Selecione o tipo de erro abaixo


『 Tradutor: Otakinho 』

A batalha em Jintha’Alor durou duas horas.

À medida que a cortina da noite caía lentamente sobre a terra, as vozes e os sons das batalhas começaram a desaparecer da floresta, primeiro ficando mais suaves antes de se transformarem em um silêncio mortal.

Os adeptos empregaram as estratégias apropriadas e vieram preparados. Assim, não demorou mais de uma hora para os elfos passarem da resistência obstinada à derrota completa. A hora restante foi puramente para lidar com as criaturas mais duras de Segundo Grau.

Apesar de ser o líder do clã Carmesim e o comandante-chefe desta operação, Greem também participou pessoalmente da batalha e sentiu o gostinho do prazer de derrotar potências do mesmo grau.

O ambiente sinistro e perigoso do Mundo Adepto levantou um grupo de adeptos temíveis que aprenderam os métodos do assassinato. Essas pessoas que vieram de outro mundo quase não tinham fraquezas aparentes para serem exploradas. Em comparação, os elfos da floresta que viviam no Continente Garan do Plano Faen tinham fraquezas tão óbvias quanto seus pontos fortes.

Se esta batalha tivesse sido apenas uma luta interna no plano, então ainda poderiam usar sua compreensão do inimigo e de seu campo de origem para obter alguma vantagem. No entanto, quando seus oponentes eram adeptos de elite vindos de outro mundo, a pouca vantagem que normalmente teriam, sumiria instantaneamente sem deixar vestígios.

O mestre de armas tinha um corpo ágil, técnica de armas especializada, ataques precisos e habilidades surpreendentes em combate. Infelizmente, seu corpo era muito frágil. Sua resistência mágica também não acompanhava. Ele não conseguia nem se estabelecer dentro do incrivelmente poderoso Anel de Fogo de Greem, muito menos exibir seu poder.

A Pistoleira enfrentou o mesmo problema.

Suas habilidades com arco e flecha eram genuinamente milagrosas. Ela poderia intimidar casualmente o lento e desajeitado Demônio Flamejante de todas as maneiras. Infelizmente, ela também tinha o problema de um Físico insuficientemente poderoso. Além disso, comparado ao mestre de armas, seu corpo era ainda mais fraco e frágil, tanto que mesmo ventos fortes poderiam derrubá-la no chão.

As Bolas de Magma e os Pilares de Chamas que Greem lançou casualmente poderiam facilmente cobrir uma área de dez a vinte metros. Esses feitiços de fogo que atingiram níveis de poder de mais de duzentos pontos foram um desastre para a Pistoleira. Mesmo um pequeno contato com eles significaria a morte para ela.

Consequentemente, seu corpo atlético e seus movimentos foram inteiramente gastos em evitar o feroz bombardeio inimigo. Quanto a parar para causar algum dano? Infelizmente, tal oportunidade nunca se apresentaria a ela.

Além disso, o Demônio Flamejante em que Greem se transformou pode ser um pouco lento, mas não teve problemas em lutar contra dois elfos simultaneamente com seu imprevisível Teletransporte de Fogo.

O mestre de armas atacava ocasionalmente a lateral de Greem e desencadeava um combo contra ele, e a Pistoleira também liberava todo o seu poder e usava temíveis flechas explosivas para criar rachaduras por todo o corpo do Demônio Flamejante. Infelizmente, a pressão do Anel de Fogo e dos feitiços de fogo impossibilitou para ficarem perto de Greem e atacarem continuamente. Eles só podiam entrar, lançar uma série de ataques e fugir rapidamente.

Caso contrário, apenas o dano acumulado pelas chamas a volta de Greem seria demais para lidarem!

Na verdade, os dois elfos já haviam perdido o momento em que não conseguiram suprimir a feroz produção de fogo de Greem.

Os feitiços de fogo eram um talento mais adequado para a guerra na maioria dos planos!

Um adepto de fogo como Greem transformaria todo o campo de batalha em um palco para seu desempenho desenfreado se fosse capaz de lançar Elementium de fogo ao seu redor incondicionalmente.

Os únicos presentes no campo de batalha que poderiam limitar a produção selvagem de Greem eram os dois unicórnios jovens.

Infelizmente, estavam sendo pardos ​​pelo imponente Zacha; eles não eram mais capazes de apoiar os dois elfos. Se alguém fosse honesto, mesmo os dois juntos não enfrentariam probabilidades otimistas contra um Draconato de Segundo Grau com poderosa Força, Físico extraordinário e excelente resistência mágica.

Se os unicórnios tivessem que ser categorizados em alguma forma de unidade de combate, seriam bestas mágicas de suporte que lutavam corpo a corpo.

Eles tinham muito poucas habilidades ofensivas. A maioria de suas habilidades eram habilidades de suporte que purificavam ou dispersavam condições. Seus principais meios de ataque eram Ataque de Chifre, Luz Cegante e Investida. Foi por isso que geralmente usaram seus ataques cegantes em conjunto com seus ataques corpo a corpo em combate.

Esse tipo de poder permitiu que lidassem rapidamente com a maioria das bestas mágicas sem cérebro da floresta. No entanto, pareciam um pouco inúteis quando usado ​​contra um Draconato tão bárbaro e poderoso.

Ignorando suas habilidades de suporte, a Força e Físico de Draconato esmagaram completamente os de unicórnio. Se lhes fosse permitido entrar em combate corpo a corpo sem restrições, os unicórnios, com os seus meios de ataque simplistas e imutáveis, seriam sem dúvida os que teriam a pior mão. Se não fosse pelos ataques que fizeram com que Zacha ficasse cego ocasionalmente, esses dois unicórnios já teriam sido jogados no chão pelo Draconato e esmagados até virarem poupa.

Só isso já era prova mais que suficiente da diferença na qualidade dos graus das criaturas de dois planos diferentes!

Os adeptos de Segundo Grau do Mundo Adepto não tinham problemas em destruir dois indivíduos de Segundo Grau de Faen ao mesmo tempo. Contra esses seres um pouco mais fracos, não teriam problemas em esmagar três oponentes ao mesmo tempo.

A batalha entre a bruxa das trevas de Segundo Grau e os dois mestres druidas de Segundo Grau estava acontecendo da mesma maneira que todas as outras lutas. A bruxa das trevas tinha obviamente a vantagem. Não importava como os mestres druidas se transformassem em lobo e águia, respectivamente. Seus ataques eram afiados e ferozes, mas ainda foram suprimidos pelos muitos estranhos poderes das sombras da bruxa das trevas. Era tanto que nem conseguiam recuperar o fôlego.

Depois que os elfos mais fracos foram derrubados e capturados pelas máquinas mágicas, essas criaturas da natureza de Segundo Grau começaram a entrar em pânico.

Alguns queriam sair do cerco e alguns queriam continuar lutando, enquanto outros queriam capturar bruxas como reféns para trocar por seus companheiros. A total perda de moral levou ao impasse mal mantido desmoronando completamente!

O primeiro a avançar ainda era Greem.

Como líder do Clã Carmesim, o poder e os recursos que acumulou estavam muito além do alcance de seus oponentes.

Quando viu o céu se aproximando rapidamente do horário combinado, Greem mostrou sem hesitação seu primeiro trunfo.

Golem Elementium de Segundo Grau!

Desde que avançou para o Segundo Grau, vinha realizando várias tarefas. Ele praticamente não teve tempo para se acalmar e se concentrar na pesquisa de seus fundamentos – a criação de Golems. Foi somente graças aos longos cálculos e otimização do Chip antes desta viagem ao outro mundo que conseguiu colocar em uso alguns métodos funcionais de criação de Golems de Segundo Grau.

Ele acumulou um lote de núcleos de cristal Elementium de Segundo Grau durante seu tempo no Clã Sarubo. Adicione a esse número os núcleos que Snorlax comprou, e o número total de núcleos de cristal Elementium de Segundo Grau chegou vinte e três unidades.

Depois de muitas noites sem dormir e fracassos constantes, nasceu o primeiro Golem Elementium que alcançou o Segundo Grau.

O Demônio Flamejante do Terror!

Na verdade, o primeiro Golem Elementium de Segundo Grau que Greem criou foi um Demônio Flamejante do Terror que copiou suas próprias habilidades e forma pós-transformação. Quando Greem lançou o Demônio Flamejante do Terror, dois demônios aterrorizantes, quase iguais, ficaram um ao lado do outro no campo de batalha.

Eles jorraram chamas de Elementium quase sólidas de todos os seus corpos. Eles avançaram com suas grossas pernas de magma forjadas de lava e fogo e balançaram seus corpos de cinco metros de altura, passeando casualmente pelo campo de batalha como divindades.

Onde quer que andassem se transformaria em um mar ardente de fogo sob o calor intenso e abrasador das chamas Elementium; eles nem precisaram levantar um único dedo. O solo sobre o qual estavam iria rachar e quebrar ao ser queimado, e grandes aglomerados de lava subterrânea surgiriam do subsolo.

O poder de Greem dobrou instantaneamente com a ajuda deste Demônio Flamejante do Terror de Segundo Grau.

A situação colocou os dois elfos que mal conseguiram mantê-lo afastado em uma posição difícil.

Os dois Demônios Flamejantes patrulharam o campo de batalha e iniciaram incêndios em uníssono. A cena aterrorizante e as fortes ondas de calor fizeram com que os rostos dos dois elfos azedassem instantaneamente.

Eles não tinham mais esperança de derrotar esse adepto. Tudo o que queriam agora era proteger os seus companheiros sobreviventes e ajudá-los a sair do cerco. Infelizmente, esse pensamento apareceu tarde demais em suas mentes!

Antes disso, os dois elfos sempre conseguiram ajudar um ao outro a escapar da perseguição de Greem quando usou seu Teletransporte de Fogo. No entanto, agora que dois Demônios estavam atacando-os em ondas de fogo, a frágil Pistoleira não tinha mais oportunidade ou ângulo para escapar.

Suas roupas e armadura pegaram fogo e metade de seus longos cabelos queimou. Greem jogou uma violenta Bola de Magma perto da Pistoleira. A onda de choque da explosão deixou a garota inconsciente.

O furioso mestre de armas queria atacar e salvar sua companheira, mas o Demônio Flamejante do Terror viu uma oportunidade e o derrubou com um golpe rápido de seu chicote de fogo. O Demônio então amarrou o elfo.

Os dois Demônios Flamejantes estavam mentalmente conectados, permitindo-lhes trabalhar juntos sem atrasos ou contratempos. O trabalho em equipe era perfeito.

Além disso, a aura da alma de Greem foi deixada dentro do núcleo do Golem, tornando mais fácil para ele controlar. Assim, quando estivessem lado a lado, qualquer um teria dificuldade em determinar qual era Greem transformado e qual era o Golem com base apenas na aparência e aura.

Quando a vitória foi decidida no campo de batalha central, as batalhas nas bordas da luta foram gradualmente concluídas.

O primeiro a retornar vitorioso foi naturalmente o Goblin Triturador que Tigule pilotou.

O Goblin Triturador estava em frangalhos neste momento, coberto de rachaduras, arranhões e amassados ​​de todos os tamanhos. A serra de metal em um de seus quatro braços também havia sido esmagada. Até a broca parecia um pouco torta. Um dos quatro pares de membros de metal quebrou. Faíscas elétricas podiam ser vistas brilhando onde o braço estava quebrado.

O Goblin Triturador pode estar em um estado terrível, mas seu oponente, o Guarda Madeira Morta de Segundo Grau, havia se transformado completamente em um tronco murcho. Seu corpo de madeira seco e rachado repousava no chão. Um buraco enorme foi perfurado em sua testa, e o coração da árvore de mil anos dentro dele foi arrancado. Estava batendo na mão do Goblin Triturador.

Era um coração de árvore de mil anos impregnado de poderosa energia da natureza. Era um material mágico valioso que muitos conjuradores procuravam.

De acordo com as regras anteriores, os despojos obtidos nas batalhas dos adeptos pertenciam a eles próprios. Como tal, Greem lançou um olhar e não prestou mais atenção. No entanto, quem diria que Tigule acenaria com a mão e jogaria o coração da árvore de mil anos em sua direção.

“Mestre, esta máquina mágica guerreira tem muitas peças que ainda precisam de melhorias e otimização. Contarei com o mestre a partir de agora!” A voz aguda de Tigule soou de dentro da máquina como se estivesse tentando agradar Greem.

Greem sorriu e não disse mais nada.

Ele se virou e jogou o coração da árvore para o Adepto do Clã Deserra, que acabara de chegar ao seu lado; ele fez Deserra armazenar o item adequadamente. O próprio Greem levantou a cabeça e olhou silenciosamente para o céu que estava prestes a escurecer.

A lua estava prestes a surgir…

[Combo: 20/200]

Olá, eu sou o Otakinho2!

Olá, eu sou o Otakinho2!

Comentem e Avaliem o Capítulo! Se quiser me apoiar de alguma forma, entre em nosso Discord para conversarmos!

Clique aqui para entrar em nosso Discord ➥