Selecione o tipo de erro abaixo

Após alguns bons minutos de descanso até sua cabeça parar de latejar com todo aquele excesso de poder e conhecimento que ele passou a ter sob seu controle, Alexander gastou mais 6 pontos de crescimento para presentear Ocean com as suas 5 habilidades de impulso corporal e o feitiço |Bênção de Mana|.

Querendo finalmente sentir o poder dos níveis que obteve, até mesmo para se recuperar mais rápido da dor de cabeça, Alexander começou a atribuir os seus pontos de atributo livre, que totalizavam mais de 1000 naquele momento.

[100 pontos adicionados a Vitalidade]

[200 pontos adicionados a Inteligência]

[200 pontos adicionados a Força]

[100 pontos adicionados a Defesa]

[350 pontos adicionados a Agilidade]

[115 pontos adicionados a Destreza]

* Ding! *

[Sua Vitalidade chegou ao máximo possível para um Goblin Dual-Core.]

[Seu HP chegou ao máximo possível para um Goblin Dual-Core.]

*

[Seu corpo está recebendo uma quantidade de HP que excede seu limite…] 

*

[Sua energia chegou ao máximo possível para um Goblin Dual-Core.]

*

[Seu corpo está recebendo uma quantidade de energia que excede seu limite…]

* Ding! *

 [Sua Inteligência chegou ao máximo possível para um Goblin Dual-Core.]

*

 [Sua mana chegou ao máximo possível para um Goblin Dual-Core.]

*

[Seu corpo está recebendo uma quantidade de mana que excede seu limite…]

 [Seu MP chegou ao máximo possível para um Goblin Dual-Core.]

*

[Seu corpo está recebendo um poder mental que excede seu limite…]

* Ding! *

 [Sua Força chegou ao máximo possível para um Goblin Dual-Core.]

* Ding! *

 [Sua Defesa chegou ao máximo possível para um Goblin Dual-Core.]

* Ding! *

 [Sua Agilidade chegou ao máximo possível para um Goblin Dual-Core.]

Sentindo o poder de vários níveis em atributos fluindo por seu corpo, Alexander sentiu uma sensação indescritível de estar vivo como nunca havia sentido antes. Mas ele não conseguiu desfrutar dessa sensação por muito tempo, pois logo sentiu os grilhões das restrições impostas à sua espécie atual.

As sensações de Alexander eram dolorosamente conflitantes. De um lado ele sentia o seu novo poder pulsando e fluindo, e do outro lado as algemas invisíveis que o restringiam e limitavam.

Não querendo pensar na sensação de estar restringido, Alexander tentou ocupar a sua mente com outras coisas e voltou-se para Diana. — Com a quantidade de monstros que caçamos, você tem mais do que direito a essa quantia. Então não se preocupe, Diana, esse foi o seu esforço.

— Aqui. Vá comprar a casa para os seus pais — disse Alexander ao pagar a parte de Diana do que eles obtiveram durante a viagem. E só a parte dela já superava 1 grande moeda de diamante negro. — Eles e você merecem.

— Muito obrigado, Alexander — agradeceu Diana enquanto olhava e admirava o seu pagamento. — Trabalhei muito para conseguir isso por mérito próprio, mas sei que se não fosse por você talvez não tivesse chegado até aqui…

— Eu finalmente posso começar a ajudar os meus pais — disse Diana, desatando a chorar enquanto segurava o item com o seu pagamento contra o peito.

— Eu já te disse isso muitas vezes — suspirou Alexander. — O máximo que fiz foi adiantar um pouco a sua jornada, porque você realmente tem talento. Tudo que você precisava era confiar mais em si mesmo.

— Você pode dizer e/ou pensar isso, mas para mim você foi o ponto de virada da minha vida — disse Diana, enxugando as lágrimas e abrindo um lindo sorriso.

— Então digamos que foi um bom esforço de equipe — brincou Alexander para aliviar o clima. — Agora vamos comprar a casa para os seus pais.

Terminando de enxugar as lágrimas e abrindo um sorriso, Diana assentiu e eles foram até a associação de comerciantes da cidade, que é responsável pela venda da maior parte dos imóveis e itens em geral da cidade.

Ao chegarem à associação, eles deixaram Ocean bem perto de uma das janelas e entraram para conversar sobre a possível compra de uma casa, o que foi surpreendentemente difícil, pois o atendente parecia mal-humorado e sem vontade de atendê-los.

Depois de fazer pouco caso de Diana por algum tempo, o atendente finalmente notou a identificação de prata no pescoço dela, o que fez ele virar para Alexander, que tinha um sorriso que não era um sorriso no rosto e uma identificação com 3 placas de prata no peito.

Sabendo o que significava ter 3 placas de prata na identificação, por ser morador de uma cidade aventureira, e sentindo a luz que entrava no prédio diminuir um pouco, o atendente virou-se para a janela e deu de cara com Ocean, que estava o encarando por sentir a animosidade de Alexander.

Engolindo em seco ao encarar Ocean, que já tinha mais de 1,70m de altura e era extremamente robusta, o atendente correu para chamar seu superior, que logo apareceu para substituí-lo.

O gerente, que se revelou extremamente habilidoso, entendeu rapidamente a situação e tentou resolvê-la o mais rápido possível, pois irritar aventureiros em uma cidade aventureira não lhe faria nenhum bem. Muito menos 2 aventureiros rank prata com um familiar de combate tão imponente.

— Desculpem o meu funcionário. Ele nem sempre é assim — disse o dirigente em tom conciliatório. — Vamos fazer assim: me digam o que vocês precisam e eu cuidarei disso o mais rápido possível e com 10% de desconto.

— Nós não pretendemos dificultar as coisas para você — garantiu Alexander ao gerente de maneira amigável. — Mas agradecemos e aceitamos o desconto de 10% que você ofereceu.

— Viemos aqui hoje porque ela quer comprar uma casa — explicou Alexander ao apontar para Diana.

Seguindo a deixa e tomando a palavra, Diana começou a listar as especificações que desejava para a casa: — 1º: Deve estar em bom estado e pronta para uso. 2º: Deve ter de 2 a 3 quartos, sendo pelo menos 1 quarto de casal. 3º: Deve ter cozinha, sala, pelo menos 1 banheiro interno, quintal amplo e estar em local tranquilo, um pouco afastado do centro da cidade, mas ainda assim seguro.

Ao tomar rapidamente nota das especificações de Diana, o gerente foi até uma sala lateral e voltou com alguns papéis.

— Nossa associação só tem 3 casas que cumprem seus requisitos no momento — informou o gerente a Diana — A 1ª casa tem 2 quartos, 1 de casal e 1 de solteiro, e custa 25 grandes moedas de platina; A 2ª casa tem 3 quartos, 1 de casal e 2 de solteiro, e custa 50 grandes moedas de platina; e a 3ª casa tem 3 quartos, todos de casal, e 2 deles têm banheiro próprio.

— O valor da 3ª casa é de 80 grandes moedas de platina, mas ela tem uma ampla área interna murada, bom isolamento sonoro nos quartos, uma grande banheira em cada um dos banheiros e também oferecemos pintura gratuita para cada parte da casa na cor você quiser — argumentou o gerente em favor da casa.

Após ouvir as opções e seus valores, Diana olhou furtivamente para Alexander e se decidiu. — Eu vou querer a 3ª casa… Mas nós podemos visitá-la para verificar o estado dela antes da compra?

— Naturalmente — respondeu o gerente sorrindo. — Eu vou providenciar uma carruagem para nos levar até lá.

— Tem certeza disso, Diana? — perguntou Alexander.

— Ela é cara e ainda falta a mobília — lembrou Alexander. — Assim você vai acabar ficando sem dinheiro quando terminar de comprar tudo.

— Mas eu gostei dessa — argumentou Diana decidida.

— Se comprar a 3ª casa, eu lhe dou desconto na mobília dela — disse o gerente ao ouvir a conversa deles.

— O valor de todos os móveis, utensílios e afins da casa é de 35 grandes moedas de platina — informou o gerente ao conferir seus documentos. — Mas se vocês fizerem essas compras em conjunto, o preço pelos móveis e a casa será de 110 grandes moedas de platina.

— E com o desconto de 10% que você nos ofereceu, o valor final é de 99 grandes moedas de platina, certo? — perguntou Alexander inocentemente, mas com um sorriso que não era nem um pouco um sorriso.

Ao ver o sorriso de Alexander, o gerente não pôde deixar de sorrir amargamente em resposta. Ele realmente não tinha medo de Alexander, mas quebrar a sua palavra e perder uma venda de quase 1 grande moeda de diamante negro por apenas 1 pequena moeda de diamante negro não parecia interessante para ele.

— Exatamente, caro cliente — respondeu o gerente com um sorriso forçado e profissional. — Com o desconto de 10% que prometi antes, o preço final é de 99 grandes moedas de platina.

— O que você acha, Diana? — perguntou Alexander com um sorriso genuíno.

— Acho perfeito — respondeu Diana alegremente.

— Já que é esse o caso, vamos verificar a casa — disse o Gerente.

Obs 1: Contribuição arrecadada para lançamento de capítulo extra: (00,00 R$ / 20,00 R$).

Obs 2: Chave PIX para quem quiser, e puder, apoiar a novel: 0353fd55-f0ac-45b5-a366-040ecefa7f7b. Caso não consiga copiar a chave pix, é só clicar nela que vai ser gerada uma aba/guia que tem como URL/Link a própria chave pix com algumas barras nas pontas: http://0353fd55-f0ac-45b5-a366-040ecefa7f7b/, e é só retirar a parte excedente.

Ps: Para finalizar, volto a reiterar que as publicações seguiram normais e recorrentes no ritmo mencionado mesmo que, por ventura, haja a publicação de capítulos adicionais.

Olá, eu sou o Kamislayer!

Olá, eu sou o Kamislayer!

Comentem e Avaliem o Capítulo! Se quiser me apoiar de alguma forma, entre em nosso Discord para conversarmos!

Clique aqui para entrar em nosso Discord ➥