VS – Episódio 09 – Capítulo 01

  • Asu 
Próximo Capítulo
Capítulo Anterior || Índice || Próximo Capítulo

Episódio 09 / Capítulo 01 — Svartalfheim (1)

Tradutor: Asu | Editor: Asu

O espaço além da porta violeta era úmido e pesado.

Tae Ho sentiu a mudança do cenário no momento em que deu o passo e depois segurou a respiração e olhou para o ambiente.

A primeira coisa que viu foram as árvores altas. As árvores estavam alinhadas como uma parede e os ramos estavam interligados e faziam um dossel que cobria o céu. A razão pela qual era escuro provavelmente seria por causa da sombra feita por elas.

Tae Ho deu mais um passo. Havia ramos e folhas empoeiradas e em todas as partes. Enquanto respirava lentamente, podia sentir o ar frio e úmido.

E acima de tudo, seu corpo ficou pesado. Ele não sabia se essa era a expressão precisa, mas a própria gravidade parecia diferente. Embora a diferença não tenha sido grande, não é como se não houvesse nenhuma. Com base em números seria 1,1 vezes maior.

A metade dos guerreiros que chegaram antes que Tae Ho olhou para os arredores como se fosse maravilhoso, e a outra metade estava de guarda com rostos casuais, como se não fosse a primeira viagem deles. Siri, que foi a primeira a atravessar a porta, pertencia à última categoria.

“Então, isso é Svartalfheim”.

A terra das fadas das trevas que tinha um nome que poderia torcer sua língua.

“Então, as fadas das trevas são os elfos negros?”

Quando começou a pensar em beldades magras com pele de cobre, uma risada foi ouvida por trás dele.

“Incrível certo? Este lugar é Svartalfheim.”

A Valquíria Gandur, que atravessou a porta por último, caminhou até a frente e depois explicou aos guerreiros que vieram pela primeira vez.

“Como você pode ver, quase todo esse lugar é coberto por sombras graças ao dossel feito pelos ramos. Além disso, como esta floresta é realmente grande, independentemente de ser dia ou noite, é sempre escuro. A razão pela qual Svartalfheim é chamado de mundo da noite interminável é por isso”.

Enquanto os guerreiros de Valhalla assentiram com rostos impressionados, Gandur começou a explicar com mais detalhes como se estivesse ansiosa.

“Os que vivem nesta floresta são principalmente fadas das trevas… Então, se você atravessar os limites desta floresta, você chegará a Nidavellir[1], a terra que os anões chamam de Dvergr[2]. Então as duas raças vivem no mesmo lugar”.

“Os anões também vivem em florestas?”

Como um dos guerreiros perguntou, Gandur sacudiu a cabeça.

“Há uma floresta, mas Nidavellir é mais um mundo subterrâneo. O lugar é como um labirinto porque é construído com vários túneis. Se você chegar lá, tenha cuidado para não se perder.”

Em palavras simples, as fadas das trevas vivem na floresta e os anões vivem no subsolo.

Além disso, olhando para o jeito que ela falava, parecia que esta tarefa estava relacionada com as fadas das trevas e não com os anões.

“Gandur, qual é a nossa tarefa? É hora de você nos contar.”

Como um dos guerreiros perguntou novamente, Gandur ajeitou sua expressão e começou a explicar seriamente.

“As fadas das trevas nos pediram para derrotar alguns monstros. Elas dizem que uma das famílias das fadas das trevas que estava colhendo uma planta medicinal para fornecer a Valhalla e acordou um Basilisco[3] perto daqui”.

“Quando você diz Basilisco, você quer dizer o rei das cobras?”

Como Siri perguntou com cuidado, Gandur assentiu.

“É precisamente esse Basilisco. A família das fadas das trevas que foi atacada pediu assistência ao Congresso das fadas das trevas e o Congresso pediu a Valhalla que o derrotasse.”

“Então é por isso que viemos aqui”.

Os guerreiros se olharam como se entendessem. Gandur também assentiu com a cabeça desta vez.

“Certo, nossa legião é especializada em caça. Nós somos os melhores para caçar um monstro”.

A maioria dos guerreiros da legião de Uller eram caçadores.

“Eu também tenho expectativas sobre você. Ouvindo Rasgrid, parece que você pode lidar com monstros muito bem”.

Gandur disse enquanto olhava para Tae Ho e então ele percebeu uma coisa.

‘Então Rasgrid foi a culpada’.

Ele se perguntou por que ele, que pertencia à legião de Idun, foi arrastado para a legião especializada em caça.

Quando ele olhou para um lugar distante e riu, Rolph se aproximou e acariciou seu ombro.

“Isso também é o destino”.

Suas palavras o consolavam, mas seu rosto estava sorrindo. Porque se ele não tivesse vindo aqui, Rolph teria sido o único.

Tae Ho retornou um sorriso complicado para Rolph e depois se concentrou novamente em Gandur. Ela continuou com palavras fluidas.

“Por enquanto você estará indo ao escritório de ligação nas proximidades. Eu irei ao Congresso para cuidar de algumas coisas com as fadas das trevas para Siri liderar a tropa e visitar a família problemática”.

“Entendido”

Siri bateu em seu peito levemente e expressou seus costumes. Parecia que Siri seria a própria comandante, assim como o caso da mina dos anões.

Gandur também bateu no peito e falou com os guerreiros.

“E há mais uma coisa que eu tenho para lhe dizer. Vocês se moverão especialmente com os silêncios brancos nesta ocasião”.

“Silêncio branco!”

“Ohh! Silêncio branco!”

“Eu finalmente estou andando em um!”

Mesmo antes de Gandur ter terminado de falar, os guerreiros já começaram a comemorar. Como todos eram guerreiros de Classificação Inferior, eles não pareciam comemorar sem saber o que era como os guerreiros de Classificação Inicial, mas ele não teve a coragem de perguntar.

‘O que é desta vez?’ 

É também um objeto de disparo que era tão parecido com o fetiche feudal de Valhalla?

Ou é um objeto que o deixou em silêncio para a eternidade?

Tae Ho olhou para Rolph comemorando junto com os outros e no final, ele se aproximou de Siri e perguntou.

“Siri, o que é o silêncio branco?”

“É uma coisa muito legal. Você também vai gostar.”

Siri respondeu como um guerreiro de Valhalla e então Tae Ho olhou para Gandur com um rosto desconfortável.

˳˳˳

“Uau!”

“É o verdadeiro!”

“É muito grande!”

O escritório de ligação das fadas das trevas foi feito esculpindo uma árvore realmente grande e realmente maravilhosa, mas ninguém prestou atenção nela. Era porque estavam todos ocupados com os silêncios brancos que Gandur havia chamado.

‘Isso é realmente legal’.

Mesmo que Siri fosse uma guerreira de Valhalla, parecia que razão e lógica funcionavam com ela. Porque o silêncio branco era um obj- não, uma besta realmente legal, mesmo nos olhos de Tae Ho.

Havia grandes lobos com peles brancas na frente dos guerreiros. Era tão grande que nem conseguia compará-lo com os tigres ou leões que ele via no zoológico. Eles eram tão grandes que podiam mesmo lidar com os guerreiros de Valhalla, que tinham corpos grandes.

O número dos lobos era exatamente 10. Assim como os guerreiros.

“Haverá pessoas que os veem pela primeira vez, então irei explicar brevemente, eles são uma das orgulhosas convocações de nossa legião de Uller. Pode, obviamente, andar e, quando ele corre, não faz barulho, é por isso que eles são chamados de silêncios brancos. Eles também serão de grande ajuda na batalha”.

Assim como Gandur explicou, os silêncios brancos estavam realmente em silêncio. Foi um sentimento realmente maravilhoso de ver essas grandes bestas se movendo sem fazer barulho.

‘Todas as legiões têm sua convocação?’

‘Então, o que a legião de Idun pode convocar?’

‘Espere, será que temos um?’

Heda não lhe havia dito nada, e a legião de Uller era uma legião de caçadores, por isso era compreensível para eles ter lobos, mas não era o caso da legião de Idun. A única coisa em que ele poderia pensar agora era em uma macieira.

‘Que tipo de animais a legião de Odin tem?’

Não seria um animal realmente legal já que ele é o rei dos deuses?

Enquanto Tae Ho estava pensando em uma coisa diferente, os Guerreiros montaram os silêncios brancos, um a um. Embora fossem caçadores completos e minuciosos, excluindo Siri e alguns outros, os demais cavalgaram os lobos de forma bastante desajeitada.

“Tae Ho, apresse-se e monte. O sentimento é realmente bom ao montá-lo.”

Rolph, que tinha uma postura desleixada, disse com um rosto que dizia que ele morreria de felicidade. Tae Ho assentiu uma vez e depois montou no silêncio branco.

【Saga: Aquele que Pode Manipular Dragões】

Gandur disse em voz baixa, mas como ele estava perto dela, ele podia ouvir tudo o que ela havia dito. Talvez, Heda não devesse se preocupar apenas com Rasgrid, mas com Gandur também.“Você realmente é hábil. É como Rasgrid e Reginleif disseram. Eu realmente quero você.”O silêncio branco que estava ao seu lado em primeiro lugar não resistiu a ele. E no momento em que ele ativou a saga, sua postura foi corrigida automaticamente.

 Além disso, Siri estava mostrando o mesmo olhar que Gandur. Rolph também pareceu pensar que seria bom se ele estivesse na mesma legião que Tae Ho.

Quando Tae Ho pensou no rosto de Heda e virou os olhos, Gandur sorriu e disse.

“Um guia, do lado das fadas, virá com você. Siga-o.”

Assim que ela terminou de falar, uma fada das trevas em um cavalo preto se aproximou deles. Ela não era uma beldade com a pele de cobre como Tae Ho esperava, era um jovem bonito com pele violeta clara.

“Mesmo assim, ele é semelhante aos elfos escuros que conheço”.

Suas orelhas eram pontiagudas, o rosto era bonito e seu corpo era magro. Sua pele tinha uma cor violeta clara que tinha dado um sentimento de palidez e o cabelo prateado que combinava bem com sua pele.

A fada das trevas que estava vestindo uma armadura de couro marrom colocou a mão direita no peito esquerdo e saudou, talvez porque todos os outros estavam montando seus lobos.

“Eu sou Tollaris da família Mollo. Vou liderá-lo até a casa da nossa família”

“Eu sou Siri, da legião de Uller. Estaremos aos seus cuidados.”

Depois que Siri também bateu em seu peito expressando seus costumes, Tollaris assentiu e olhou para Gandur.

“Valquírias Gandur, partiremos imediatamente”.

“Deixe a benção de Uller estar com você”.

“Deixe a benção de Uller estar com Gandur!”

“A Valquíria de nossa legião é certamente a melhor!”

“Nós iremos!”

“Vamos lhe trazer o couro do Basilisco como presente!”

Quando Gandur acenou sua mão e se despediu, os guerreiros da legião de Uller levantaram as vozes e responderam de volta. Era difícil, mas você podia sentir seu carinho em relação à Gandur, a Valquíria da legião de Uller.

Tollaris apenas olhou para eles em silêncio e depois avançou para frente. Como Siri o seguiu de perto, os guerreiros também começaram a segui-los.

Os silêncios brancos não eram apenas silenciosos, mas rápidos. O cavalo que Tollaris montava era muito rápido, mas nenhum lobo ficou para trás. Não, em vez disso, parecia que eles eram mais rápidos que o cavalo em lugares volumosos que tinham raízes brotando.

No entanto, o melhor foi como você se sentia ao monta-los. Seu traseiro doeria quando você cavalgasse em um cavalo mesmo quando estivesse com sela, mas você não sentiu nada disso com os silêncios brancos quando mudou de direção de repente ou alterou a velocidade de forma abrupta, talvez por causa do seu pelo acolchoado.

Tollaris correu por um quarto por dia, enquanto descansava às vezes. Como seus arredores eram uma floresta completa e até mesmo o céu estava coberto, você não conseguia entender sua localização ou direção direito, mas eles estavam certos de que eles estavam bem longe do ponto de partida.

“Está por ali”.

Tollaris diminuiu a velocidade até o ponto em que quase estava caminhando e apontou para um lugar distante. Tae Ho, que tinha se acostumado com a floresta, enquanto chegava até aqui, poderia ver uma aldeia composta de casas de árvores.

‘É como uma aldeia de uma única família.’ 

A fada das trevas havia dito que todos os que residiam aqui tinham a linhagem da família Mollo. As fadas das trevas que guardavam a entrada olhavam os guerreiros de Valhalla com os olhos vigilantes, e os meninos espreitavam escondidos atrás das árvores.

E os guerreiros de Valhalla olharam para a aldeia com olhos curiosos em vez de se encolher por causa dos muitos olhares, exatamente como deveria ser um guerreiro de Valhalla.

Quando entraram profundamente na floresta, apareceu uma casa coberta de cercas.

“Vamos entrar.”

Quando Tollaris desceu do cavalo, Siri e os outros guerreiros também desceram dos silêncios brancos.

“Você pode simplesmente colocá-los nos estábulos. Apenas coloque-os longe dos cavalos”.

Siri disse para as fadas das trevas que estavam mostrando rostos complicados enquanto ponderava sobre o que fazer. Embora fossem convocações, parecia que a Valquíria era a única que poderia chamá-los como quisesse.

Depois de passarem pelos portões, ele viram uma enorme casa que tinha um amplo jardim. Era maravilhoso que eles ainda estivessem cobertos por ramos quando havia uma enorme casa.

“Vocês se preocuparam vindo até aqui. Sou Mallus, chefe da família Mollo.”

Um homem magro com uma impressão afiada os recebeu no pátio. Quando o homem acenou sua mão levemente, fadas das trevas bonitas apareceram e deram aos guerreiros um copo cada. Parecia que eles estavam dizendo a eles para aliviar a sua sede por ter percorrido um longo caminho.

Não havia nenhuma razão para os guerreiros de Valhalla recusarem-se já que eram loucos por  álcool. Siri também pegou pensando que um copo não faria mal.

Tae Ho também fez o mesmo. Mas quando ele estava prestes a colocar os lábios sobre ele.

Ele ativou os ⌠Olhos de um Dragão que Vê Através de Todas as Coisas⌡ igual a toda vez quando encontrava alguém.

O nome de Tollaris era verde. Havia muitas fadas das trevas que estavam na aldeia que tinham nomes cinza, isso significava neutralidade. Mas de qualquer forma, a maioria deles era verde ou cinza.

Mas era diferente para a casa.

【Subordinado de Utgard Loki[4]

【Fada das Trevas: Mallus】

Palavras vermelhas claras. Além disso, ele já havia visto o nome de Utgard Loki.

‘O gigante da Fortaleza Negra!’

Guerreiro Hgut de Utgard Loki.

Não havia tempo para pensar. Havia um inimigo em frente a eles, e eles estavam bebendo o álcool do inimigo.

“Capitã Siri!”

Tae Ho gritou e jogou o copo dele. Os guerreiros que já haviam tomado o álcool ficaram surpresos e se viraram para olhar para Tae Ho, e Rolph abriu os olhos como se estivesse nervoso. No entanto, Siri era diferente. Ela jogou fora seu copo e também cuspiu o álcool em sua boca.

Mallus olhou para Tae Ho. Ele não conhecia a saga de Tae Ho. No entanto, no momento em que viu os olhos de Tae Ho que estavam cheios de certeza, ele fez um rápido julgamento. Ele levantou o braço em vez de fazer uma desculpa descuidada. Palavras vermelhas começaram a aparecer nas paredes.

“Acertem-nos!”

“Parede de escudos!”

Mallus e Siri gritaram ao mesmo tempo. Os guerreiros de Valhalla levantaram seus escudos apressadamente e as fadas das trevas que apareceram de todos os lados dispararam seus arcos.

Tollaris e as fadas das trevas femininas que estavam perto deles olharam para o entorno com rostos agitados e foram atingidos pelas flechas e caíram.

As fadas das trevas gritaram. A casa estava cheia de palavras verdes, palavras cinzentas e palavras vermelhas.

“Selem a porta!”

“Estamos escapando!”

Mallus e Siri gritaram ao mesmo tempo novamente. As fadas das trevas que foram nomeadas em cinza correu para o portão, e alguns dos guerreiros se esconderam nos escudos e dispararam suas bestas nas fadas das trevas que estavam tentando fechar o portão. Siri puxou para trás a parede de escudo e depois tocou sua trombeta.

Os silêncios brancos reagiram a esse som que se parecia com o vento. Eles mataram ou derrubaram as fadas das trevas que tentaram amarrá-las e correu para o quintal e chegaram à frente do grupo.

“Tae Ho! Pegue a liderança!”

Siri disse enquanto montava o silêncio branco apressadamente. Foi porque ela confiou nos olhos de Tae Ho.

“Vamos!”

Tae Ho olhou para os portões meio fechados e gritou. Os silêncios brancos avançaram silenciosamente.

“Feche os portões!”

Mallus gritou de novo. As fadas das trevas correram para a entrada, e Rolph e os guerreiros levantaram suas bestas novamente. Uma chuva de flechas ainda estava caindo sobre suas cabeças.

Tae Ho apenas olhou para frente e avançou. Ele não esquivou as flechas vindo da frente. Ele atravessou o portão e estendeu a mão esquerda. Ele ativou a magia rúnica esculpida!

Runa do Vento.

Um vento forte surgiu do braço esquerdo de Tae Ho.

< Capítulo 01 – Svartalfheim (1) > Final


Capítulo Anterior || Índice || Próximo Capítulo

Notas:

[1] Nidavellir, “os campos escuros,” é a terra dos anões na mitologia nórdica. É frequentemente confundido com Svartalfheim, no entanto, este trata-se do mundo dos svartálfar (Elfos Negros). Nidavellir fica nos subterrâneos de Midgard mas separado de Niflheim e de Svartalfheim. É inteiramente habitado por anões que moram em montanhas e casas subterrâneas. É o lar de grandes ferreiros que fazer armas e joias para os deuses.

[2] Dvergr é um nome nórdico que significa dwarf (anão em português).

[3] Em algumas descrições, como em bestiários europeus e lendas clássicas, o basilisco (em grego: βασιλίσκος; transl.: basilískos , “pequeno rei”) é considerado uma serpente fantástica.[1] Plínio, o Velho, descreve-o como uma serpente com uma coroa dourada e, no macho, uma pluma vermelha ou negra. Outros autores que o citam são Marco Aneu Lucano e o médico Dioscórides. Solino e Cláudio Eliano falam do monstro no século III e Arnóbio e Aécio no V. Aeliano introduz o galo no mito, detalhe que cresceria em importância até o ponto de modificar enormemente a criatura na Idade Média. Nessa época o basilisco era representado como tendo uma cabeça de galo ou, mais raramente, de homem. Para a heráldica, o basilisco é visto como um animal semelhante a um dragão com cabeça de galo e de olhar mortífero; em outras descrições, porém, a criatura é descrita como um lagarto gigante (às vezes com muitas patas), mas a sua forma mais aceita é como uma grande cobra com uma coroa. O basilisco seria capaz de matar com um simples olhar. O único jeitos de matá-lo seria fazendo-o olhar seu próprio reflexo em um espelho. Mais Informações: Basilisco

[4] Na mitologia nórdica, Útgarða-Loki (ou Utgarda-Loki) é um gigante, mestre do castelo Útgarðr (Utgard) em Jotunheim. Jotunheim é o mundo dos gigantes.

Próximo Capítulo