Selecione o tipo de erro abaixo

Gobbletooth estava de pé, observando a cortina de poeira se dissipar. Quando a brisa o levou embora, ele teve um vislumbre das silhuetas de seus oponentes e então contra eles.

Os dois goblins gigantes também se lançaram contra ele. Em um instante, a distância foi encurtada e, simultaneamente, os três desferiram socos com toda a sua força.

O primeiro goblin gigante, que foi atingido pelo soco do seu oponente, que o fez voar e se chocar contra cinco árvores, derrubando todas.

O segundo goblin atingiu o orc, mas não teve a mesma potência do golpe anterior.

Gobbletooth olhou fixamente, no fundo dos olhos do goblin gigante. Isso fez suas pernas tremer de medo. Dentro da sua espécie, um goblin gigante é considerado um guerreiro imponente.

Mas contra um orc com pura superioridade física; era o mesmo que colocar um predador para duelar contra uma presa.

Gobbletooth ergueu as duas mãos e desferiu, simultaneamente, um tapa nos ouvidos do goblin. Sangue verde estava escorrendo dos seus ouvidos e ele começou a gritar desesperadamente.

O lich, que ainda estava segurando o goblin com uma mão só, olhou para o lado e viu um dos goblins gigantes correndo como se tivesse visto o diabo.

Então, ele ergueu a outra mão, mirou e disparou uma bola de fogo azul que pousou na cabeça do goblin gigante, matando-o instantaneamente.

— Mate o outro e vamos voltar para nossa posição inicial, ordenou ele.

Novamente, ele voltou sua atenção para o goblin e disse: — Meu senhor ficará muito grato por suas informações.

De repente, o goblin sentiu algo perfurando seu peito. Olhou para baixo e viu que era a outra mão do lich.

O lich o jogou no chão como se fosse um trapo velho e ficou olhando Goblletooth caminhar até o goblin gigante que estava inconsciente no chão.

Sem hesitar, o orc ergueu a perna esquerda e pisou com força na cabeça do goblin gigante, esmagando-a e espalhando uma poça de sangue verde ao redor.

Quando terminaram, os dois partiram, mas os olhos brilhantes ainda permaneceram focados neles.

As horas foram passando e nenhum monstro moveu um músculo. Eles estavam analisando o lich. Que com uma bola de fogo, poderia matar qualquer coisa.

Havia uma enorme batalha sendo travada nas profundezas da floresta. Eles eram fortes, mas não tinham como impedir isso.

Assim, o sol surgiu e rapidamente todos retornaram às suas tribos. O lich tentava de todas as formas falar com o seu senhor telepaticamente, mas não conseguia.

*****

Enquanto isso, na vila, todos olhavam para a casa da líder com certa angústia.

Drake já havia parado de gritar e Isabella não aguentou o fato de deixá-lo sozinho e bateu na porta da líder ainda de madrugada.

Ela estava apavorada com o escuro, mas de alguma forma conseguiu superar seu medo e correu como se tivesse sido disparada de uma arma.

A líder não podia abandoná-la do lado de fora, então a convidou para entrar. Quando entrou, rapidamente seguiu os gritos do irmãozinho e ficou ao lado dele.

Beatrice, Sebastian, Mason e Thaddeus estavam fazendo a reunião diária.

— Então, o plano ainda é o mesmo? Perguntou Mason.

— Sim, você vai para outra vila e negociar com eles. Levará ouro e sacos de sementes que vieram do reino, explodiu a líder.

— Podíamos roubar tudo do antigo reino de Lasco, mas o senhor Drake não fez isso por algum motivo. Negociando com outras vilas, aumentaremos a amizade com elas e futuramente teremos alguma vantagem, disse Sebastian.

— Vou preparar tudo. Mason, prepare-se. Arrume suas coisas. Daqui a três minutos, esteja no portão principal, disse Beatrice.

Todos acenaram com a cabeça e rapidamente foram preparar tudo para Mason.

Uma hora havia transcorrido, e Mason já estava na frente do portão principal, acompanhado de liches. Como ele ia transportar uma grande quantia de ouro, nada melhor do que dois liches como guardas.

Ele havia trocado sua espada de nível comum por uma de nível incomum.

Até que, de repente, uma carroça puxada por um par de cavalos.

No interior da carroça, vinte sacos de ouro e algumas sementes eram visíveis.

Thaddeus estava controlando os dois cavalos.

— Está tudo pronto. Você pode partir agora… Leve isso com você, disse ele, entregando o brasão da vila Esmeralda.

Mason pegou e colocou em seu bolso com um sorriso. — Obrigado, agora vou indo.

Assim, os dois liches foram para a carroça, enquanto Mason ficou no compartimento de carga.

Todos foram transformados em mortos-vivos pela habilidade >levantar mortos-vivos<. De alguma forma, agora eram esqueletos.

Não dava para saber se eram homens ou mulheres, mas os liches continuam os mesmos.

A vila mais próxima ficava a três dias de jornada. Essa aldeia foi selecionada porque fornecia minérios e ferramentas para o antigo reino de Lasco.

Mason logo se viu entediado. Então, ele tirou sua nova espada da bainha e começou a examiná-la: a ponta da lâmina tinha um brilho pálido, o cabo era branco, e na ponta havia um detalhe negro

Ele desapertou a ponta do cabo e um pergaminho caiu em sua mão. Imediatamente, o abriu e soltou um suspiro de desânimo.

As habilidades da espada que estavam no pergaminho não eram tão impressionantes na sua opinião.

Equipamentos de nível incomum e ouro têm poderes diferentes, dependendo do material que a espada foi feita ou do encantamento, que foi infundido nela.

Por exemplo, duas espadas forjadas com ferro e encantadas com feitiços de nível incomum podem estar lado a lado. No entanto, isso não significa que elas tenham os mesmos poderes.

É claro que, para fabricar armas com habilidades diferentes, é necessário um grande investimento de recursos. Por isso, é comum encontrar armas com as mesmas habilidades.

O pergaminho que Mason estava segurando tinha duas habilidades: >estocada< e >corte duplo<.

Não havia outra opção, a não ser aprender as habilidades. Aprender as habilidades era relativamente simples; bastava concentrar sua mana na espada e realizar o mesmo movimento que estava no pergaminho.

Como era um soldado treinado, era de se esperar que ele pudesse assimilar os movimentos das duas habilidades com facilidade. Isso levou apenas algumas horas.

Com o chegar da noite ele fez os dois liches parar a carroça.

Os liches rapidamente fizeram uma fogueira e caçaram um lobo que estava longe de sua alcateia.

Enquanto a carne estava assando, Mason estava testando as novas habilidades que acabou de aprender.

Ele suspirou fundo e canalizou sua mana na espada. O brilho fraco na ponta da espada se intensificou, e então ele a empurrou para frente, ativando a habilidade>estocada<.

O ar que fluía pelo ambiente foi cortado. Mason se moveu um metro para a frente.

Desde o início, ele não achou a habilidade muito boa, mas ela poderia matar qualquer monstro de nível três ou inferior.

Ele se garantia em batalhas contra humanos sem usar essas habilidades.

Mason sobreviveu a uma guerra que matou milhões. Humanos sem treinamento ou experiência em combate, não eram páreo para ele.

Ele assumiu a postura de combate e ativou a outra habilidade da espada, >corte duplo<. Seus braços se moveram em sincronia, involuntariamente.

Dois golpes foram desferidos em rápida sucessão. Essa habilidade era de ataque de curto alcance, geralmente usada em lutas um contra um.

— Peguei a pior espada, murmurou Mason, colocado a espada de volta na bainha.

O tempo passou, e ele adormeceu junto à fogueira. Os cavalos estavam fora da carroça, e os dois liches vigiavam o local.

O sol surgiu por trás da lua e novamente iluminou o céu.

Picture of Olá, eu sou o Erick. Ks!

Olá, eu sou o Erick. Ks!

Comentem e Avaliem o Capítulo! Se quiser me apoiar de alguma forma, entre em nosso Discord para conversarmos!

Clique aqui para entrar em nosso Discord ➥