Selecione o tipo de erro abaixo


Combo 12/50


Sendo o principal foco de atenção, Derrick não engasgou. Ele disse ansiosamente: — Recentemente estive em uma equipe de exploração liderada pelo Chefe na Cidade da Tarde.

— É um portal chave que leva à Corte do Rei Gigante. É uma passagem que separa o mito da realidade.

Sua introdução despertou perfeitamente o interesse de todos os membros do Clube de Tarô enquanto aguardavam o restante de seu relato em diferentes posturas.

Derrick ignorou as experiências sem importância que eles tiveram durante a jornada e começou sua história diretamente na Cidade da Tarde. Ele primeiro descreveu o silêncio mortal e a escuridão antes de sua equipe de três membros descobrir um altar subterrâneo. Ele então descreveu como identificou os nomes — Ouroboros, Medici e Sasrir — e entrou no outro lado da cidade sem perceber. Lá, viu títulos como Anjo Negro e as palavras Rosa da Redenção.

Dito isto, agradeceu mais uma vez ao Sr. Louco pela Sua ajuda nessa situação difícil.

Em seguida, Derrick simplesmente apresentou os monstros que se transformaram em suas sombras antes de enfatizar o orador que estava em constante penitência na catedral meio desmoronada.

Ele usou suas próprias palavras para descrever o que foi dito, mencionando que o orador subitamente se autodestruiu quando estava prestes a dizer o nome do quarto Rei dos Anjos e foi queimado até ficar crocante por uma chama transparente.

“Outro Rei dos Anjos! E o clima na Cidade da Tarde é realmente sombrio e assustador. A penitência do orador tem muito, hmm… a sensação de um profeta prevendo uma calamidade…” Audrey ouviu com prazer enquanto despertava seu interesse pela situação e pelo nome indizível.

Nesse momento, Derrick virou o corpo e olhou para a ponta da mesa de bronze, perguntando sinceramente: — Sr. Louco, quem foi que incitou Anjo Negro Sasrir? A quem o quarto nome se refere? Por que isso não pode ser dito?

“Aí vem…” Por trás da névoa cinza, o sorriso de Klein quase congelou.

A razão pela qual ele enviou o Jovem Sol às pressas de volta ao mundo real foi que ele estava com medo de enfrentar tal pergunta!

Naquela época, estava preocupado que Jovem Sol perguntasse sobre o Anjo Negro Sasrir, e agora ele estava enfrentando uma pergunta para a qual não sabia a resposta.

Felizmente, um Mágico nunca atua despreparado. Depois daquele dia, Klein sem dúvida começou a considerar seriamente como responder a tais perguntas. Agora, com grande confiança, ele pousou a palma da mão direita no apoio de braço e disse com um brilho profundo e significativo nos olhos.

— É porque é um segredo.

Ele usou os olhos e a linguagem corporal para sugerir aos membros do Clube de Tarô que um segredo não deveria ser dito e tinha um significado mais profundo e substancial. Quanto ao que era, eles tiveram que descobrir sozinhos. As divindades tinham motivos profundos para ocultar certos assuntos.

Depois de terminar essa série de ações, Klein não pôde deixar de se sentir penitente. Sentiu que suas vibrações de charlatão estavam aumentando. Enquanto isso, lamentou que a intromissão da Eremita em seus segredos fosse resultado de suas tentações. Isso acontecia porque o Sr. Louco usava Seus olhos e linguagem corporal para fornecer dicas adicionais. Portanto, todos os membros observariam subconscientemente a atitude Dele.

“Isso porque não tenho soluções. Sem fazer isso, como vou continuar o ato… Não é como se eu fosse um verdadeiro deus do mal!” Klein suspirou silenciosamente.

“Segredo? O nome em si é um segredo? O conteúdo que o Sr. Louco deseja indicar está aqui? Hmm, quais nomes são segredos… Verdadeiros deuses na Sequência 0?” Alger pensou instantaneamente em muitas coisas ao criar uma teoria, combinando muitos dos assuntos que o Jovem Sol havia mencionado anteriormente.

“Quando um nome em si se torna um segredo, significa que o assunto envolve um deus verdadeiro. Além disso, é muito provável que a Deusa da Meia Noite esteja envolvida. É porque ela é a Mãe dos Segredos! O perigo extremo da escuridão na Terra Abandonada dos Deuses prova indiretamente este ponto…” Cattleya surgiu com uma teoria não confirmada baseada no conhecimento que ela tinha e na dica do Sr. Louco.

Enquanto isso, ela tinha quase certeza de que a calamidade a que o orador se referia era o Cataclismo que encerrou a Terceira Época.

“Um Rei dos Anjos que foi tentado, moradores da Cidade da Tarde que caíram em desgraça, uma cidade sendo corrompida pouco a pouco, uma flor negra de calamidade que floresce. Tudo isso enterrou uma época, criando a Terra Abandonada dos Deuses… Que sentido histórico pesado…” Cattleya não pôde deixar de pensar de forma pungente.

Enquanto os membros do Clube de Tarô meditavam, Klein também começou a analisar o motivo do nome indizível e o motivo pelo qual ele não poderia ser dito.

“Poderia ser o verdadeiro nome de uma divindade? Um verdadeiro deus tentou o Anjo Negro Sasrir, e o quarto nome que representa o Rei dos Anjos também se tornou um verdadeiro deus mais tarde?”

“Mas não é como se eu não tivesse dito o verdadeiro nome de uma divindade antes. A Demônia Primordial Cheek é sabida por muitos como estando no mesmo nível das sete divindades. Não é como se nada tivesse acontecido no final…”

“Talvez tenha algo a ver com a linguagem usada? As línguas de Loen, Intis e Feysac, e mesmo do antigo Feysac, não possuem a capacidade de despertar os poderes da natureza. Por outro lado, o Jotun comumente usado na Cidade de Prata pode. Esse orador provavelmente usou uma linguagem semelhante.”

“Mais tarde, devo tentar pronunciar Cheek usando Jotun? Então, morrerei na hora e conseguirei cortejar a morte… Esqueça. Além disso, ter um nome em branco e um nome indizível significa coisas diferentes… Não faço ideia do porquê.”

Nesse momento, vendo como Jovem Sol ainda estava confuso e atordoado, sem entender a dica significativa do Sr. Louco, Alger se ofereceu para dar uma explicação.

— Os dois nomes podem representar separadamente duas divindades, então não podem ser ditos.

— Talvez o Verdadeiro Criador tenha tentado o Anjo Negro Sasrir, levando à queda em desgraça dos poucos Reis dos Anjos e dos residentes de Cidade da Tarde. Isto provocou uma grande calamidade. É por isso que Ele tem um templo e uma estátua em sua Terra Abandonada dos Deuses.

— O quarto nome que corresponde a um Rei dos Anjos pode ter se beneficiado muito da calamidade e conseguido avançar para se tornar um verdadeiro deus.

“Isso é semelhante ao meu palpite, mas não pode ser confirmado…” Cattleya não complementou, pois não acreditava que suas teorias fossem fatos.

Audrey, Fors e Emlyn ouviram com atenção, pois não podiam deixar de se sentir comoventes porque o Clube de Tarô muitas vezes fazia as coisas parecerem especialmente sofisticadas ao discutir tais assuntos. Coisas como Reis dos Anjos, deuses malignos e deuses reais, ou segredos antigos, todos dependiam de uma única palavra.

— É mesmo… eu entendo. — Derrick chegou a uma conclusão ao agradecer sinceramente ao Sr. Louco mais uma vez.

Quando ele estava prestes a se virar, de repente se lembrou de algo e perguntou preocupado: — Sr. Louco, o ponto crucial para deixar a Terra Abandonada dos Deuses está realmente na Corte do Rei Gigante?

Depois de todo esse tempo, ele já havia aceitado a opinião do Sr. Enforcado de que a região onde a Cidade de Prata estava localizada era conhecida como a Terra Abandonada dos Deuses.

“É nisso que acredito, mas o problema é que não consigo confirmar… Não procurar o mar e passar a explorar a Corte do Rei Gigante foi provavelmente sugestão da Pastora Lovia. Isso pode confirmar parcialmente minha teoria, mas não pode eliminar a possibilidade de que seja uma conspiração…” O sorriso do Louco quase congelou novamente.

Seus pensamentos dispararam enquanto rapidamente pensava em uma solução que não precisasse que ele desse uma resposta direta sem manchar a reputação do Sr. Louco.

Ele imediatamente deu uma risada relaxada e virou a cabeça para a Eremita Cattleya.

— Falando nesse assunto, heh. Bernadette já conhece o método para entrar na Terra Abandonada dos Deuses.

Cattleya imediatamente relembrou suas vagas lembranças do sonho e inconscientemente olhou para a ponta da mesa de bronze.

— É aquela sombra?

Antes de terminar de falar, ela de repente percebeu que estava avaliando o Sr. Louco novamente. Ela fechou os olhos apressadamente e disse: — M-meu Olho do Espreitador de Mistérios é instintivo. Ele só pode ser ativado e não desativado. Preciso contar com um item místico para selá-lo…

“Mas isso não existe aqui.”

“É mesmo…” Klein assentiu gentilmente.

— Você pode conjurar um par de óculos.

— Sim, Sr. Louco. — Cattleya seguiu as instruções e conjurou um par de óculos.

Durante esse processo, Klein agitou uma pequena quantidade de energia acima da névoa cinza e infundiu-a no par de óculos.

No momento em que Cattleya os usou, descobriu que seu Olho do Espreitador de Mistérios havia sido selado como ela esperava.

Foi só nesse momento que Fors e companhia perceberam que os olhos da Madame Eremita eram extremamente especiais. Tinha algo a ver com a descoberta de mistérios e não precisava ser ativado para usá-lo!

“Não é à toa que não percebemos isso. Madame Eremita ficou gravemente ferida por causa de sua tentativa de investigar os mistérios do Sr. Louco…” Audrey moveu os lábios em esclarecimento, tendo uma de suas perguntas respondida.

Quanto a Alger, que se lembrou de como a Eremita o havia avaliado anteriormente e como ele usava as roupas do clero da Igreja das Tempestades, seu rosto quase escureceu.

Klein não esperou que os membros se acalmassem. Ele riu e respondeu à pergunta anterior de Cattleya.

— É aquela sombra.

— A sombra da Corte do Rei Gigante.

— Então é a sombra da Corte do Rei Gigante… — Cattleya murmurou com uma surpresa agradável.

Então, sua mente ficou à deriva enquanto pensava: “Ela provavelmente também sabe essa resposta…”

Derrick passou alguns segundos para digerir a conversa entre a Madame Eremita e o Sr. Louco, e vagamente chegou a uma conclusão. A chave para entrar na Terra Abandonada dos Deuses tinha a ver com a sombra da Corte do Rei Gigante!

“Portanto, o ponto crucial para deixar a Terra Abandonada dos Deuses está realmente na Corte do Rei Gigante?” O coração de Derrick palpitou quando ele abaixou a cabeça de excitação.

— Obrigado pela sua resposta, Sr. Louco.

Ufa…  Klein silenciosamente soltou um suspiro de alívio. Ele sentiu que tal situação era extremamente desgastante para seu cérebro.

Alger manteve suas emoções sob controle enquanto olhava em volta antes de olhar para A Eremita.

— Onde está a sombra da Corte do Rei Gigante?

Ele não se atreveu a perguntar ao Sr. Louco, já que sua pergunta sobre a Terra Abandonada dos Deuses havia sido rejeitada anteriormente.

Cattleya respondeu francamente: — Nas águas na frente oriental do Mar Sônia. No sonho da noite lá.

— Acontece que eu queria compartilhar com todos vocês o que encontrei desta vez.

Audrey e Fors simultaneamente desaceleraram a respiração enquanto esperavam ansiosamente que a Madame Eremita contasse suas aventuras fantásticas.

Olá, eu sou o Vento_Leste!

Olá, eu sou o Vento_Leste!

Comentem e Avaliem o Capítulo! Se quiser me apoiar de alguma forma, entre em nosso Discord para conversarmos!

Clique aqui para entrar em nosso Discord ➥