Selecione o tipo de erro abaixo

Isabella estava usando um vestido de cetim azul-celeste com detalhes em ouro brilhante. A parte inferior do vestido era revistada com pedras de diferentes cores, que brilhavam à luz como diamantes.

O vestido caía até seus tornozelos.

Ela usava um par de sapatos de couro preto que pareciam ter sido feitos sob medida para ela.

Nas laterais dos sapatos, havia um desenho de uma borboleta feito em pequenas pedras de ouro. A borboleta era azul-celeste, como o vestido, e tinha as asas abertas, como se estivesse voando.

Seu cabelo preto, curto e ondulado, estava preso em uma tiara de prata com detalhes em pedras brilhantes.

Ela também estava usando o par de brincos luxuosos que drake lhe deu de presente.

Quem a olhasse poderia imaginar que ela era filha de alguém importante.

“Se ela soubesse de onde vem esse vestido” pensou o drake olhando para ela que tinha um sorriso no rosto.

Ele olhou para Marc e sleek e disse.

— Podem voltar, avisaria assim que terminar aqui.

Isabella estava esperando por um elogio, mas até agora não recebeu nenhum.

Percebendo seu erro, o drake disse.

— Você está linda com essa roupa até parece uma princesa.

Um grande sorriso apareceu no rosto dela, mas dava para ver a curiosidade sobre o porquê eles estavam ali.

Percebendo isso, o portador jogou uma pista no ar.

— Vamos assistir algo que jamais esqueceremos. Bom, vamos indo, o caminho lá é um pouco distante. Então, vem cá.

Dito isso, ele a segurou pela cintura e a colocou em seu ombro.

Ao entrar na floresta, o portador caminhou até chegar ao ponto onde ele estava usando sua habilidade >levantar mortos-vivos<

Os quatro goblins esqueletos já haviam voltado, e atrás deles, uma pilha de três metros de altura com goblins mortos.

O cheiro era insuportável para Isabella, que colocou a mão para cobrir o nariz e então disse

— Tem o mesmo cheiro que o goblletooth.

Ela não estava errada. Goblletooth nunca havia tomado um banho em sua vida. Por isso, o cheiro que ele tinha era insuportável, podendo matar qualquer monstro de nível vinte.

— Hahahaha! Vamos sair daqui. Disse o portador.

Ele começou a caminhar novamente, enquanto Isabella balançava as pernas e cantarolava.

A noite cobriu a floresta por inteiro, deixando-a ainda mais sinistra.

Sem os goblins e Zinogarf lutando, o lugar estava tranquilo, sem um único barulho.

Devido a tudo que aconteceu, todos os animais e monstros de nível um que andavam solitários fugiram para longe.

Quando o goblin de nível seis usou sua habilidade única de >liberação de monstros<, apenas os goblins foram afetados, pois naquela área só havia eles.

>Controle mental< funciona da seguinte maneira.

Um goblin de nível seis pode controlar todos os monstros de nível um até os três.

Também havia casos em que um nível seis no pico controlava um nível quatro inicial.

Para um monstro com orbe controlar outro, ele precisa estar pelo menos cinco níveis acima.

Por exemplo, o Dragão Suzaku, ainda vivo, estava no nível dez intermediário. Ele podia controlar todos os monstros de nível cinco para baixo.

Mas também havia casos em que ele podia controlar um de nível seis inicial.

Com o passar do tempo, os dois avistaram alguns lupithiros fazendo a patrulha.

Os olhos de Isabella brilharam ao ver um par de lobos de dois metros passando por eles.

Os dois lobos tinham uma pelagem castanha clara, não era como a de Gorf, mas ainda, sim, eram imponentes.

— O que são essas coisas, maninho? Perguntou Isabella olhando para trás na esperança de ver os lupithiros.

Mas, não os avistava em lugar algum.

O portador ainda olhando para frente e caminhou disse.

— Eles são uns lobos, aí.

Ele guardava informações para não dar muitos spoilers, pois era uma surpresa para se guardar na memória pelo resto da vida.

Caminhando por alguns segundos, eles chegaram à tribo dos lunaworgs.

As vias da tribo estavam sendo iluminadas por tochas fixadas ao chão. As tochas eram feitas de ferro, mas o que chamou a atenção foi o formato: eram cabeças de lobos, com a boca apertada, fazendo com que o fogo saísse e iluminasse o lugar.

As tochas eram grandes e pesadas, e cada uma delas pesava cerca de dez quilos. Elas eram feitas de ferro fundido, e a boca dos lobos era feita de ferro forjado. O fogo queimava na boca dos lobos, e as chamas eram de um vermelho brilhante.

As tochas estavam colocadas em intervalos regulares ao longo das vias, e elas criavam um efeito de iluminação cênico. As chamas dançavam nas sombras, e o ar estava impregnado do cheiro de fumaça de madeira.

Todas as pessoas da tribo estavam usando um largo manto branco leitoso. Os mantos eram feitos de uma lã fina e macia, e eles caíam até os pés. As mulheres usavam um par de brincos com o desenho de um lobo. Os brincos eram feitos de prata, e eles tinham um lobo gravado no centro.

Os homens usavam uma faixa feita de couro, com o desenho de um lobo no centro. A faixa era feita de couro de lobo, e ela era amarrada na cintura.

Os mantos e as faixas eram a vestimenta tradicional da tribo dos lunaworgs. Eles representavam a cultura e a história da tribo.

Enquanto admirava o local, golf chegou perto deles e disse.

— Que o grande Deus o lobo os proteja.

Isabella olhou para ele e depois para Drake como se estivesse pensando “Temos que responder o quê?”

Percebendo o errado, o Golf disse rindo.

— Hahahahaha! Desculpa, é difícil para mim conversar com pessoas de fora da tribo. Bom, vocês podem responder assim ou não: Que ele esteja conosco.

Querendo entrar no meio, Isabella respondeu.

— Que ele esteja conosco.

Golf gargalhou novamente e depois de alguns segundos, ele disse.

— Essa menina sabe o espírito da coisa.

Foi neste momento que Drake apresentou Isabella, e eles conversaram por alguns minutos até que ele perguntou sobre Fergus.

Com isso, Isabella foi posta no chão, e os dois começaram a caminhar até a casa do líder.

Tudo aquilo era uma experiência inesquecível para Isabella, e ela estava aproveitando ao máximo.

O portador estava caminhando devagar, se fosse ele sozinho já teria chegado.

Após alguns instantes, eles chegaram e ficaram diante da porta da casa do líder Fergus Gollum.

— O que vínhamos fazer aqui, maninho?.

Isabella estava perplexa com o motivo de estarem ali, já que a atração principal estava do lado de fora.

— Você tem que aprender uma coisa, Isabella. Vou te falar um exemplo para que você entenda melhor.

Ela acenou com a cabeça esperando o ensinamento do seu maninho.

Então, ele começou.

— Nesta tribo, o líder se chama Fergus Gollum. Com isso, você deve mostrar respeito.

— Então, eu também devo mostrar respeito para a tia Beatrice? Perguntou Isabella.

— Você aprende rápido. Você deve mostrar respeito para todos que estão acima de você. Futuramente, você irá trabalhar ou até mesmo fazer outra coisa na vida. Mas, o que você escolher fazer, sempre terá um superior.

Ela acenou com a cabeça, sinalizando que havia entendido tudo o que ele estava falando.

Drake olhou para frente e bateu três vezes na porta. Ele esperou até que ela fosse aberta.

Passos leves eram audíveis caminhando no interior da casa até a porta. Quando ela foi aberta, revelou uma adolescente que ele nunca havia visto nas horas que estava na tribo.

— Bem-vindo, portador da morte, o líder está esperando por você na sala de estar.

Ela tinha cabelos loiros dourados, com mechas mais claras que caiam em ondas suaves sobre seus ombros. A franja era reta e curta, terminando logo acima das sobrancelhas. 

Seus olhos eram azuis como o oceano, com um brilho intenso que parecia hipnotizar quem a olhasse. A pele dela era clara e suave, como porcelana. Tinha um tom rosado nas bochechas que a deixava ainda mais bonita.

Ele acenou com a cabeça e depois que recebeu a permissão entrou na casa.

Isabella caminhava atrás dele em silêncio, mas seus olhos curiosos exploravam cada centímetro do interior.

Rapidamente, os três chegaram. O portador achou estranho porque havia duas novas pessoas de pé ao lado do líder.

— Puxe uma cadeira e sente-se, disse Fergus em um tom frio.

Isabella percebeu isso e olhou para Drake, que estava parado ao seu lado.

Picture of Olá, eu sou o Erick. Ks!

Olá, eu sou o Erick. Ks!

Comentem e Avaliem o Capítulo! Se quiser me apoiar de alguma forma, entre em nosso Discord para conversarmos!

Clique aqui para entrar em nosso Discord ➥