Selecione o tipo de erro abaixo

Capítulo 275 –  Corpo Celestial

Tradutor: Cybinho

Yushang acordou lentamente.

A primeira coisa que ela notou foi que estava confortável. Sentia uma leve dor em algum lugar de suas entranhas, com certeza, mas a cama era macia e o quarto estava quente.

Ela já havia se machucado gravemente na academia antes. Seu esterno estava quebrado em dois e a maior parte de suas costelas estava quebrada. Tudo o que ela lembrava daqueles dias após o ferimento era a névoa da dor e o quarto frio e escuro. Ela passou a maior parte do tempo encolhida contra a parede, a espada apoiada no ombro, para o caso de alguém ter alguma ideia.

Ela estava sozinha, sem ninguém além de si mesma em quem confiar.

Dois dedos quentes roçaram seu pescoço. Yushang congelou. O jovem Mestre Zang Sheng a queria—!

Seus olhos se abriram, apenas para encontrar um par de olhos escuros e familiares. Eles estavam em uma sala do Pavilhão Médico.

“Você está bem, Yushang. Você não está em perigo aqui”, sussurrou Ri Zu.

Yushang instantaneamente se acalmou com a voz e o toque de Ri Zu, a onda de adrenalina de pensar que ela poderia ter que lutar desapareceu. Ela olhou ao redor da sala com curiosidade.

“Cara, você tem muita energia se já está acordada,” Biren zombou de onde a estava observando.

Yushang riu. “Você me conhece! É o meu charme!” ela declarou com um sorriso torto.

Gordo Han riu de seu lugar ao lado de Biren. Shao Heng, de pé com os braços cruzados, riu.

“É bom ver você acordada, pirralho”, disse o homem mais velho.

Yushang sorriu, seu peito estava quente e confuso… antes que a realidade da situação se reafirmasse mais uma vez.

“É bom ver todos vocês, mas o que está acontecendo com…”

Os dedos de Ri Zu tocaram os lábios de Yushang. “Não se preocupe. Bi De está cuidando disso”, a voz de Ri Zu não estava cheia de convicção, mas de fé pura e sem dúvida. “Podemos assistir amanhã; você estará bem o suficiente para se mover então. Por enquanto… descanse. Seus amigos cuidarão de você.”

Yushang piscou para afastar a umidade que se acumulava no canto dos olhos. Ela mordeu o lábio.

Ela sabia que era um absurdo, que seus amigos não pudessem enfrentar o Jovem Mestre, mas apesar disso… ela não conseguia deixar de sentir que as coisas iriam ficar bem.

====================================

Bi De sentou-se com os braços cruzados enquanto os aplausos ressoavam da multidão como o trovão de uma tempestade. Ele foi o último competidor no grupo dos Discípulos Internos.

A primeira luta das semifinais estava bem encaminhada. Zang Sheng estava demonstrando habilidade consumada – assim como seu servo. Chengang era um dervixe((Um dervixe é um praticante aderente ao islamismo sufista, que segue o caminho ascético da “Tariqah”, conhecidos pela sua extrema pobreza e austeridade. Não faço ideia do que o autor quis dizer aqui)) com seu glaive, desviando raios e atacando seu Jovem Mestre.

A multidão estava adorando cada momento, uivando enquanto se exibiam… mas Bi De percebeu que nenhum deles gostou particularmente. Bi De não conseguiu extrair nada de útil deles, tanto que eles estavam se segurando.

Os olhos de Sheng sangravam de frustração — assim como os de Chengang.

E então, depois de mais relâmpagos, a mulher foi derrotada. “Trocarei dicas com você adequadamente mais tarde”, Sheng grunhiu para a mulher. Ela assentiu e então ele voltou os olhos para Bi De.

Eles estavam estranhamente famintos.

E então, a única outra luta do dia foi convocada, a dele. Mais tarde naquele dia, haveria uma competição de refinamento de pílulas e uma batalha de artefatos; coisas que poderiam ter despertado o interesse de Bi De antes, mas agora… ele não prestou atenção nelas.

O locutor era um ruído de fundo enquanto gritava o nome de Bi De. Ele olhou para a multidão, para onde seus amigos estavam sentados. Yushang acenou para ele e murmurou algo que parecia “torcer o pau” enquanto fazia um movimento bastante vulgar com o braço.

Bi De sentiu um pequeno sorriso se formar em seu rosto antes de desaparecer e ele olhou para seu oponente.

Bi De enfrentou um homem no Quarto Estágio do Reino Profundo. O homem que enfiou uma espada no peito de Yushang.

Embora ele pudesse ver que ela estava bem… isso não reduziu em nada o fato de que o homem tinha feito isso de propósito, sob as ordens de Zang Sheng.

Era algo que seria respondido.

O homem parado em frente a Bi De sorriu para ele.

“Hum. Com determinação e intenção como essa, não admira que você tenha atraído os olhos do meu Mestre. Você vai se vingar sua mulher?” Shaoqing perguntou. Ele parecia estranhamente ansioso.

“Eu usaria a palavra justiça, embora duvide que um homem como você pense muito no seu significado”, respondeu Bi De agradavelmente.

Shaoqing bufou. “Você pode ter um cultivo mais elevado, mas seu coração mole será sua ruína. Um homem deve ser de aço e valorizar apenas a força. Algo que você aprenderá. Pois mesmo que o seu cultivo seja mais elevado, uma base sólida e uma vontade podem preencher essa lacuna.”

Bi De colocou os braços atrás das costas. “Veremos.”

O gongo ressoou.

Tanto Bi De quanto seu oponente explodiram em movimento. Uma perna envolta pelo luar encontrou a lâmina de Shaoqing… e os olhos de Shaoqing se arregalaram quando a lâmina parou fria, rachaduras irradiando de sua borda enquanto o cultivo e controle superiores de Bi De faziam a lâmina tremer.

“Embora você esteja correto em um aspecto. Uma boa base e uma vontade forte podem preencher uma lacuna.”

Shaoqing recuou.

[Roda da Lua Crescente]

A outra perna de Bi De se ergueu, a prata seguindo em seu rastro para atingir o outro lado da lâmina de Shaoqing.

A espada quebrou. Fragmentos de metal dispararam no ar e desceram como folhas caindo.

Bi De esperava nervosismo. Ele esperava que seu oponente fosse intimidado; a maioria parecia estar, quando um oponente além deles foi revelado.

Mesmo assim, Shaoqing apenas sorriu e ergueu os punhos.

Os olhos de Bi De se estreitaram. E então ele avançou.

Shaoqing era forte. Shaoqing era habilidoso e estava claramente acostumado a lutar contra oponentes mais poderosos do que Bi De. Mas Bi De não seria negado. Ele lutou com seu Grande Mestre e treinou com Mestre Shen Yu. Mesmo que esta forma não fosse a sua preferida, ele ainda era superior a Shaoqing.

Uma perna bateu no braço de Shaoqing e o homem mal estremeceu, mesmo quando Bi De sentiu os ossos quebrarem. A retaliação do homem atingiu apenas o ar, e então ele soltou um suspiro quando o joelho de Bi De bateu em seu esterno.

O corpo de Shaoqing faiscou e explodiu em raios – apenas para que esse raio fosse absorvido inofensivamente pela armadura prateada.

Bi De não perdeu tempo com ostentações ou humilhando seu oponente. Afinal, embora Shaoqing fosse a lâmina, foi seu mestre quem lhe ordenou que atacasse Yushang.

Foi sombrio. Foi metódico. Bi De desmantelou seu oponente enquanto conservava sua energia. Ossos quebraram. O sangue respingou e Shaoqing foi destruído.

No final, um chute ascendente atingiu a mandíbula de Shaoqing. A multidão rugiu em aprovação. Yushang teve que ser puxada de volta para seu assento enquanto se movia mais do que deveria. Os colegas Discípulos Internos de Bi De aplaudiram. Fengfeng estava abanando o rosto.

Bi De virou-se para Sheng. Ele esperava ver alguma emoção no rosto do homem.

O sorriso do homem era largo e faminto, seu poder arranhando o canto da alma de Bi De.

=========================

Naquela noite, Bi De simplesmente meditou e se preparou.

Com toda a honestidade, ele não esperava investir realmente no torneio. Foi uma distração. Um papel que ele desempenharia para experimentar o verdadeiro mundo do cultivo.

Se Sheng não tivesse… desejado Yushang, ele provavelmente teria simplesmente desistido.

Mas em vez disso, haveria uma batalha.

Uma que Bi De não tinha certeza se venceria… mas tanto para ele quanto para Yushang, ele teria que tentar de qualquer maneira.

==============================

O sétimo dia amanheceu.

O estádio estava lotado. Os cristais projetaram a arena em outras áreas da seita, para aqueles que não conseguiram comparecer ao torneio em si.

Os mortais tiraram folga do trabalho para se voltarem em direção à montanha.

E um homem chamado Velho Ling estava bastante triste por seu companheiro de bebida não ter aparecido hoje.

====================================

“E agora – o momento da verdade! A batalha final! O invencível e indomável Jovem Mestre da nossa seita! Zang Sheng! Contra nosso recém-chegado! Uma estrela em ascensão! Fa Bi De!”

Bi De ficou em frente ao seu oponente, um homem que estava praticamente vibrando. Assim que as apresentações terminaram, ele se voltou para o camarote do Ancião.

“Patriarca, posso finalmente parar de me conter?” Sheng exigiu, olhando para a caixa que continha o Mestre da Seita Montanha Oculta.

O homem estudou Sheng por um momento.

“Sim. Mostre a todos o poder da Seita da Montanha Oculta”, declarou ele, e então acenou com a mão negligentemente.

O gongo soou pela última vez.

E assim que tocou, o poder explodiu de Zang Sheng. Todo o poder de um homem no Reino Espiritual foi usado contra um único oponente.

[Passos Trovejantes]

O instinto de Bi De gritou com ele quando, em vez de bloquear, ele se jogou para fora do caminho do ataque. Foi como um raio, tão rápido que Bi De mal conseguiu reagir em seu nível atual – mas conseguiu reagir, muito pouco.

[Artes de Fulminação: Fio de Ouro]

Apenas para que um raio irrompesse do punho de Sheng e estalasse contra a armadura de prata conjurada às pressas.

Bi De teria que agradecer a Yin pela técnica mais tarde.

No entanto, mesmo quando os ferrolhos se dissiparam, Sheng já estava se movendo novamente, avançando em direção à guarda de Bi De com a intenção de forçá-la a abrir. Foi implacável. Foi agressivo… e o pior de tudo, como Bi De foi forçado a ceder terreno, estava funcionando.

O estilo de luta desencadeado por Zang Sheng foi de choque e admiração. Nunca desistia. Bi De não conseguiu se esquivar da chuva de golpes – ele foi forçado a bloquear e desviar, e cada vez que os punhos de Sheng acertavam seus membros, ele sentia o impacto reverberando por todo o seu corpo.

Na primeira troca, Bi De sabia que estava em desvantagem.

Zang Sheng era mais rápido. Zang Sheng era mais forte.

Bi De diria até que Zang Sheng era mais habilidoso… e especialmente mais habilidoso nessa forma de luta.

Bi De utilizou todas as suas habilidades e todas as suas experiências para repelir o ataque das garras de Tigu e das lâminas de Xiulan. Ele defendeu com suas mãos ainda não completamente familiares e teceu combinações de ataque com os mínimos detalhes do espaço.

Bi De precisava de espaço. Ele precisava interromper o ataque de Sheng.

[O Nascer da Lua Crescente]

Bi De recorreu à sua técnica mais útil. A técnica que derrotou Basi Bu Shi, Chow Ji, Sun Ken e fez Zang Li hesitar.

Tão certo quanto a lua, a perna de Bi De se ergueu em um golpe devastador que chegou a cortar o rosto de Shen Yu.

Zang Sheng pegou a perna de Bi De. Seu braço começou a ceder. Sua pele queimou levemente.

Mas o Jovem Mestre resistiu.

Pela primeira vez desde que aprendeu a técnica, o nascer da lua foi interrompido.

Bi De só teve tempo de respirar quando Sheng bateu com o punho na mandíbula de Bi De. Por um breve instante o mundo explodiu em estrelas. Ele sentiu suas costas baterem no chão e Bi De forçou a desorientação a desaparecer nem um segundo antes.

Sheng não lhe deu tempo para se recuperar quando um chute devastador atingiu os braços cruzados de Bi De.

===========================

Ri Zu assistiu a batalha que se desenrolava em uma tela de cristal. Ela estremeceu a cada golpe que acertou e seus olhos se fixaram em cada hematoma e respingo de sangue.

Ela sabia que Bi De poderia se machucar. Ela sabia que ele sofreria danos, ela já o havia curado várias vezes.

Mas mesmo assim, Bi De sempre se superava. Mesmo quando ele estava meio morto por envenenamento, ela sabia que podia confiar nele.

Ela tinha tanta certeza de que mesmo com uma diferença de reino entre os dois, ele prevaleceria.

No entanto, agora Bi De estava perdendo. Ele estava perdendo feio.

Mesmo que ele tenha conseguido revidar com um ou dois golpes. Mesmo que ele ainda não tivesse se machucado.

Ele estava perdendo.

E ainda assim… o coração de Ri Zu estava estranhamente calmo.

==========================

“Impossível! Impossível! Em todos os meus anos, nunca vi uma luta como essa! A força do nosso Jovem Mestre é avassaladora! Mas Bi De se segura pela pele dos dentes! Verdadeiramente, os discípulos da Seita Montanha Oculta são incomparáveis!” O locutor rugiu.

A multidão estava de pé. O mundo era uma parede de som.

Zang Fengfeng assistiu tudo, com a mão no peito. O cabelo de Bi De era uma bandeira vermelha enquanto ele disparava pela arena, desviando dos golpes de Sheng. A própria Fengfeng mal durou segundos a única vez que ela brigou com seu primo – e aqui estava Bi De, apenas no Reino Profundo, e sobrevivendo.

Céus, ele era um homem. Mesmo que perdesse para o primo dela, ele estava realizando um feito digno de uma lenda. Talvez ela pudesse até convencer Sheng a deixá-la… pegar emprestado o que certamente seria seu novo servo.

Mas, eventualmente, mesmo os feitos mais heróicos não poderiam durar para sempre.

Bi De cometeu um erro. Ele levou um golpe e se jogou para trás um pouco longe demais… e Fengfeng sabia o que estava por vir.

[Dilúvio Celestial]

Os olhos de Bi De se arregalaram quando uma parede de relâmpagos desceu dos céus.

[Égide da Lua Cheia]

A lua apareceu na arena em toda a sua glória. O relâmpago encontrou a face da lua. Um relâmpago. Dez relâmpagos. Cem relâmpagos. O solo ao redor da lua rachou e se despedaçou. O ar gritou em protesto. Fumaça e detritos encheram o ar. Ela podia ouvir Bi De rugindo sob seu escudo, segurando-o e esforçando-se como se estivesse segurando o próprio céu.

No entanto, mesmo sob este ataque, a lua resistiu. Seu rosto estava marcado e cheio de cicatrizes — mas estava lá. A luz prateada se dissipou e Bi De caiu de joelhos.

Ele estava totalmente exausto. Ele foi derrotado. Sheng se aproximou e, pela primeira vez desde que o viu, seu primo parecia realmente feliz ao erguer o punho para encerrar a luta.

==============================

A mente de Yun Ren trabalhava a mil por hora. Ele deveria ativá-lo agora? O choque impediria que Bi De se machucasse gravemente? Sheng estava sorrindo como um bastardo certo

Yun Ren estava prestes a puxar o gatilho quando uma voz cortou os rugidos da multidão.

Realmente? É isso, garoto?” perguntou a voz, parecendo ao mesmo tempo divertida e desapontada.

Tudo e todos congelaram. Os olhos de Sheng se arregalaram comicamente quando ele interrompeu seu avanço, procurando instantaneamente quem havia falado.

A cabeça de Yun Ren girou, procurando quem havia falado – quando ele vislumbrou algo que se destacou de forma hilariante, mas ele simplesmente não foi capaz de perceber.

Havia um velho descansando no telhado do camarote do Ancião. Ele estava deitado de lado, a cabeça apoiada no braço sobre um cobertor. Havia uma tigela cheia de ensopado ao lado e na mão ele segurava uma cabaça de álcool.

Lentamente, um sorriso começou a se espalhar pelo rosto de Yun Ren.

=============================

Realmente? É isso, garoto?”

A pergunta de Shen Yu perfurou a exaustão de Bi De. Perfurou a dor que atravessava seus braços.

Bi De estava de joelhos. Ele foi derrotado.

No entanto, ele ainda tinha mais uma carta para jogar. Ele relutava em usá-lo sem grande necessidade… mas se Shen Yu estava aqui agora, significava que seu tempo na Montanha estava chegando ao fim.

“Não, ainda não terminei”, respondeu ele.

Ele precisava se esconder. Ele precisava se infiltrar. Ele havia se limitado, preso em um corpo não natural. Esgueirando-se e escondendo seu verdadeiro eu.

A lua não se escondeu. O sol não se escondeu.

Todos os que olhavam para os céus conheciam a sua glória.

Bi De respirou fundo, estendeu a mão e quebrou o selo.

A luz envolveu seu corpo.

================================

Zang Sheng deu um passo para trás quando seu oponente ativou uma técnica.

Foi por isso que Sheng odiava se conter; se ele não destruísse completamente um adversário… então eles teriam uma chance. Uma chance como essa.

Ele lançou seus sentidos para frente, antecipando um ataque… mas não foi um ataque.

Foi um avanço.

Um avanço no meio da batalha. Zang engoliu em seco ao sentir o Qi de Bi De subir para o Reino Espiritual.

E então, para o Segundo Estágio.

Ele sentiu seu coração trovejar no peito, preparando-se para o que quer que viesse daquela luz.

Ele olhou enquanto a técnica desaparecia, olhando para o resultado. E então ele fez uma pausa. Sua boca se abriu. Um pouco de ranho escorreu de seu nariz. Ele sentiu o sangue começar a subir por sua garganta ao ver o impossível.

===========================

Ele não estava sozinho.

Toda a multidão olhou para o que apareceu na arena. Zang Fengfeng derramou vinho na frente do vestido. Zang Zhong vomitou sangue no homem à sua frente. Os olhos de Liao Yushang ficaram completamente vazios. Che Han deixou cair o bolinho que estava comendo estressado, enquanto Shao Heng parecia completamente confuso.

Pois onde antes estava o homem bonito Bi De, agora havia algo completamente diferente.

O que estava na arena não era um homem, mas um galo orgulhoso e ereto. Ele usava um colete de pele de raposa e uma corrente de prata no pescoço. Sua plumagem era da cor do fogo. Sua cauda era a mais linda do jade.

Uma existência que igualava com Zang Sheng; o homem que seria o próximo Patriarca da Seita Montanha Oculta.

Era…

“Um frango?! ”A Seita da Montanha Oculta rugiu como um só.

Olá, eu sou o Cybinho!

Olá, eu sou o Cybinho!

Comentem e Avaliem o Capítulo! Se quiser me apoiar de alguma forma, entre em nosso Discord para conversarmos!

Clique aqui para entrar em nosso Discord ➥