Selecione o tipo de erro abaixo

Tradutor: Asu | Editor: Asu

Jiang Yan andava na frente, enquanto Zhou Wen seguia atrás. Ele foi subindo passo a passo. Depois de passar a Pedra da Oportunidade Imortal, foi outra longa e árdua jornada.

Os dois bebiam e comiam um pouco de vez em quando, quase sem parar. Mesmo assim, eles levaram quatro dias para chegar à encosta da montanha.

Em apenas quatro dias, os dois perderam bastante peso. Seus olhos e bochechas estavam afundados, fazendo-os parecer pele e ossos.

Os dois rapazes bastante bonitos pareciam velhos curvados.

A culpa não foi deles. Eles usaram toda a sua força a cada passo. Seus corpos estavam exaustos e eles não conseguiam parar para descansar. A razão pela qual eles foram capazes de durar até agora foi por causa de seus físicos extraordinários. Se fosse um estágio épico comum, eles provavelmente não seriam capazes de aguentar, mesmo que não morressem de exaustão no caminho de Busca Imortal.

Olhando para cima, eles ainda não conseguiam ver o topo da montanha. Tudo o que viam eram intermináveis degraus de pedra. Ao olhar para baixo, havia neblina pairando ao redor, e não conseguiam ver nada. Neste lugar desolado que os impedia de ver o céu ou o chão, a única razão pela qual sabiam que estavam a meio caminho da montanha era que as palavras ‘Meio-Precipício’ estava gravada em uma pedra ao lado deles.

“Quando cruzamos o Meio-Precipício, ainda temos meio caminho a percorrer. No entanto, é ainda mais difícil do que a primeira metade da jornada. Ainda dá para aguentar? Se não conseguir, você pode descansar por um dia na plataforma de Meio-Precipício antes de virar e deixar a montanha. Você não será afetado pelo tabu da Montanha da Busca Imortal. No entanto, uma vez que você chega à plataforma de Meio-Precipício, você nunca mais pode subir a montanha”, disse Jiang Yan.

“Já estamos aqui. Não importa o que aconteça, temos que subir e dar uma olhada. É impossível eu desistir no meio do caminho. Ainda posso persistir. Vamos continuar”, disse Zhou Wen.

“Depois do Meio-Precipício, se você continuar andando para frente, verá as coisas. Quando chegar a hora, não importa o que você veja, não fale ou faça um som. Basta fechar a boca e seguir em frente, ou algo ruim acontecerá”, acrescentou Jiang Yan.

“Sem falar. Entendi.” Zhou Wen assentiu levemente, mas ficou um pouco intrigado.

Os tabus na Montanha da Busca Imortal não foram escritos em lugar nenhum. Se Jiang Yan sabia desses tabus, alguém deve tê-los contado. Caso contrário, se fosse realmente como Jiang Yan havia dito, ele teria morrido se desse um passo para trás. Zhou Wen se recusou a acreditar que Jiang Yan não recuaria sem saber sobre o tabu.

No entanto, Zhou Wen não se aprofundou nisso, já que Jiang Yan não disse mais nada. Ele continuou andando atrás de Jiang Yan.

Os degraus de pedra na primeira metade da montanha eram muito estreitos, mas depois do Meio-Precipício, os degraus de pedra tornaram-se muito mais largos. Era mais do que suficiente para duas a três pessoas caminharem lado a lado.

Mas agora, os dois não conseguiam falar. Se andassem lado a lado, seria ainda pior se falassem acidentalmente. Por isso, continuaram andando um atrás do outro sem dizer uma palavra, como dois mudos.

Cada passo dado por Zhou Wen o fazia sentir como se suas pernas estivessem tremendo. Não importa o quão poderosas suas Artes de Energia Essencial e Habilidades de Energia Essencial fossem, elas eram inúteis neste lugar abandonado por Deus. Usar forças externas para fortalecer seu corpo também aumentaria o estranho poder. Ainda levaria seu corpo ao limite.

Enquanto caminhava, o olhar de Zhou Wen acidentalmente varreu os degraus de pedra à sua frente. Suas pupilas se contraíram enquanto ele quase gritava.

Se Jiang Yan não o tivesse avisado antes, ele definitivamente teria gritado. Isso porque havia um cadáver caído no caminho de pedra acima. As roupas e a aparência do cadáver eram idênticos aos de Zhou Wen.

Zhou Wen ficou intrigado, mas não conseguiu dizer uma palavra. Tudo o que ele podia fazer era continuar caminhando para a frente enquanto dimensionava o cadáver à beira da estrada. Não importa como olhasse, era idêntico a ele. No entanto, o cadáver havia desmaiado nos degraus de pedra e não estava respirando.

É definitivamente o mesmo de antes: uma ilusão. Zhou Wen parou de olhar para o cadáver e continuou andando para cima.

Depois de caminhar por um tempo, ele circulou em torno de um cume de montanha e viu outro cadáver nos degraus de pedra à frente.

Desta vez, ele viu isso com ainda mais clareza. Era o seu cadáver. O que Zhou Wen não podia tolerar era que parecesse seu cadáver, mas sem nenhuma roupa que o cobrisse. Seus membros estavam escancarados enquanto era pregado na parede da montanha por pregos de metal. Parecia que tinha morrido uma morte trágica.

‘Tudo é ilusão… Tudo é falso… Vou aguentar…’ Zhou Wen se acalmou secretamente. Embora soubesse que era apenas uma ilusão, ainda o enfureceu. O cerne da questão era que a pessoa se parecia demais com ele. Até mesmo as marcas e cicatrizes em seu corpo eram idênticas.

Ao subir mais para cima, Zhou Wen corpos que morreram de várias maneiras diferentes. Alguns foram enforcados, enquanto outros foram clivados em dois. Todas as mortes foram trágicas.

No entanto, ele se tornou imune a ela após exposição prolongada. Ao longo do caminho, ele viu pelo menos centenas ou milhares de maneiras diferentes de morrer. Ele não ficou mais surpreso.

Depois de caminhar por mais sete ou oito dias, quando o sol voltou a nascer, os dois finalmente viram o topo da montanha. Não havia edifícios lá, apenas uma árvore torta de espécie desconhecida. Os galhos se estendiam até a beira do penhasco.

Em um dos galhos da árvore torta pendia um enorme casulo verde. Ao olharem com cuidado, viram que o casulo não estava em contato com o galho da árvore, mas estava flutuando.

Debaixo da árvore torta havia uma besta branca. Era branca de neve e tinha dois chifres na cabeça. Havia um olho vertical na testa, mas o olho vertical estava fechado. Provavelmente era o Bai Ze que Jiang Yan havia especulado.

Zhou Wen e Jiang Yan caminharam até o topo da montanha. Bai Ze definitivamente os descobriu, mas os ignorou completamente. Continuou descansando e deitado, ignorando-os completamente. Nem sequer lhes poupou um olhar.

Zhou Wen tinha ouvido de Jiang Yan que a besta branca não tomaria a iniciativa de atacá-los. Esta também foi uma das principais razões pelas quais ele determinou que a besta branca era Bai Ze.

Bai Ze era uma besta auspiciosa de bom coração. Era conhecedor e capaz da fala humana. Poderia identificar todos os tipos de seres sobrenaturais. Diz a lenda que foi confiado pelo Imperador Amarelo a criação de um mapa de dezenas de milhares de seres sobrenaturais para os humanos os identificarem facilmente e evitarem o perigo. Era uma das antigas bestas divinas que eram boas em exorcismo.

“Você viu aqueles cadáveres estranhos antes?” Jiang Yan perguntou a Zhou Wen.

“Sim, todos os cadáveres pareciam comigo”, respondeu Zhou Wen.

“Quantos eram?” Jiang Yan perguntou novamente.

“Não me lembro. Eram tantos que eu não os contei. Deveria ser mais de mil.” Zhou Wen fez uma pausa e perguntou a Jiang Yan: “Por que está perguntando isso? Não são ilusões?”

Jiang Yan olhou para Zhou Wen com um sorriso estranho. “Mil? Isso é impressionante.”

“O que você quer dizer?” Zhou Wen não entendia o que Jiang Yan estava fazendo.

Jiang Yan disse com um sorriso: “Diz a lenda que o caminho para a imortalidade é um processo de transcender as bobinas mortais. Cada ilusão de cadáver que você vê é um crime que você já cometeu. Somente expurgando os pecados que cometeu você não pode ser morto pela Tribulação Celestial quando se tornar um imortal. Você viu mais de mil cadáveres, o que significa que cometeu mais de mil crimes.”

Olá, eu sou o Asu!

Olá, eu sou o Asu!

Comentem e Avaliem o Capítulo! Se quiser me apoiar de alguma forma, entre em nosso Discord para conversarmos!

Clique aqui para entrar em nosso Discord ➥