, olhei para o meu relógio.

Eram 5:59:50.

“… Não se esqueça do mundo que lhe mostrei hoje.”

Arrumei meus punhos da camisa e endireitei meu terno.

“De uma perspectiva mágica, observe e pense em todos os fenômenos pelos quais as pessoas comuns simplesmente passam.”

Os magos olharam para mim sem expressão, suas anotações cheias de fórmulas mágicas.

“No entanto, a ganância é proibida. Comece a aprender em uma escala que se adapte ao seu nível.”

Eram exatamente 6 horas.

“Essa mentalidade é onde tudo começa.”

Naquele momento, terminei minha aula.

Saí da sala de aula, deixando-os para trás.

“Bom trabalho.”

Os magos não se levantaram.

Epherene olhou fixamente para seu caderno, cada página que ela havia preenchido com todos os tipos de padrões geométricos. Foi efetivamente transformado em um registro do ‘processo mágico de substituição de desastre’ que Deculein mostrou.

“Oh… Então, por causa disso, a névoa se torna como sujeira… Puxa, sinto que minha cabeça vai explodir…”

Foi difícil. Insanamente difícil. Mas era possível.

No início, ela realmente não tinha uma resposta, mas aos poucos foi pegando o jeito.

Epherene seguiu o mesmo processo que Deculein havia mostrado, criando uma névoa minúscula empoeirada que flutuava acima de sua palma.

‘É isso. Esta é a névoa de sujeira.’

“Agora, parece que acabamos de ter uma aula de verdade.” Eurozan, um membro da mesma equipe, disse e Epherene acenou com a cabeça.

“Eu sei. Minha cabeça dói.”

“O professor é realmente incrível. Como ele fez tudo isso…”

“… Eu sei.”

Deculain descreveu detalhadamente o processo de formulação de desastres mágicos. Epherene admirou o fluxo suave de suas explicações, mas ao mesmo tempo, ela tinha algumas dúvidas se era realmente sua habilidade.

O que ele mostrou hoje foi incrível.

No entanto, ela não podia deixar de suspeitar da possibilidade de que ele tivesse encontrado um ‘novo escravo’ para substituir seu pai.

Claro, ela não tinha intenção de expor ou levantar suspeitas.

Seja em um futuro distante ou próximo, ela decidiu um dia confirmar suas dúvidas.

“Epherene sua arrogante.” Sylvia olhou para ela e divagou.

Ela encolheu os ombros. “Qualquer que seja. De qualquer forma, acredito que teremos que nos reunir por um dia para fazer o projeto do grupo. Quando é um bom momento?”

“…”

“…”

“…”

Ninguém respondeu. Epherene acenou com a cabeça.

“Vamos para a casa de Sylvia, então.”

“Quem te deu permissão para fazer isso?”

“A sua casa não é a maior? É o único lugar para onde nós cinco podemos ir.”

“Ok, mas você não pode vir.”

“… Você não pode simplesmente crescer?”

#02#

A propriedade de Yukline estava no meio de fortalecer suas defesas contra a abertura de ‘Marik’.

“Como está o progresso?” Yeriel perguntou, montando um cavalo vermelho, recomendado por Deculein, em uma área montanhosa não muito longe da área de mineração a noroeste.

“As paredes, as torres de vigia e o forte estão quase concluídos. A estrada subterrânea ainda está em construção, mas espera-se que seja concluída neste verão.”

“Bom,” Yeriel respondeu severamente, então vasculhou a área circundante.

O conteúdo da carta de Deculein veio de repente à sua mente.

… Uma vez que o Marik fosse aberto, ele infestaria as terras vizinhas com feras mágicas. Para distribuir tropas com eficiência, eles precisavam construir muros, torres de vigia e fortificações no canto noroeste de seu território.

Deculein foi quem escolheu o local.

Segundo ele, também era melhor construir a estrada que levava a ele no subsolo do que na superfície. Se Yeriel adicionasse um tributo a ele, ela seria capaz de lucrar rapidamente, considerando que foi feito no subsolo, tornando-o mais peculiar e valioso.

“Certamente, um acampamento construído aqui será capaz de supervisionar tudo.”

“Sim. Pode até ser chamado de santuário. Seus olhos para a geografia são realmente incríveis, Yeriel.” A pessoa responsável respondeu à conversa interna de Yeriel.

Yeriel olhou para ele e tirou a carta.

Ela leu a segunda página das quatro que compunham a carta.

– Nem pense em subornar a Família Imperial ou os burocratas. A Imperatriz ignorou as palavras de seus servos e abriu o Marik. Portanto, você não deve ser influenciada por quaisquer palavras de seus servos, e você deve apenas agir de acordo com suas convicções.

– Além disso, nem pense em conseguir o favor dela. Ela abomina mentiras e elogios. No entanto, ela gosta de álcool, então se você vai mandar alguma coisa, o melhor vinho é o suficiente.

“Você também adivinha…?”

Como ele sabia que seus vassalos estavam considerando um suborno?

Naquele momento, um cristal frio pousou em seu nariz, fazendo seus olhos se arregalarem de surpresa.

Era neve.

“Huh?”

Ela estendeu as mãos e flocos de neve pousaram em suas palmas enluvadas.

“…!” Surpresa, Yeriel olhou apressadamente para a terceira página.

– Às vezes ocorrerão climas incomuns. Não há necessidade de pânico, mas pode ser um sinal de um demônio, então certifique-se de se proteger, especialmente se estiver nevando no meio do verão.

“O que está acontecendo…”

Yeriel franziu o cenho.

Ela pensou que ele estava fingindo ser um gênio, mas ele era realmente um?

Não, não pode ser. Como pode Deculein ser um gênio?

“… Agora que pensei sobre isso, começou naquela época.”

Yeriel se lembrou de como Deculein mudou no início deste ano.

Ficou uma semana inteira em casa, cancelando todas as suas programações, embora nunca tivesse abandonado seus compromissos.

No início, ela pensou que Julie o largou, mas aconteceu algo mais?

“Bem, eu realmente preciso saber?”

Seja qual for o caso, Deculein estava mostrando seu antigo eu novamente. Desde a época em que foi chamado de prodígio.

Não era uma mudança ruim, então ela não queria azarar.

Yeriel guardou a carta com segurança e gritou. “Atenção!”

Todos no acampamento olharam para ela ao ouvir seu grito suave.

“O tempo anormal pode ser um sinal da aparência de um demônio, então fortaleça-se! Aperte nossas defesas e evite agir sozinho!”

“Sim-!” Os gritos dos soldados respondendo às suas ordens ecoaram pelas montanhas.

“Bom. Vou indo agora.”

Yeriel, satisfeita com sua aparência séria, agarrou as rédeas de seu corcel, balançando a cabeça como um monarca.

O cavalo vermelho caminhou facilmente pelas estradas da montanha nevada.

#02#

No dia seguinte, 8h.

Após terminar minha rotina matinal, sentei-me em uma cadeira no escritório e tirei alguns documentos.

[Leilão Haylech de Yukline: Tesouras de Lucho, Tapete de piso escuro, Sela Antiga…]

Este foi o primeiro leilão que realizei após adquirir o ponto de avaliação.

Os itens à venda eram [Tesouras de Lucho], [Tapete do chão escuro] e três outros que haviam atingido seu potencial máximo. Seus desempenhos foram excepcionais, mesmo à primeira vista, então eu esperava um lucro líquido de cerca de 60 milhões a 100 milhões de Elnes.

TOC, Toc-

“Está na hora.” Meu mordomo falou além da porta.

Levantei-me, abri a porta e desci as escadas com ele.

“Existem 23 no total?” Perguntei ao mordomo.

Hoje, tive muitos projetos externos que tive que fechar sozinho, todos girando em torno de investimentos.

“Sim, está certo.”

“Bom. Venha comigo.”

“Como quiser.”

Entrei no carro preparado, que seguiu direto para o centro da cidade do continente.

Meu primeiro destino foi a loja de ferragens [Cais do Rokcan].

“Oh, você veio. Eu estive esperando por você!”

O proprietário estava inventando coisas enquanto administrava a loja de ferragens, e sua habilidade chamou a atenção do meu [Homem de Grande Riqueza].

Escrevi para ele uma escritura de investimento no valor total de 3 milhões de Elnes. Em troca, obtive uma participação de 30% em seu negócio.

“Obrigado! Eu não te desapontarei!”

“Estarei esperando algo bom.”

O próximo era o [Hotel Romance], um hotel antigo que parecia que iria desabar a qualquer momento, mas sua nova proprietária estava procurando investidores.

Também escrevi para ela uma escritura de investimento no valor total de 4 milhões de Elnes. Em troca, uma participação de 40%.

“Sniff, sniff…”

“Se você chorar, eu me retiro.”

“… Ugh!”

A proprietária conteve as lágrimas de alegria.

“Basta trabalhar na remodelação. Se você disser o nome Yukline, poderá obter os materiais de que precisa facilmente.”

“Oh, obrigada, obrigada!”

Com a ajuda do [Homem de Grande Riqueza], localizei cuidadosamente 23 negócios em todo o sistema, incluindo lojas, empresas comerciais, ferreiros e guildas de mercenários, para investir.

Gastei um total de 80 milhões de Elnes com eles, que depois aumentou para 120 milhões.

“Bom trabalho, Roy. Vamos para casa.”

“Entendi.”

Quando o sol começou a se pôr, voltamos para a mansão.

Enquanto eu observava o amanhecer desmoronar lentamente, soltei um suspiro curto.

Foi um dia satisfatório. O dinheiro que investi hoje logo se transformaria em enormes ativos humanos e físicos…

“O que no mundo?!” Naquele momento, os olhos de Roy se arregalaram.

Um grande número de pessoas estava em volta do portão da mansão, carregando uma insígnia gravada com…

O brasão imperial.

“Mestre.” A voz de Roy era incomumente urgente. Balancei a cabeça e saí do carro.

O povo da Família Imperial se voltou para mim. Entre eles, notei um cavaleiro nomeado.

A escolta do imperador, Keiron.

O cavaleiro loiro veio até mim. “Deculein de Grahan Yukline. Viemos com uma carta da Família Imperial. Siga a cortesia e receba-a.”

Ajoelhando, eu aceitei.

O conteúdo foi o seguinte:

[A família imperial informa Deculein, o Professor Chefe da Torre da Universidade Imperial e Chefe da Família Yukline, que foi incluído na lista de seleção para ‘Educador de Magia’ da imperatriz.

A honra de ter uma conversa e compartilhar percepções mágicas com Sua Majestade seria uma honra infinita para você como um mago e para sua família. No entanto, para se qualificar, você deve primeiro resolver um problema escrito por Mago da Corte George.]

“Você aceitará o desafio? A Família Imperial não irá julgá-lo se você decidir desistir devido à insuficiência de suas habilidades.”

Eu levantei.

Era irritante, mas eu não podia recusar algo assim. Havia grandes recompensas para missões relacionadas à Família Imperial.

“Como posso não aceitar o desafio?”

“Bom.” Keiron entregou um papel mágico tamanho B4 cheio de fórmulas. Olhei para ele, focando em cada um de seus detalhes.

Quase esgotei meu mana, mas com o passar do tempo, consegui derivar a resposta correta.

A lógica do problema era um tanto familiar.

Runas.

Desenhei a fórmula na folha de respostas.

[Parabéns. Sou George, o Mago da Corte. Se você resolveu este problema…]

Uma voz saiu quando eu apliquei mana a ela. A Família Imperial, que estava prestes a partir, olhou para trás surpresa.

“… Você já resolveu?” Keiron perguntou com uma postura curvada.

“Sim.”

“Quão? O Príncipe George definitivamente disse…”

A voz da folha de respostas continuou.

[Você provavelmente demorou um ou dois dias, ou até três, para responder. Como você já sabe, como já o resolveu, este problema utiliza runas.]

“… Foi um problema difícil. Tive sorte, já que venho pesquisando runas esses dias.”

“…”

[Não quero me gabar, mas não acho isso tão difícil. No entanto, tentei um pouco para ter certeza de que você não conseguirá resolver isso facilmente.]

Enquanto a voz continuava, Keiron se aproximou de mim mais uma vez, suas sobrancelhas e rugas inchando em desconcerto.

“… Yukline de Deculein— Não. Deculein de Grahan Yukline… ”

Keiron tirou do bolso interno um cartão com o selo imperial e me entregou.

“Este é um convite da Família Imperial. Você foi selecionado para o exame.”

“Obrigado.”

Eu me curvei com dignidade.

#02#

O palácio imperial construído no local mais elevado do império era como um pequeno mundo em si mesmo. Seu espaço de introspecção era simplesmente mágico.

Sempre havia quatro temporadas em torno disso. A nordeste estava o inverno, a noroeste o verão, a sudeste a primavera e o sudoeste o outono.

Portanto, os imperadores sempre conduziram sua vida através das quatro estações.

O povo do império chamou esse estranho fenômeno de ‘Bênção de Deus’.

“Sendo esse o caso, será que realmente precisamos fazer um teste de triagem separado? Vamos apenas com Deculein.” No escritório particular do palácio imperial, que estava cheio de todos os tipos de livros antigos, Sophien recebeu um relatório de Keiron.

“Acredito que seria melhor assistir um pouco mais, no entanto.”

Sophien ergueu as sobrancelhas.

“O que estamos assistindo? Não foi nem um dia. Ele resolveu em 5 segundos.”

“Foram cinco minutos.”

“Cinco segundos, cinco minutos. É uma grande diferença?”

“… Isso é 60 vezes.”

Em sua resposta tímida, Sophien riu. Keiron baixou a cabeça envergonhado.

“Você parece gostar mais daquela Louina do que do Deculein, hein?”

“… Não é uma questão de gostos ou desgostos pessoais. No entanto, julgo que um mago impecável é mais adequado para o palácio imperial. O professor Deculein tem muitos rumores girando em torno dele. Louina também resolveu o problema rapidamente.”

“Ela resolveu em 3 minutos?”

“… 3 horas.”

“Hmpf. A diferença entre 5 minutos e 3 horas é maior que a diferença entre 10 segundos e 5 minutos. Além disso, não discuta rumores comigo. Acredito apenas no que vi com meus próprios olhos.”

Sophien fez o teste de George.

“…”

Zeeeing-

Ela olhou para ele com olhos de laser.

Tick— Tock— Tick—

Quando o ponteiro dos segundos do relógio moveu-se exatamente 300 vezes, Sophien deu de ombros.

“Cinco minutos se passaram e eu ainda não resolvi. Terei que perguntar a ele como ele fez isso em cinco minutos, quando ele vier.”

“… Entendi.”

Sophien verificou com essas palavras que Deculein seria o Educador de Magia da Imperatriz.

“Deixando isso de lado, o teste de seleção de cavaleiros ainda está acontecendo?”

“Ainda nem começou, pois, é um teste bastante prático. Parece que vai demorar um pouco mais.”

“O cara que preparou o teste não se machucou?”

Isaac de Derek Lugeden, o vice-comandante dos Cavaleiros Imperiais.

Ele foi ferido enquanto explorava Marik.

Não, talvez tenha sido uma peça feita por você mesmo. Afinal, ele era contra a abertura de Marik.

“Procuramos outra pessoa adequada.”

“A pessoa certa… Oh!”

De repente, Sophien sorriu maliciosamente.

“Tenho uma boa ideia.”

Suas palavras fizeram um sentimento sinistro crescer dentro de Keiron. Ele olhou para a Imperatriz sem dizer uma palavra.

“Isso vai ser divertido, confie em mim. Ouça com atenção. O teste de triagem vai…”

Keiron suspirou com a sugestão da Imperatriz enquanto ela soltava uma gargalhada maníaca.

Notas

Notas
1 Doutorado

Aviso do Tradutor:

Croollly

Rolar para o topo